Created with Sketch.
Marta Ramos

Novidade Invite 2018: lembranças para os convidados

A Invite – Momentos Felizes comemorou o seu primeiro aniversário no dia 8 de novembro de 2017. Para assinalar a data, a Andrea e a Ana organizaram uma sessão fotográfica de dois dias com o objectivo de mostrar alguns dos melhores trabalhos que desenvolveram durante este primeiro ano de vida.
No final do ano passado mostrámos-vos a primeira parte desta sessão, fotografada por Terra – Fotografias e Histórias, e com arranjos florais da Green Pic’k. Hoje trazemos a segunda metade, dedicada à grande novidade da Invite para 2018: as lembranças para os convidados:

«Constatámos que, muitas vezes, quando os casais começam a sua busca por fornecedores e por ideias para embelezar, alegrar ou complementar o seu dia, ficam com imensas dúvidas quando chega a parte do “0 que vamos oferecer aos nossos convidados?”. Procuram não só personalizar as suas lembranças mas também receber sugestões do que oferecer, que fujam do convencional e que tenham alguma utilidade. Por isso decidimos juntar algumas opções de packaging com conteúdos variados. Esperamos, desta forma, ver essas dúvidas esclarecidas!»

São quatro as propostas da Invite – Momentos Felizes para arrumar com graça o assunto das lembranças: saquinhos individuais de café (totalmente personalizáveis, podendo conter, em alternativa, chá ou especiarias, por exemplo); saquinhos individuais de sementes de amor-perfeito, «porque o amor é para se ver crescer»; saquinhos em vegetal para as pétalas, ou flores (uma maneira bonita e delicada de festejar com os noivos à saída da igreja, fugindo dos grãos de arroz e dos cones tradicionais); e rótulos personalizados para patês, garrafinhas de azeite ou outros pequenos mimos, desta forma transformados em algo só vosso.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aproveitem para rever outros trabalhos da Invite que já aqui vos trouxemos, e falem com a Andrea e a Ana sobre aquilo que tiverem em mente. Elas tratarão todas as vossas ideias com muito carinho e bom gosto.

Marta Ramos

Sinfonia em pastel, por Green Pic’k

Escolher o bouquet é uma tarefa indissociável do vestido de noiva, já aqui nos debruçámos sobre este assunto (se não leram, vão até lá, é uma boa ajuda). Mas é certo que o bouquet também dá a mão a outros intervenientes do vosso dia, sendo necessário ter uma visão alargada da big picture para que o todo resulte harmonioso. É disso, por exemplo, que vos fala a Susana todos os domingos, na sua rubrica bolo+sapatos+bouquet. Pensem numa cor dominante, no estilo, nos pormenores que poderão estabelecer a ligação entre todos estes elementos e depois deleitem-se com as fotografias fabulosas que daí resultarão.

Mas há mais, claro. As flores serão, muito provavelmente, um dos elementos decorativos mais presentes na vossa festa. E também dão acessórios muito bonitos para o cabelo da noiva e para a lapela do noivo. Tenham isso em mente quando escolherem as vossas flores, e aconselhem-se com o vosso fornecedor – algumas espécies podem não resultar tão bem em boutonnières, por exemplo.

A dupla Green Pic’k sabe muito bem com quantas linhas se cose toda esta gestão de flores num dia como o do casamento, e hoje mostra-nos um exemplo de um trabalho articulado com a visão da Daniela, a noiva. «A Daniela vivia apaixonada pela ideia de se ir casar e por tudo o que este dia envolvia. Casou-se em Proença-a-Nova (terra Natal de ambos, noiva e noivo) e soube desde cedo que pretendia algo rústico e romântico com um toque de cor – mas tudo em tons pastel. A flor de cera era uma das suas “exigências” e, apesar de estar fora de época, tentámos de tudo para que esta flor constasse no seu bouquet e nos acessórios. A Daniela pensou em todos os detalhes, incluindo pulseiras e coroas para as madrinhas, as menina das alianças e os padrinhos, para que todos que estivesse em sintonia.»

Em sintonia estão também a maquilhagem e o cabelo da noiva, assinados pela Jenny Makeup Land, também um membro desta nossa casa. Vejamos o resultado, fotografado por outro fornecedor seleccionado SB, Lounge Fotografia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Não deixem de (re)ver outros artigos já aqui publicados com trabalhos da Green Pic’k e falem com a Sofia e a Carolina sobre a vossa visão para o grande dia; elas terão todo o prazer em fazê-la florescer.

Marta Ramos

Convites Invite em festa, com flores e tudo

A Invite – Momentos Felizes comemorou o seu primeiro aniversário no mês passado (dia 8 de novembro). Para assinalar a data, a Andrea e a Ana organizaram uma sessão fotográfica de dois dias com o objectivo de mostrar alguns dos melhores trabalhos que desenvolveram durante este primeiro ano de vida. Mas não só – isto é uma sessão fotográfica em duas partes e hoje mostramos-vos a primeira. A segunda parte fica para depois das festas e lançará a grande novidade da Invite para 2018: as lembranças para os convidados. Fiquem atentos!

