Created with Sketch.
Marta Ramos

Vestidos de noiva St. Patrick na Vestidus: colecção White One

Setembro é o mês de começar a pensar no vestido de noiva. As colecções para o próximo ano começam agora a chegar às lojas: a Vestidus, por exemplo, já recebeu quase todos os modelos da Pronovias Fashion Group. E é sobre este assunto que vos queremos falar. É que o famoso grupo tem este ano uma novidade: a grande aposta recai sobre a marca St. Patrick, que é dividida em várias colecções. A Sara, da Vestidus, escolheu as três colecções de topo para o seu atelier: St. Patrick Studio, La Sposa e White One. E vai apresentar-nos cada uma detalhadamente, para que vocês possam começar a tomar notas.

Nunca é demais recordar os sábios conselhos que a Sara vos deixou no nosso artigo de wise words dedicado à escolha do vestido de noiva, para vos ajudar a perceber por onde começar: «Pesquisar imagens, inspiração. É importante que pesquisem de forma a se identificarem com um determinado estilo ou corte. Numa primeira fase, não importa saber se esse é o estilo que mais a valoriza. Esse momento fica guardado para quando visitarem uma loja e tiverem oportunidade de experimentar os vestidos. Identifiquem o estilo que mais gostam e quais as lojas que têm esse tipo de modelo que vai ao encontro do vosso gosto, localização e orçamento. Depois é o momento de agendar visitas.»

Ora bem, então se a palavra de ordem é pesquisar, comecemos pela linha White One da St. Patrick: «Uma colecção de modelos carregados de frescura e naturalidade, perfeitos para fazer brilhar todas as noivas. Em termos de novidades para 2018, destaco as alças descaídas e as sais com racha. Mantêm-se as costas decotadas e as rendas, os decotes ilusão, o crepe, o chifon, o mikado e os bolsos.» A Sara acrescenta ainda que o valor destes vestidos de noiva se situa entre os 1.040€ e 1.470€. Vamos espreitar?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Se viram aqui alguma coisa que vos acelerou o coração, marquem já um atendimento personalizado na Vestidus – aproveitem para espreitar as nossas dicas sobre como preparar as provas para que corra tudo sobre rodas. Se não acertarem à primeira, nada de nervos! Essa ideia feita de que quando vestirem o vestido certo, saberão, é um mito: o vestido certo é tão só e apenas uma segunda pele. E isto significa que flui convosco e que vos deixa um sorriso e brilho no canto dos olhos. Se acontece à primeira, se precisa de 7 provas ou vários dias para decidir, não conta na equação e é apenas a vossa personalidade (e instinto!), a funcionar.

O mais importante é que relaxem e que se divirtam o mais possível no processo! Aproveitem e conheçam também as principais tendências para os vestidos de noiva de 2018 identificadas pela Sara na Barcelona Bridal Fashion Week. Pesquisar, pesquisar!

Marta Ramos

Wise words: Protocolo I – o dia do casamento

A palavra protocolo vem sempre carregada de peso e formalidade, mas apenas significa um conjunto de regras que regulam uma situação formal e pouco habitual. Podem ser mais rígidas e complexas, ou ligeiras e mais leves; no fundo, a forma como encararem todo processo é que definirá a fluidez dos procedimentos.

No caso do dia do casamento, quase podemos trocar o termo por simples boa educação e maneiras: saber a quem dar o braço, sentar quem e onde, quem vai com quem, são questões que chamamos de protocolares, mas facilmente resolvíveis com uma boa dose de bom senso.

As nossas wise words de hoje são dedicadas a ajudar-vos a navegar pelo grande dia com cortesia.

No fundo, a regra é apenas esta: atravessarem o dia vestindo a pele de genuínos anfitriões: atentos, com boas maneiras, acessíveis e gentis. Juntem uma generosa pitada de bom senso, fará de vocês o par mais bonito e simpático do mundo! – Queres casar comigo?

Imaginemos, então, que estamos todos à porta da igreja.

