Created with Sketch.
Susana Pinto

À conversa com: Pedro Sifredo – fotografia de casamento

Hoje conversamos com Pedro Sifredo, fotógrafo de casamento baseado em leiria, mas pronto para correr o país, ao vosso dispor.

Juntem-se a nós e fiquem a conhecer melhor o seu trabalho: para onde olha, porque o faz, as memórias que cria para cada um dos seus clientes noivos.

Os casamentos sempre me fascinaram pela quantidade de emoções envolvidas, histórias para contar e imprevistos que tornam cada um deles especial e único. Acho que é esse “irrepetível” que me cativa. Saio para cada casamento com a certeza de que nesse dia vou ter uma história nova para contar.

Conte-nos um pouco da sua viagem profissional até aqui, à fotografia de casamento.

Descobri a fotografia no secundário e foi amor à primeira vista, desde aí faz parte da minha vida.  A minha formação académica foi noutra área, mas nunca deixei de aprender e de estar atento a tudo o que dizia respeito à fotografia.

Há cerca de cinco anos achei que esse amor “era para a vida toda” e comecei o meu projecto de fotografia de casamento, primeiro com outros fotógrafos e, posteriormente, um projecto mais pessoal.

 

Há quanto tempo fotografa? E porquê casamentos?

Os casamentos surgem naturalmente na minha vida. Sou casado com uma wedding planner e temos uma empresa de eventos que faz cerca de 50 casamentos por ano, a Iguarias do Tempo. O meu primeiro trabalho foi, aliás, o portfólio da empresa, e é a partir daí que o projecto começa a crescer na minha cabeça.

Os casamentos sempre me fascinaram pela quantidade de emoções envolvidas, histórias para contar e imprevistos que tornam cada um deles especial e único. Acho que é esse “irrepetível” que me cativa. Saio para cada casamento com a certeza de que nesse dia vou ter uma história nova para contar. É quase como olhar para uma página em branco, pronta a ser colorida por mim.

 

Nestes tempos globais, em que as imagens circulam a uma velocidade vertiginosa e todos temos acesso a tudo, a qualquer hora, onde vai buscar inspiração?

A inspiração pode estar em todo lado, por isso vou buscá-la a tudo o que me rodeia, pois acho que somos aquilo que vivemos.  Logo, se quero mais inspiração, só tenho que “viver mais”.

É óbvio que me inspiro também em trabalhos de outros colegas, não necessariamente fotógrafos de casamento, pois gosto de estar atento ao que se vai fazendo. Faço também, no Inverno, alguns workshops e formações com outros fotógrafos que, para além do conhecimento que me trazem, permitem-me também conhecer outros companheiros de profissão, criar amizades e trocar experiências.

 

Como construíu a sua assinatura, como a define?

Sou fotógrafo um pouco como sou como pessoa:  discreto, natural e romântico, e acho que são estas três coisas que melhor definem a minha forma de trabalhar.

 

Pedro Sifredo Photographer - fotografia de casamento

 

Pedro Sifredo Photographer - fotografia de casamento

 

Pedro Sifredo Photographer - fotografia de casamento

 

Quando precisa de fazer reset, para onde olha, o que faz?

É cada vez mais importante esse reset, um espaço onde os casamentos não entrem e onde posso “estar” simplesmente, sem grandes preocupações com nada. Nesses momentos aproveito para ouvir música e pôr as séries e filmes em  dia, de preferência  com uma viagem à mistura.

 

Do centro de Portugal para o mundo, ou Portugal de lés a lés: fotografar casamentos estrangeiros é diferente de fotografar casamentos nacionais?

É diferente, porque as tradições são diferentes mas isso também acontece entre as várias regiões do país. Nacionais ou estrangeiros todos têm em comum o que para mim é o mais importante:  histórias para contar e emoções à flor da pele.

 

Qual é o seu processo de trabalho, como acontece a ligação com os seus clientes?

Eu procuro conhecer o melhor possível os meus clientes logo desde o início, enviando um questionário sobre os seus gostos pessoais. Normalmente faço também uma sessão fotográfica antes do casamento, o que ajuda a criar uma ligação.

É fundamental uma boa conexão com os noivos, pois vamos retratar um dos dias mais importantes da sua vida.

 

Pedro Sifredo Photographer - fotografia de casamento

 

Pedro Sifredo Photographer - fotografia de casamento

 

Pedro Sifredo Photographer - fotografia de casamento

 

Casamentos grandes ou pequeninos, nacionais ou estrangeiros, cerimónias emotivas, festas de arromba – qual é o tipo de festa que mais gosta de fotografar?

Não tenho um tipo de casamento que goste mais de fotografar. As emoções e histórias estão em todos eles, à sua maneira. Claro que há casamentos que gosto mais do que outros, não tem a ver com o tipo de casamento ou quantidade de convidados, mas sim com tudo o que  tive oportunidade de retratar nesse dia.

 

Qual é a melhor parte de ser um fotógrafo de casamento? E o mais desafiante e difícil?

Para mim é uma sensação óptima sair para fotografar um casamento e saber que vou ter historias novas para contar, pessoas para conhecer, sítios para explorar… é como abrir um caixa e saber que vão sair coisas fantásticas lá de dentro.

Os  maiores desafios às vezes são-nos colocados pela velocidade com que as coisas acontecem  no dia do casamento e que nos obrigam a tomar decisões rápidas e a estar sempre a antecipar o que vai acontecer.

 

Escolha uma imagem favorita do teu portfolio e conte-nos porquê.

 

Pedro Sifredo Photographer - fotografia de casamento

 

Tenho alguma dificuldade em escolher uma foto favorita, é quase como me pedir para dizer de que filho gosto mais, pois coloco em cada uma delas a mesma energia e a mesma entrega. Vou escolher uma foto de um casamento já deste ano, que estou a editar, porque define um pouco a maneira como vivo este assunto.

Estava a chover bastante no dia e os noivos estavam um pouco tristes porque queriam muito tirar retratos no exterior e o tempo não estava a ajudar. A meio da tarde, veio uma aberta pequena em que chovia um pouco menos, já dava para nos aventurarmos para o exterior, e fui falar com os noivos que aceitaram, com um sorriso, a minha proposta de irmos apanhar ar.

Saímos e, de repente, a chuva deu-nos tréguas, o que me permitiu fazer algumas boas fotografias, entre as quais esta.  Para mim o casamento é isto, nunca desistir e dar o melhor de mim a um casal que me confiou as memórias de um dia tão importante. Às vezes universo conspira a nosso favor e permite-nos momentos destes.

 

Os contactos detalhados de Pedro Sifredo Photographer estão na sua ficha de fornecedor. Espreitem a galeria, feita de belas imagens, e contactem o Pedro directamente através do formulário: é só preencher com os vossos dados e mensagem, e na volta do correio, terão uma resposta simpática.

 

Acompanhem estas nossas conversas longas com fornecedores seleccionados Simplesmente Branco, sempre à quarta-feira!

 

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.