Para juntar às suas criações, a Invite convidou a Green Pic’k, que contribuiu com os seus arranjos florais para tornar cada set ainda mais bonito. As fotos são da Terra – Fotografias e Histórias. Vamos então ver o top 3 da Invite 2017:

A Teresa e o Pedro tinham como tema principal do seu casamento os azulejos portugueses e um gosto especial pelo estilo rústico. Foi, por isso, com naturalidade que optámos por adaptar o tema ao estilo aguarela, resultando em ilustrações pintadas à mão, tornando o convite único e inesquecível. Posteriormente, desenhámos as ementas, lembranças e restante estacionário, mantendo sempre presente o tema e estilo escolhidos.

 

 

 

 

A Marta e o André sempre gostaram do campo e das flores campestres. Queriam um convite rústico mas elegante, onde constassem flores campestres nos tons azuis, contrastando com o envelope kraft. Optámos por desenhar semi-coroas de flores campestres azuis, aliadas a uma fonte manuscrita fina e elegante. Posteriormente, desenhámos as ementas com cortante especial para os guardanapos, o livro de honra, os missais e restante estacionário, misturando sempre o kraft com o papel branco, dando a rusticidade que o tema pedia.

 

 

 

 

A Ana e o Miguel queriam um convite que se diferenciasse não só pelo formato, como pelo estilo rústico e romântico. Optámos, por isso, pelo formato desdobrável, dando o efeito surpresa aos convidados. Utilizámos tons pastel (rosas, verdes e azuis) e uma fonte manuscrita, dando ao convite o toque romântico pretendido. No croqui, utilizámos ilustrações desenhadas por nós, transformando o convite numa peça única e original. Para as damas de honor, a Ana pretendia algo que se diferenciasse. Montámos e desenhámos umas caixas especiais com a mesma linha gráfica do convite.

 

 

 

 

 

Coisas bonitas, bem feitas e com graça: que bela maneira de fecharmos os artigos sobre os nossos fornecedores seleccionados por este ano. Não se esqueçam de que publicamos a segunda parte desta sessão em Janeiro, com lembranças para os convidados assinadas pela Invite – Momentos Felizes, uma novidade para 2018.

Aproveitem para rever outros trabalhos da Invite que já aqui vos trouxemos, e falem com a Andrea e a Ana sobre aquilo que tiverem em mente. Como puderam perceber por esta amostra, as vossas ideias serão tratadas com muita atenção.

Susana Pinto

Casamento rústico na Quinta de Sant’Ana: Emily + Nuno

Um casamento rústico é sempre perfeito neste cenário de outono gentil e quentinho. A festa da Emily + Nuno, vindos de Londres para a Quinta de Santana, juntou uma mão cheia de fornecedores seleccionados do Simplesmente Branco e o resultado é, claro, impecável.

As fotografias são do Rui Gaiola, que assina como Golden Days Wedding Photography, a maquilhagem da noiva ficou por conta da Kabuki Makeup by Rita Amorim e o bouquet orgânico é a GreenPic’k.

Segue a festa, e uma ideia para pensar: o discurso, um hábito tão formalmente anglo-saxónico e emotivo, que nos passa ao lado a nós, calorosos latinos de gema. Uma curiosa contradição, que este casal de ambas as origens resolveu na perfeição, de forma memorável e muito especial!

Vamos espreitar?

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

When the answer was “yes!”, how did you imagine your day?

I saw Quinta de Sant’ Ana on Pinterest right around the time we got engaged, and knew right away it was the place. Wedding plans got put on hold for a year as we went backpacking around Asia, but as soon as we got home I contacted the venue and straight away booked it. We didn’t look at any other venues as I couldn’t imagine it taking place anywhere else. The lush green vineyards, vibrant yellow walls, white doves and endless wine were hard to beat – luckily Nuno agreed!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Did you feel prepared or was it a nerve-racking journey?

I was quite relaxed throughout the planning process. Ann and everyone was wonderful and made everything super easy. There was a lot of updating and sending back and fourth of excel spreadsheets, but it all came together smoothly.

 

At what point in the wedding planning did you feet, “this is for real”?

I always felt I was planning someone else’s wedding up until the night before, when all our friends and family arrived together in the beach town of Ericeira – where we decided to be based. We were lucky to have those who love us come from all over the world, so it was a surreal experience to finally see everyone’s faces all in one place!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Is the result true to the initial ideas or is it very different? Did you have any help?

We didn’t go into the planning with any specific vision, but the end result was better than we could have every imagined. So many people remarked that it was the best wedding they had every attended. From the celebratory chapel bells, wine tasting in the cellar, exceptional waiter service and beautiful organic floral arrangements, it was all a dream come true.

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

What was fundamental to you? And unimportant?

It was really important to me that everyone had a great time – so an open bar was necessary! Coming from two different cultures, there were some differences in expectations for the day – but the food and drinks were always priority for us both. We were not so worried about a particular colour scheme or theme and chose mostly neutral/natural tones to keep things clean and fresh. It was important for me to have soft candle lighting during the dinner, which the venue achieved well with interwoven greenery.

 

What was the easiest? And what was more difficult?