Postas as regras em prática, o noivo entra com a mãe; na sua ausência, pode fazer-se acompanhar da madrinha de baptismo, da irmã, ou de uma amiga de família muito especial.

A noiva entra pelo braço do pai e só depois do noivo, da família e dos convidados. Um atraso de 10 a 20 minutos é aceitável, mais do que isso já é pouco simpático e pode ser considerado má educação.

As famílias de ambos ocupam os primeiros bancos dos dois lados, atrás sentam-se os convidados.

Finda a cerimónia, os noivos e padrinhos tratam das assinaturas, os convidados saem e aguardam-nos para a chuva de pétalas e arroz (atirados para cima, não aos noivos!).

 

Look Imaginary - fotografia de casamento

 

No cocktail de recepção, os pais recebem os convidados, e os noivos, os últimos a chegar, devem tentar cumprimentar e agradecer a vinda dos familiares e convidados. Todas estas pessoas vão querer dar-vos um abraço e partilhar o amor, é o momento certo para vibrar e retribuir toda esta energia e felicidade palpáveis!

Terminado o cocktail, segue-se a refeição sentada: entram primeiro os pais, que dão indicação aos convidados, e em último os noivos, em entrada festiva e com banda sonora a preceito (ou de modo mais singelo e natural, o que for a vossa cara e feitio será a decisão certa!).

Na mesa, os padrinhos sentam-se lado a lado dos noivos, seguidos dos pais.

Já na sala, distribuam os convidados, mantendo a regra menino+menina: junto da mesa principal deverão ficar as mesas dos familiares, com os membros das famílias bem distribuídos. Não criar separações, os meus e os teus, é de bom tom e ajuda a estreitar laços, terão pela frente muitos Natais, aniversários e almoços de domingo; quando todos se conhecem melhor, o ambiente é muito mais simpático e descontraído!

Podem equilibrar as mesas em termos de idades, é perfeitamente aceitável e até mais confortável para todos, para que as conversas entrem rapidamente em sintonia de assuntos e tom.

Se há pais separados e situações delicadas, tudo se resolve com diplomacia e doçura: na mesa dos noivos ficam os ditos e os padrinhos, e prepara-se uma mesa de pais, com sinalética especial, onde se sentam também os familiares mais queridos e os convidados de honra: se o pai da noiva está sem acompanhante, sentem-no junte aos pais do noivo, todos pertinho de vocês.

Não isolem os solteiros, distribuam-nos pelas mesas e misturem-nos com os casais: ao contrário do que imaginam, todos se sentem menos constrangidos!

 

Look Imaginary - fotografia de casamento

 

Se há muitas crianças que já comem sozinhas, preparem uma mesa especial para elas e não dispensem ajuda profissional para as acompanhar – toda as partes agradecem, miudagem incluída.

Os menos jovens também merecem e precisam de atenção especial: mesas de fácil acesso, longe do barulho, em boa companhia e se possível, também com um mimo especial.

Terminamos o protocolo com o plano com a distribuição, literal, dos lugares. Se possível, marquem cada lugar de modo individual, com o nome do conviva (e podem manter o seating plan na mesma, agiliza o processo). Um cartãozinho com o nome de cada um é muito simpático e ultrapassa qualquer constrangimento que surja (“mas como é que esta miúda gira se chama…?”, “este casal simpático, quem serão?”), é um modo muito mais elegante de criar boas relações à mesa.

Acima dos 200 convidados, ponderem um livrinho de distribuição de lugares: é o mesmo que o tradicional quadro com a lista de mesas e respectivos ocupantes, mas em forma de livrinho pequeno, colocado em local bem visível, com uma legenda explicativa. Um exemplar para cada dois convidados será mais do que suficiente e torna viável e agiliza a circulação e distribuição de tanta gente, de forma autónoma.

Não se pode exigir ao convidado que não dispa o casaco à mesa para comer (protocolo dixit!), mas podemos proporcionar-lhe a oportunidade de conhecer alguém interessante!

