Fornecedor Seleccionado Arquivos - Página 3 de 319 -  Simplesmente Branco 

0 Comentários

Flowers on my mind, por Green Pic’k

A primeira coisa que nos vem à cabeça quando pensamos na Green Pic’k são os quadros vivos com suculentas, uma inequívoca imagem de marca do trabalho das arquitectas paisagistas Carolina Claro e Sofia Oliveira. Mas há muito mais coisas bonitas a sair daquele atelier, tal como vos temos vindo a mostrar.

Ultimamente, andamos perdidas de amor pelas headpieces da Green Pic’k. Num post anterior, elegemos um acessório para o cabelo de cores vivas. Hoje escolhemos suavidade. O que vos parece esta combinação, em sintonia com o bouquet?

 

 

 

Vejam mais criações Green Pic’k no Pinterest e no Instagram e acompanhem as últimas novidades via Facebook. E não deixem de dar um alô à Carolina e à Sofia, caso tenham alguma questão a colocar ou uma ideia muito específica em mente. De certeza que elas vos poderão ajudar.

 

 

0 Comentários

Paixão à primeira vista, na Quinta de Sant’Ana

A Rita e o Francisco casaram em Setembro e, quando começaram a organizar o seu dia, procuravam, acima de tudo, um sítio que tivesse uma ligação forte com a natureza, de uma forma simples e descontraída, mas com um toque de sobriedade e elegância. A Quinta de Sant’Ana foi o único sítio que visitaram – foi paixão à primeira vista: «Por tudo. Pela envolvência daquele sítio, pelo que nos fez sentir, pelas pessoas que conhecemos, e pelas histórias de romance antigas que me fizeram sonhar», conta-nos a Rita.

Para além da Quinta de Sant’Ana e da sua equipa, a Rita e o Francisco contaram ainda com o toque mágico da Jukebox para pôr toda a gente a dançar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E que conselhos deixa este casal aos noivos em fase de preparativos? «Que encarem este dia como um dia que deve ser à vossa medida e não ao estilo de mais ninguém. Por outro lado, na fase de planeamento, deleguem o mais possível para se poderem focar nas coisas mais importantes e que podem fazer a diferença. No nosso caso, a Quinta de Sant’Ana organizou absolutamente tudo, apenas com conversas pontuais de alinhamento. E foi de facto um descanso!»

 

Fotos: Love is My Favorite Color

 

0 Comentários

Paixão à primeira vista, na Quinta de Sant’Ana

A Rita e o Francisco casaram em Setembro e, quando começaram a organizar o seu dia, procuravam, acima de tudo, um sítio que tivesse uma ligação forte com a natureza, de uma forma simples e descontraída, mas com um toque de sobriedade e elegância. A Quinta de Sant’Ana foi o único sítio que visitaram – foi paixão à primeira vista: «Por tudo. Pela envolvência daquele sítio, pelo que nos fez sentir, pelas pessoas que conhecemos, e pelas histórias de romance antigas que me fizeram sonhar», conta-nos a Rita.

Para além da Quinta de Sant’Ana e da sua equipa, a Rita e o Francisco contaram ainda com o toque mágico da Jukebox para pôr toda a gente a dançar.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E que conselhos deixa este casal aos noivos em fase de preparativos? «Que encarem este dia como um dia que deve ser à vossa medida e não ao estilo de mais ninguém. Por outro lado, na fase de planeamento, deleguem o mais possível para se poderem focar nas coisas mais importantes e que podem fazer a diferença. No nosso caso, a Quinta de Sant’Ana organizou absolutamente tudo, apenas com conversas pontuais de alinhamento. E foi de facto um descanso!»

Fotos: Love is My Favorite Color

 

0 Comentários

Damos as boas-vindas: Pedro Sifredo Photographer!

As boas-vindas de hoje são dadas ao Pedro Sifredo!

 

O Pedro vive em Leiria com a Joana e os dois filhos do casal. Para além de ser marido e pai, é também fotógrafo de casamentos. E é neste triângulo amoroso que se sente feliz.
Apaixonou-se pela fotografia aos 15 anos, quando recebeu a sua primeira Reflex, e desde o ano de 2010 que faz dela a sua profissão. Hoje é feliz a eternizar os momentos de um dos dias mais importantes da vida dos seus clientes de forma criativa, discreta, espontânea e natural.