Deciding we wanted to get married in Portugal was definitely the easiest decision, as we couldn’t chance the London rain and you can’t beat the Portuguese sun! However, on the day, an unexpected heat wave and 40 degree temperature made the outside ceremony quite a challenge…!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

What was the sentimental peak of your day?

The speeches were undeniably the peak for me. It was the first moment I felt as though I was able to sit back, relax and take in the day. My father passed away when I was very young and my brother made an incredible speech in his place – acknowledging the fact that we had chosen to marry on father’s day. The Portuguese do not traditionally do speeches like we do in England, and as a surprise my brother did half of the speech in Portuguese. It was such an amazing moment that bridged the two cultures – everyone was crying, standing and clapping by the end!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

And the peak of fun?

I really loved the cake cutting. The fireworks and champagne really signified the start of the party!

 

Now that it has happened, would you change anything?

I would ensure to make more time for myself in the lead up to the day. It is so important to be relaxed and calm so you can really take everything in and remember it all. Our favours could have been better – we left it until the last minute, and although the tequilla bottles were a hit, due to the extreme heat all of the chocolate Portuguese tiles melted and turned into liquid!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Some words of advice for upcoming brides …

Don’t stress over the small details!! Someone gave this advice to me before the day, and having now gone through the experience I couldn’t agree more. The day flies by and you will hardly notice them – and neither will anyone else!

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Casamento rústico na Quinta de Sant'Ana

 

Our selected vendors:

 

invitations, graphic materials and favors: bride & groom;

venue, decor, catering and cake: Quinta de Sant’Ana;

groom apparel and accessories: Hugo Boss;

wedding dress and shoes:  dress by Vera Wang and shoes ASOS;

makeup: Kabuki Makeup by Rita Amorim;

hair: Kerry Forster, the bride’s aunt;

bouquet: GreenPic’k;

photography: Golden Days Wedding Photography;

cinematography: Bruno Costarelli;

lights, sound and Dj: Rui Franjas.

 

Save

Save

Marta Ramos

Workshop de naked cake com flores naturais

No próximo dia 13 de Maio, a Sofia, da Green Pic’k, vai ensinar-vos a decorar naked cakes com flores naturais. Uma combinação perfeita!

Tudo acontecerá em Oeiras, no bliss cake art & creative studio. A Joana Rodrigues assegura a formação em naked cake, uma tendência que se assume cada vez mais, e que (segundo a Sofia) não é assim tão difícil de concretizar em casa. Por isso, inscrevam-se sem medos: qualquer pessoa pode aprender e depois fazer um brilharete.

 

O programa é o seguinte:

. introdução aos naked cakes – tipo de massas e recheios, como nivelar, rechear e cobrir
. entrega de manual com informação sobre plantas naturais e como as usar nos bolos
. aprender a fazer creme de manteiga suíço
. como usar posy picks
. conservar e acondicionar o bolo para o transportar
. regras de higiene e cuidados a ter com as flores
. decoração dos bolos com várias flores e frutos, a gosto (bolos verdadeiros com 15 cm de diâmetro)

 

O valor da inscrição inclui todo o material necessário, tal como as flores naturais e os frutos; e, claro está, os participantes levarão para casa o bolo decorado que resultar das suas aprendizagens.

 

Cartaz de workshop Naked Cake com Flores Naturais

 

O workshop está marcado para as 9h30 e deverá terminar pelas 13h30. Para mais informações e inscrições, contactem a organização pelo email geral@blisstudio.pt ou pelo telefone 964119361. Sabemos que as primeiras três inscrições serão gratuitas, por isso, não se atrasem.

 

Marta Ramos

Coroa de flores, por Green Pic’k

O que move a Carolina e a Sofia é a sua paixão pelas plantas e pela natureza, aliada à vontade de criar peças únicas e de, com o seu trabalho, tornarem os dias felizes dos seus clientes ainda mais bonitos.

Este é um dos casos em que a proposta se concretizou plenamente: uma coroa de flores Green Pic’k, de ar boémio e delicado, coordenada com uma boutonnière para o noivo.

 

 

 

Bonito, bonito! E temos mais criações Green Pic’k para vos mostrar: ora folheiem os posts que já publicámos sobre este nosso fornecedor seleccionado.

Marta Ramos

Flowers on my mind, por Green Pic’k

A primeira coisa que nos vem à cabeça quando pensamos na Green Pic’k são os quadros vivos com suculentas, uma inequívoca imagem de marca do trabalho das arquitectas paisagistas Carolina Claro e Sofia Oliveira. Mas há muito mais coisas bonitas a sair daquele atelier, tal como vos temos vindo a mostrar.

Ultimamente, andamos perdidas de amor pelas headpieces da Green Pic’k. Num post anterior, elegemos um acessório para o cabelo de cores vivas. Hoje escolhemos suavidade. O que vos parece esta combinação, em sintonia com o bouquet?

 

 

 

Vejam mais criações Green Pic’k no Pinterest e no Instagram e acompanhem as últimas novidades via Facebook. E não deixem de dar um alô à Carolina e à Sofia, caso tenham alguma questão a colocar ou uma ideia muito específica em mente. De certeza que elas vos poderão ajudar.