 

Look Imaginary - fotografia de casamento

 

Terminado o jantar, cortado o bolo e com a festa a rolar em modo rijo e farto, algumas pessoas começarão a partir. Fiquem atentos às despedidas e deleguem nos vossos pais a cortesia de acompanhá-las até à saída.

 

E pronto. Fechado que está o protocolo do dia, só vos resta gozar a festa até ao último instante e depois partir para a lua-de-mel dos vossos sonhos (de preferência depois de um dia de descanso!) Atenção que ainda vos falta completar o círculo com os agradecimentos – mas chegaremos a esse assunto em breve. Para já, have fun!

 

Fotos: Lookimaginary – Authentic Wedding Stories

Susana Pinto

20 convidados e um casamento: Valérie + Vincent, na Quinta de Sant’Ana

Valérie + Vincent casaram em pleno Agosto na Quinta de Sant’Ana e foram fotografados com muito carinho e foco pela dupla Menino conhece Menina.

Este casamento rústico foi totalmente singular: um grupo mínimo e muito especial de 20 pessoas, e a filhota do noivos a fazer parte da sessão fotográfica do casal, num registo intimista, atento e cheio de doçura – características possíveis nesta escala tão personalizada, um luxo muito bem aproveitado por esta dupla de talentosos fotógrafos.

Fechamos desta forma muito especial a nossa saison de real weddings. Vamos a banhos e retomamos a agenda, fresquíssimas, dia 1 de Setembro.

Até já!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

When the answer was “yes!”, how did you imagine your day?

We both imagined a day with closest friends and family. A tiny, intimate yet beautiful wedding. We absolutely wanted to make this day, our day. Since we really wanted to travel to Portugal, we decided to have a destination wedding.

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Did you feel prepared or was it a nerve-racking path?

The organization from Canada was somewhat a complicated path at moments, especially at the beginning because it was difficult to find local contacts, venue, addresses… We were close to simply cancel the wedding.

After months of looking at blogs, Pinterest and admiring Quinta de Sant’Ana weddings we finally decided to communicate with them and from there everything went smoothly. We trusted them with our day. Everything was organized within a few weeks.

We felt prepared thanks to all the staff from Quinta de Sant’Ana. They were simply wonderful from the start and made our special, perfect. After being in contact with the team, I then found the great make-up artist Joana Moreira and then Raquel and Daniel from Menino Conhece Menina. Everyone helped us to finalize our wedding day without stress and a lot of professionalism. Everyone was simply lovely.

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

At what point in the marriage organization did you feel, “this is for real”?

When we started planning with the team of Quinta de Sant’Ana, our dream to make our wedding on Portugal became real. The arrival at the Quinta was a moment we will never forget, it was picturesque.

 

Is the result true to the initial ideas or is it very different? Did you have any help?

It was more than we anticipated, it was a dream come true!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

What was fundamental to you? And unimportant?

Vincent: For me, it was essential to have my best friends at the weeding. Valerie and myself are only-child, our friends are family.

Valérie: I simply wanted a beautiful and intimate wedding surrounded by loved ones. Sadly my mother was unable to travel to Portugal due to her health but the Quinta de Sant’Ana team and Nelson dos Santos made sure the internet connection worked throughout the day, so that my mother and other family members from Canada could be part of this day.

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

What was easier? And what was more difficult?

It was difficult to have everyone coming to Portugal. Our guests were traveling from several locations in Canada and France, so it was a lot of coordination for us.

We arrived first in the Quinta with some family members, then everything became much easier!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

What was the sentimental peak of your day?

Saying yes in the vineyard.

At the beautiful heartwarming speeches from family and friends filled with sentimental moments.

The video our friends and family that Virginie, a good friend of ours, edited to surprise us during the reception.

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

And the peak of fun?

Our friend Mick mixing with DJ Bully was great!

Vincent: I had a nice time before I got dressed. We had a lunch in a small restaurant in Gradil, then we went to the swimming pool. It was relaxing.

Valérie: Well, the preparation was not as fun and stress free as the boys but still filled with beautiful moments. I had so many peaks of fun. From walking the aisle with my father and daughter, to seeing so many people we love sharing this day with us in Portugal, to the cocktails after the ceremony, to dancing the night away.