Acredita que nós somos aquilo que vivemos e, por isso, vai buscar inspiração a tudo o que o rodeia – sendo a família a sua principal musa.

 

Casal de noivos a dançar

 

Não deixem de visitar o site do Pedro Sifredo Photographer para conhecerem um pouco mais do seu trabalho; e acompanhem as últimas através do Facebook e do Instagram.

E, para mais detalhes, consultem a ficha de fornecedor seleccionado.

 

Pedro, bem-vindo ao Simplesmente Branco!

 

0 Comentários

“Simplesmente Branco é…”

 

…iniciar uma nova aventura”.

Fotografia bonita da dupla mais doce: My Frame.

Boa semana!

 

1 Comentário

Mariana + Francisco: um casamento rústico e oh so chic!

Da Holanda para Viseu, com a ajuda dos amigos e família: assim aconteceu o bonito casamento rústico e oh so chic da Mariana + Francisco, filmado pela dupla Vanessa & Ivo, e fotografado lindamente por outra dupla, Marta Barata e Luís Mateus, da Lounge Fotografia.

Hoje, para além das imagens, trazemos o filme, o que faz desta publicação um belo momento. Tomem nota da belíssima e generosa oferta dos noivos aos convidados.

Celebremos então esta primavera que chegou, antecipando o fim-de-semana com sol, festa, amizade e muito amor!

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Boutonnière rústica com flores brancas

 

Convites de casamento em papel kraft

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Imaginámos que seria sobretudo um dia para nos reunirmos com a nossa família e os nossos melhores amigos. Uma festa familiar, “informal”, relaxada e com muita cor para celebrar o amor e a amizade. Imaginámos que gostaríamos de festejar ao ar livre e de experimentar um conceito mais espontâneo de casamento.

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Bouquet de noiva rústico e romântico

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

O empenho foi máximo e o entusiasmo ainda maior. O facto de termos decidido preparar este projeto de fio a pavio (desde o conceito à execução) trouxe alguns nervos e muitas responsabilidades. Queríamos que tudo corresse conforme as nossas expectativas e conforme planeámos e imaginámos. Isso traz naturalmente muitos nervos! De qualquer modo, olhando para trás, isso fez do nosso dia – e dos 9 meses antecedentes – tempos fantásticos que iremos recordar com muita saudade. Lembramo-nos por exemplo do dia em que com o nosso amigo Nuno criámos o início da nossa identidade gráfica. Comprámos tintas, fomos à florista, e fizemos os decalques de plantas em nossa casa. Quando as coisas são pensadas e feitas de um modo tão pessoal, acaba por ser tudo especial.

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Em relação à decisão de casar não houve propriamente um momento “é mesmo isto”. Era definitivamente isto!

Em relação aos preparativos, foi o dia em que visitámos a Quinta da Cerca pela primeira vez. Como moramos na Holanda, contámos com o apoio incansável dos nossos pais que visitaram todas as quintas por nós. Enviaram-nos dezenas e dezenas de fotografias e vídeos (até esquiços!) e foi a Quinta da Cerca que mais nos entusiasmou. Quando visitámos a quinta pessoalmente, a decisão tomou-se de imediato. “É mesmo isto”. Desde os espaços exteriores (jardins, relvados, pomares e vinhas) aos edifícios e espaços interiores tudo estava feito à medida daquilo que imaginámos. A disponibilidade dos donos da quinta para nos receber inúmeras vezes depois dessa primeira visita foi um facilitador extra.

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

De um modo geral, o resultado foi fiel às ideias, mas naturalmente nem tudo corre conforme planeado, desde já porque a semana anterior ao casamento passou a correr e algumas cedências tiveram de ser feitas. Mas isso acabou por ser absolutamente irrelevante. Tudo e todos que importavam estavam lá.

Para os arranjos florais e para as montagens da decoração, contratámos ajuda profissional.

A nossa família e aos nossos amigos juntaram-se a esta aventura a 100%, e a ajuda deles foi absolutamente preciosa. Desde o design gráfico, até ao som/luz, passando pela organização, pela almofada das alianças, pelo transporte de colunas e luzes, pela montagem e logística de mil e uma coisas, tudo foi feito com a ajuda imprescindível destas pessoas. O Francisco esteve na quinta quase até às 3 da manhã na véspera do casamento a fazer montagens. A Mariana esteve em casa com as amigas onde se costurou até às tantas! Não sabemos se já agradecemos ao nossos amigos e à nossa família o suficiente, mas esperamos que sim!

