Created with Sketch.
Susana Pinto

Um casamento rústico e elegante: Joana + André, na Quinta do Hespanhol

Fechamos a semana com um casamento rústico e elegante, acabadinho de celebrar! É a festa da Joana + André, que aconteceu no fim de Julho, na bonita Quinta do Hespanhol. As belíssimas fotografias são da dupla D10Photo, ambos fornecedores escolhidos aqui na nossa lista seleccionada.

A festa destes noivos queria-se rija, como os próprios a descrevem e só podemos imaginar o fantástico dia que foi: a energia dos sorrisos, desde as primeiras imagens até mesmo ao fim, é contagiante!

Fiquem com a estória do mais bonitos dos dias, contada pela Joana + André. É tudo tão bonito…!

Bom fim-de-semana.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

O nosso dia só começou a ser planeado e idealizado cerca de dois meses depois do “sim”. Creio que estávamos ainda a viver o facto de estarmos noivos, que é um “estado” que adorámos, principalmente a Joana, apanhada totalmente de surpresa!

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Retrato fine art do noivo, a preto e branco, por D10Photo

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Sentíamo-nos totalmente preparados para o casamento, ambos não tínhamos dúvidas que era um passo que nos faria muito felizes e que fazia sentido celebrar o amor e a união que ja tínhamos. Os preparativos trouxeram alguns nervos, muitos serões, muitas gargalhadas, momentos inesquecíveis e, não vou mentir, alguns arrufos.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Já depois de termos escolhido o espaço onde se iria realizar a festa, fomos ao showroom de decoração onde escolhemos o tema e vimos vários “corners” de diferentes decorações, todo o espaço arranjado e preparado para festa e ficámos completamente deslumbrados. Com o verdadeiro sentimento “é mesmo isto”.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Bouquet de noiva orgânico com ramos de oliveira, peónias e rosas de jardim

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

No dia seguinte ao casamento comentámos precisamente que o nosso dia superou, em tudo, quaisquer expectativas que tivéssemos. Correu tudo ainda melhor do que idealizámos.

As preciosas madrinhas e padrinhos dos dois ajudaram nas atividades e na logística das mesmas e as mães na bricolage dos presentes para os convidados, missais, cones de flores e afins.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Fundamental era ser o que usualmente chamamos uma “festa rija”, os dois adoramos dançar, comer, beber, conversar sem pressa… E, principalmente, dividir o que nos une com a nossa família e amigos mais próximos. Queríamos uma festa onde nós e os convidados nos sentíssemos em casa e foi realmente isso que aconteceu.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

Encontrar um espaço que preenchesse alguns requisitos que já tínhamos idealizado e adequar com critérios como disponibilidade e preço e também a escolha dos fotógrafos, mas quando encontrámos a Quinta do Hespanhol e a D10PHOTO foi uma escolha fácil que também nos facilitou a organização e, neste caso, a captura perfeita de tudo o que vivemos e organizámos.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

Não conseguimos eleger um, a entrada na igreja é sempre um momento inesquecível e super intenso, envolve muitas emoções e um pai, uma filha e um genro com os nervos à flor da pele. Um misto de ansiedade, expectativa e felicidade que culmina com algumas palavras ao ouvido um do outro que guardamos para sempre.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico  e elegante na Quinta do Espanhol

 

E o pico de diversão?

Podemos dizer que tivemos muitos momentos divertidos mas, por unanimidade, o pico foi o “jogo do sapato” elaborado pela madrinha e pelo padrinho do André, as perguntas e a sincronização com que respondemos, segundo os convidados, foi hilariante.

 

Retrato dos noivos fine art a preto e branco, por D10Photo

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Retrato dos noivos, por D10Photo

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Retrato fine art dos noivos a preto e branco, por D10Photo

 

Um pormenor especial…

Contratámos uma bailarina profissional para nos coreografar a dança de abertura que foi uma compilação de bachata e merengue, adorámos os ensaios e a construção do que foi um grande momento do nosso dia. Não podemos deixar de mencionar a emoção e surpresa ao ouvir o discurso e as músicas cantadas ao vivo por um grande e talentoso amigo, também.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Não sabemos se não criámos grandes expectativas ou se tivemos tão atarefados a dividir-nos entre os nossos empregos e a organização de tudo que não nos deixou tempo para imaginar realmente como seria, que estamos até hoje com o sentimento “foi simplesmente fabuloso”.