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

A special detail …

There are so many of them…

 

Now that it has happened, would you have changed anything?

We would change absolutely nothing! It was an amazing day and week for us and our guests. From the venue, the housing, the friendly team and wonderful Ann Frost to the delicious food that every guest still talks about, to the cake and midnight lunch, to the fun and friendly DJ Nelson. And let’s not forget the dog, chickens and doves that also participated in our special day.

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Some words of advice for upcoming brides …

Remember to soak in the moment. This is your day but also the day of your significant other. Make it yours!

Surround yourself with love and people that will remind you to eat and laugh. Really look around at everyone and think how much they mean to you and tell them. Whether it’s a personalized letter or simply a hug. Feel every moment and eat!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana, fotografado por Menino conhece Menina

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites: Virginie Laumaillier;

local, catering, bolo, decoração, bouquet e materiais gráficos: Quinta de Sant’Ana;

fato do noivo e acessórios: fato Tiger of Sweden; sapatos FilipaK;

vestido de noiva e sapatos: vestido Cassie Wedding Dress, sapatos Floral Nine West;

maquilhagem: Joana Moreira;

cabelo: Daniel Neron, o pai do noivo, que é hairstylist;

lembranças para os noivos: biscoitos  em forma de azulejo, T Bakes;

fotografia: Menino conhece Menina;

video: filmado por Virginie Laumaillier e editado pela noiva, Valérie Néron;

luzes, som e DJ: DJ Bully, Nelson Dos Santos.

 

Marta Ramos

Real makeup, por Kabuki makeup by Rita Amorim

A Filipa Saleiro casou no dia 27 Maio e escolheu a Kabuki makeup by Rita Amorim para maquilhá-la no grande dia: «Sem dúvida a melhor maquilhadora que podia ter escolhido! Sempre preocupada com todos os pormenores, uma querida! Deixa-nos super à vontade, parecia que já nos conhecíamos há anos!
Desde pequenina que tenho problemas de pele e raramente coloco maquilhagem mas a Rita conseguiu fazer magia e dar um toque especial à minha pele no meu dia de casamento! Super leve, alegre e acreditem, a maquilhagem durou o dia todo, impecável! Além disso ainda maquilhou a minha mãe, sogra, madrinha e cunhada, que ficaram lindas, lindas, lindas! Só posso agradecer toda a sua dedicação!»

Quando recebemos este feedback tão positivo da Filipa, resolvemos pedir à Rita Amorim que nos contasse o seu lado da história – como se desenrolaram as coisas para chegar a um resultado tão perfeito:

«O primeiro contacto da Filipa Saleiro foi através de mensagem no Facebook. Contactou-me em Setembro de 2016, com casamento marcado para Maio de 2017. Perfeito, 9 meses de antecedência! Pode até parecer exagerado, mas garanto: não é.

Muitas vezes as noivas, ao criarem o seu calendário para a organização do seu casamento, deixam a marcação de maquilhagem e/ou penteado para mais tarde, convencidas de que facilmente conseguem contratar profissionais destas áreas, mais perto da sua data de casamento. E podem ter sorte, mas nem sempre é assim. Idealmente, entre 9 a 12 meses de antecedência é sem dúvida o timming perfeito, mas há excepções e por vezes temos sempre horários nas marcações, possíveis de conciliar.

Contactar os profissionais e pedir orçamentos com mais antecedência só traz vantagens (pelo menos, comigo):

. terão tempo de recorrer a vários pedidos de orçamento e analisar os diferentes orçamentos;
. terão tempo para perguntar sobre a formação da profissional;
. terão  para analisar o portefólio de trabalhos de cada profissional e escolher através das fotos, qual o género que mais se adequa aos seus gostos e personalidade;
. poderão manter contacto com todas as maquilhadoras contactadas, para esclarecer possíveis detalhes ou dúvidas;
. farão uma escolha consciente da sua decisão, com calma, sem pressão, sem dúvidas e sem o receio de terem recorrido à única pessoa que estava disponível;
. poderão iniciar um tratamento de pele e ver resultados, pedindo à maquilhadora ajuda ou algum aconselhamento (aproveitem, meninas!);
. ficam com um dos assuntos da organização do casamento resolvido e com menos uma tarefa por cumprir na longa lista. 