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Decoração de casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

O fundamental para nós seria passar um dia muito feliz e aproveitar a oportunidade de o partilhar com as pessoas que nos são tão importantes. É uma oportunidade irrepetível. Quanto aos formalismos típicos de um casamento, esses, para nós, tiveram muito pouca importância. Queríamos um casamento à nossa medida e por essa razão teria de ser definitivamente um casamento fresco e leve.

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

O mais fácil foi escolher a valsa! Um dia estávamos na praia e ouvimos uma canção dos Los Hermanos – canção essa que nos era mais ou menos indiferente até então – e pensámos: é esta. Foi um click mútuo. O mais difícil foi controlar os nervos no dia, infelizmente esses não conseguimos evitar.

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

A hora de confirmar a nossa intenção de casar e de jurar amor “todos os dias da nossa vida”. Foi uma explosão de felicidade inacreditável e sem explicação.

 

E o pico de diversão?

A festa foi extremamente divertida, mas um dos momentos engraçados foi quando os amigos sportinguistas do Francisco prepararam um momento quase solene para lhe oferecer um pin do Sporting. No entanto, os amigos benfiquistas trocaram-lhes as voltas e em segredo trocaram o pin do Sporting por um pin do Benfica. O Francisco é sportinguista, e o resultado foi uma boa gargalhada.

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Um pormenor especial…

Decidimos jantar sozinhos numa mesa no meio da sala e iluminados pelo nosso candeeiro que acompanha as nossas refeições diariamente em casa. Queríamos que o jantar fosse um momento de pausa, onde pudéssemos conversar e celebrar de um modo mais íntimo, conforme fazemos depois de um dia igual aos outros.

 

Decoração de casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Decoração de casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Definitivamente teríamos decidido não nos preocupar tanto durante o decorrer do dia. Correu realmente tudo muito bem e temos fotografias e vídeos maravilhosos que nos ajudam a recordar tudo o q se passou e que nos emocionam muito.

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Decoração de casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Casamento rústico em Viseu, fotografado por Lounge Fotografia

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Para as próximas noivas e noivos, definitivamente aconselharíamos a, chegado o dia, largar todas as preocupações. Foquem-se no amor e na imensa felicidade que é estarem juntos e aproveitem aquela que é uma oportunidade irrepetível de reunir todas as pessoas de quem gostam e vice-versa. É uma sensacao incrível!

 

E fechamos com a versão em movimento!

 

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: Nuno Beijinho;

local: Quinta da Cerca;

catering e bolo: Encontrus

fato do noivo e acessórios: fato Hugo Boss, sapatos Geox, relógio Tissot, Laço “The Tie Bar”;

vestido de noiva e sapatos: vestido Aire Barcelona, sapatos Aldo;

maquilhagem: Maria Edite Martins;

cabelos: Conceição Campos;

bouquet: Guida Eventos;

decoração: projeto dos noivos com ajuda na montagem e nos arranjos florais da Guida Eventos, na quinta e do Jardim da Ângela, na igreja;

ofertas aos convidados: Doação ao Instituto Português de Oncologia e marcador de livros com uma mensagem de apelo à dádiva de sangue e inscrição como dadores de medula;

fotografia: Lounge Fotografia;

vídeo: Vanessa & Ivo Handmade Films;

Dj: DJ Sérgio Gonçalves.

 

Save

0 Comentários

The Portugueser by Jukebox: para os amantes da guitarra portuguesa

Se o som da guitarra portuguesa vos transporta para sítios bons, então a Jukebox tem uma proposta irresistível para o dia do vosso casamento: The Portugueser by Jukebox.

Trata-se de um projecto de fusão, em que a música ao vivo se encontra com os ritmos reproduzidos por um DJ. Imaginem um LiveAct de guitarra portuguesa, um instrumento carregado de simbolismo e cujo timbre é inconfundível, coreografado em simultâneo com a participação de um DJ.

Através deste conceito, a sonoridade da guitarra tão nossa, tão do nosso fado e das nossas tradições, ganha vida própria como instrumento performativo e testa estruturas formais e paisagens sonoras completamente novas, recriando assim uma participação musical ousada e praticamente inédita.

Ora vejam (e ouçam):

 

 

Consultem outras novidades que a Jukebox tem para vos propor. E, para qualquer esclarecimento, nada como falar com eles.