A Filipa foi exemplo disto e os 9 meses de antecedência permitiram-nos ter todo o tempo de que precisámos, sem qualquer pressão. O teste correu muito bem – até a sogra da Filipa quis fazer um teste por ter imenso receio de usar maquilhagem. O resultado de ambas deixou-as muito satisfeitas e para mim essa é sempre a maior alegria. 

Ouvir e estar atenta às minhas clientes é fundamental para perceber os seus anseios. Saber interpretar o que pretendem requer este cuidado. Saber ouvir é fundamental.

 

Vejam agora a Rita Amorim em acção, fotografada por Aguiam Wedding Photography:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Já leram a entrevista que a Rita Amorim nos deu? Não percam a oportunidade de conhecerem-na melhor – e, claro, naveguem por todos os artigos que já publicámos com a assinatura Kabuki.  E falem com a Rita, ela terá todo o prazer em vos esclarecer quaisquer dúvidas.

Marta Ramos

Design Events Wedding, um fornecedor Simplesmente Branco

Organizar o vosso casamento sozinhos pode parecer divertido e romântico ao início, mas não é de todo o melhor caminho, se querem desfrutar do processo – e do noivado! Maria João Soares sugere que assumam as rédeas do projecto, que se dediquem a alguns pormenores nos quais poderão imprimir o vosso cunho pessoal, mas que deleguem as ‘dores de cabeça’ num profissional de organização de casamentos. E, ao contrário do que poderão pensar, esta é uma alínea do vosso orçamento que vos poderá ajudar a encurtar a soma final.

Mesmo que já tenham algumas ideias definidas, um bom profissional de organização de casamentos pode ajudar a rentabilizar ainda mais as vossas escolhas. – Maria João Soares

A Design Events Wedding é uma pequena empresa que se dedica a tornar os dias de festa ainda mais especiais.
Desenham ambientes elegantes, frescos, sofisticados, clássicos ou românticos, que são o reflexo dos noivos, e ainda aconselham e acompanham todos os detalhes, sejam eles as flores perfeitas que não se encontram em lado nenhum ou o vestido da mãe que está indecisa na cor que melhor lhe fica.
Acreditam seriamente que a festa é vossa e, por isso, deve ser celebrada à medida dos vossos sonhos! Orgulham-se de prestar um serviço muito orientado para o cliente; e da qualidade da prestação dos serviços. O cliente é o foco principal da Design Events Wedding.

 

Design Events Wedding, um fornecedor seleccionado SB

 

 

 

 

ACOMPANHEM OS POSTS que vamos publicando acerca do trabalho da Design Events Wedding e contactem-nos para falar sobre o vosso casamento e qual o mood em que gostariam de celebrá-lo. Encontrarão todos os contactos e informações relevantes na ficha de fornecedor seleccionado.

E leiam mais conselhos da Maria João no nosso artigo de wise words dedicado ao arranque do processo; e também no livro Queres Casar Comigo, escrito em parceria pela wedding planner e pela nossa editora executiva, Susana Esteves Pinto.

 

Design Events Wedding: SB aprova!

Marta Ramos

A luz que há na escuridão, por Diana Nobre

Para todos vocês que têm casamento marcado para 2018, hoje é um bom dia para vos lembrar da regra número um da escolha do vosso fotógrafo: a antecedência! Os melhores profissionais são também os mais concorridos, e no caso dos fornecedores que terão que estar presentes no dia do casamento isso implica que ou vocês fecham a data primeiro, ou alguém o fará no vosso lugar. Seis meses no mínimo, mas um ano dá-vos mais folga.

Há muitos bons fotógrafos a trabalhar em Portugal, é um motivo de orgulho para nós – só aqui na nossa lista de fornecedores seleccionados encontrarão mais de 30 fichas para analisar. Então, a questão que se coloca agora é: como escolher? Comecem por anotar os nomes que vos agradam e tomem notas para cada um deles. Lembrem-se de que a palavra-chave aqui é afunilar, por isso qualquer coisa que vos desagrade deve empurrar o nome correspondente para o fim da lista.  Não deixem de ler o nosso artigo de wise words dedicado a ajudar-vos a escolher os fotógrafos e videógrafos perfeitos para o vosso dia, encontrarão lá coordenadas extremamente úteis.

A qualidade do trabalho dos fotógrafos que vocês escolherem deve ser, claro, um argumento de topo; mas valorizem igualmente a qualidade do atendimento. Se, quando começarem a contactar os vossos preferidos, se sentirem acarinhados, ouvidos, respeitados, certamente que o vosso casamento será fotografado na mesma medida.

Posto isto… descontraiam! Sim, é possível. Comecem já a praticar com estas belíssimas imagens, tão escuras e tão iluminadas, assinadas pela fotógrafa Diana Nobre.

 

 

 

 

Escolhi ser fotógrafa de casamentos porque sou muito sensitiva, adoro captar emoções, tudo que nos causa sensações.

Diana Nobre fotografa para expressar todas as emoções, sentimentos e estados de espírito. Daí que se sinta privilegiada a cada casal que lhe dá a conhecer a sua história. Nessas histórias que capta, o seu objectivo, o seu maior desafio, é chegar a um resultado final que permita reviver todos aqueles sentimentos genuíno, puros, de duas pessoas que se amam e que estão tremendamente felizes.

Vejam aqui outros trabalhos da Diana Nobre já publicados por nós e falem com ela; a Diana nunca perde a oportunidade de captar uma boa história.

Marta Ramos

Wise words: Lembranças para os convidados

É mais um dos itens da lista de tarefas que parece coisa fácil de resolver e, por essa razão, costuma ser empurrado para baixo – e depois chega a hora H e entra-se em pânico: o que oferecer aos convidados que diga ‘obrigado por terem vindo’, que seja bonito e que demonstre que vocês pensaram de facto nas pessoas que irão receber as vossas lembranças? As nossas wise words são dedicadas a ajudar-vos a resolver este assunto com elegância e simpatia.

Os nossos fornecedores seleccionados têm várias opções de objectos bonitos que vocês podem personalizar, e que cumprirão muito bem a tarefa de agradecer a presença dos familiares e amigos que partilharam convosco o vosso dia feliz.

. Precisamos mesmo de oferecer alguma coisa aos convidados?
. Não, já lhes estão a proporcionar uma festa e pêras, refeição e baile incluídos. No entanto, agradecer a gentileza da presença é sempre simpático e há maneiras bonitas e simples de o fazer: a mais directa ao coração, é escolherem uma instituição e fazerem um donativo em nome dos convidados. Podem mencioná-lo num pequeno cartão que acompanha um bombom, ou na altura do brinde. – Queres casar comigo?

Foi partindo desta premissa que abrimos criámos a secção PARCEIROS SIMPLESMENTE BRANCO, uma porta aberta a instituições cujo trabalho admiramos. Sabemos que vocês valorizam muito cada um dos convidados do vosso casamento e que lhes querem agradecer a presença com uma oferta de coração. O que melhor do que contribuir, em nome deles, para o bem de quem mais precisa? Quando os vossos convidados receberem um bonito cartão ou um objecto a dizer-lhes que, por intermédio vosso, ajudaram um boa causa, vão saber que o mundo está um bocadinho melhor graças a todos vocês. E isto, meus caros leitores, é amor.

 

 

 

 

«É uma ideia genial, acreditem! Acabam com a pegada ecológica, facilitam alguma logística, ajudam quem precisa, à medida da vossa generosidade, sensibilizam os vossos convidados e amigos e podem, com isso, gerar  toda uma cadeia de partilha de conhecimento e valor para com a instituição que escolheram, de forma pública, informada e, com uma dose de optimismo, viral (e que bonito que isso pode ser…!).

AS QUE SUGERIMOS NA NOSSA LISTA partem de escolhas pessoais, minhas e da Marta: porque conhecemos pessoas envolvidas de ambos os lados (quem lá trabalha e quem foi ajudado), e por contactos profissionais que vamos tendo – todos estes projectos são valiosos e muito importantes nas comunidades que servem, e revemo-nos neles. Já o dissemos – É A NOSSA PARTE FAVORITA DO NOVO SIMPLESMENTE BRANCO.

Considerem doar 1% do vosso orçamento a uma instituição à vossa escolha (é isso mesmo, unzinho!), como substituto das lembranças para os convidados. – Susana Esteves Pinto

Se a ideia vos faz sentido mas ainda assim vos deixa uma sensação de falta – gostavam mesmo de entregar algo de físico aos vossos convidados – juntem o melhor de dois mundos, pois então. Temos três sugestões para arrumarem com graça e com estilo a questão.

A primeira são os chocolates absolutamente divinais da Pedaços de Cacau: seja um bombom, uma pequena tablete, um lollipop – sob diversas formas, o chocolate belga com recheios sumptuosos como o limão, o mel ou – imaginem! – o manjerico, deixará garantidamente uma impressão inesquecível nos apreciadores de coisas verdadeiramente boas.

Outra ideia, que pode ser complementar à primeira, distribuindo ambas pela lista de convidados (mas com critério, e nada de divisões por género!) são as adoráveis garrafinhas de Licor Beirão. Os vossos amigos e familiares vão regressar a casa de coração cheio, um sentimento simbolizado neste brinde de casamento: uma pequena garrafinha que leva, no seu interior, anos e anos de afectos e paixão diluídos naquele que é unanimemente considerado como o licor de Portugal.

A nossa terceira sugestão volta a apontar o foco à instituição que vocês escolherem para brindar com 1% do vosso orçamento: peçam à Molde Design Weddings, à Diferente, à Amor à Portuguesa ou à Caramelo que vos desenhem um cartão bonito ou outro objecto gráfico em que agradecem aos vossos convidados a vinda ao vosso casamento e ainda lhes comunicam que, graças à presença deles, muitos sorrisos se acenderão. Podem também, claro, fazer a encomenda directamente ao vosso fornecedor de convites.

 

 

 

 

Seja qual for a vossa escolha, seja qual for a combinação por que optem, estarão garantidamente a fazer uma boa acção e a inspirar todos os vossos convidados a repetirem o gesto, a acompanharem o trabalho daqueles que vocês decidiram ajudar, e a passar a palavra – nas próximas celebrações, nos próximos casamentos, nos eventos empresariais, onde quer que esteja alguém que constasse da vossa lista, haverá uma possibilidade de que o vosso exemplo seja seguido. Pay it forward, uma receita de uma genialidade absolutamente simples, capaz de mudar o mundo!

Neste momento, encontrarão na nossa sala de visitas dedicada aos Parceiros SB cinco instituições cujo trabalho admiramos profundamente: o Olha-Te, sediado nas Caldas da Rainha, que apoia doentes oncológicos e os seus companheiros de luta com actividades de carácter artístico, lúdico e de desenvolvimento pessoal; a Operação Nariz Vermelho, que espalha alegria pelos nossos hospitais; a Make-a-Wish, que realiza desejos e enche corações; a ENCONTRAR+SE, que encontra caminhos para uma vida com qualidade apesar da doença mental; e a ASBIHP, que se dedica à capacitação e superação das dificuldades de pessoas com Spina Bífida e/ou Hidrocefalia.

Estes são os nossos Parceiros, so far; mas se tiverem algum projecto de estimação a quem queiram dedicar este gesto, força. Acompanhada de um chocolate, de um licor, de um cartão, seja como for, a notícia do vosso donativo em nome dos vossos familiares e amigos será mais um momento de amor no vosso dia. E que melhor lembrança de casamento do que um momento de amor?