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento rústico e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Embora seja clichê, é mesmo verdade, tentem aproveitar cada momento desde o noivado, o 1º dia dos preparativos e escolhas até cada minuto do dia tão sonhado. Embora queiramos sempre agradar a toda a gente, devemos pensar nisso apenas até ao dia anterior ao casamento. No dia do casamento é importante desfrutarmos de todos os momentos e não pensar na logística, nos pormenores, nos horários. Uma organização minuciosa e as tarefas delegadas previamente, tornam o dia muito mais simples e os noivos vão estar muito tranquilos para viverem a festa.

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

local, catering, bolo e decoração: Quinta do Hespanhol;

fato do noivo e acessórios: Hugo Boss

vestido de noiva e sapatos: Pronovias; Ourivesaria Rolim;

maquilhagem: Miguel Stapleton;

cabelos: Esmeralda Roque;

bouquet: Flow by Marta Ivens Ferraz;

fotografia: D10PHOTO;

luzes, som e Dj: Gonçalo Ferro.

 

Save

Susana Pinto

Casamento rústico na Quinta do Hespanhol: Telma + Rui

A semana fecha-se com um bonito casamento rústico na Quinta do Hespanhol, com fotografia atenta da Adriana Morais Fotografia, e decoração campestre das meninas Amor e Lima.

Os noivos Telma + Rui decidiram juntar à festa o baptizado da fofíssima Carolina, a filhota de dois anos, e o resultado foi um dia repleto de emoções bonitas e momentos muito especiais e memoráveis.

O noivado foi longo (e o namoro, longuíssimo!), o que permitiu preparar tudo com calma e escolher a dedo exactamente aquilo que queriam: celebrar o amor, com todas as emoções incluídas, com as pessoas mais importantes das suas vidas.

Que bonito que isso é…!

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com convites Amor e Lima

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com bouquet de noiva Amor e Lima

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Namorávamos há 13 anos (sim,  já não existe!!!), por isso há muito acreditávamos que este dia chegaria, sempre achámos que ter um filho para fazermos batizado em simultâneo fazia todo o sentido. Assim quando a nossa filhota Carolina tinha dois anos, achámos que chegara o momento certo. O objetivo principal era ter um momento para comemorar o nosso amor e a nossa família junto daqueles que mais gostamos, amigos e família, em que todos se divertissem de forma descontraída.

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com coroa de flores Amor e Lima

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Sentimo-nos preparados, tivemos mais de um ano e meio envolvidos neste processo e fizemos tudo com alguma antecedência, nervos só mesmo os “normais”, talvez na última semana!

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

No dia em que escolhemos o espaço, a Quinta do Hespanhol, penso que foi esse momento. Fomos visitar e ao chegarmos, num sábado de manhã, a sala estava preparada para um casamento e estava tudo tão bonito e tão perfeito que nos apaixonámos imediatamente e saímos a dizer que teria de ser assim. Tinha tudo a ver com o que, aos poucos, fomos idealizando.

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

A visita à quinta facilitou muito, porque era exatamente (ou ainda melhor) aquilo que queríamos.

É claro que quisemos personalizar o mais possível, e também nesse aspeto os responsáveis da Quinta do Hespanhol foram fantásticos, colaborando em todas as nossas ideias. Contámos ainda com a ajuda fantástica da Amor e Lima, que complementou tudo na perfeição com elementos os gráficos e de decoração.

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Eram assuntos fundamentais o espaço, a decoração e ambiente da festa, e a fotografia.

Considerámos não tão importantes as lembranças para os convidados e o registo em vídeo, que optámos por não ter, porque achamos que a fotografia é mais importante e aí a Adriana Morais conseguiu captar na perfeição o nosso dia.

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

Foi fácil escolher o conceito, vintage e romântico, para os detalhes do nosso dia, e tivemos a sorte de ter fornecedores fantásticos que tornaram as nossas ideias realidade. Não foi fácil focarmo-nos no essencial, há uma altura em que as ideias vão surgindo e queremos fazer mais e aí é importante decidir o que é essencial e cumprir o budget.

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

A entrada na igreja, sem dúvida, a nossa filha levava as alianças e quando chegou estava a ficar um pouco envergonhada com tanta atenção pelo que lhe disse que o “papá” estava lá ao fundo. Quando o viu, disse muito alto “papá”, e foi a correr até ele.

Foi um momento muito bonito e cheio de moções que, sem dúvida, marcou o dia.

Outro momento bastante emocionante foi quando projectámos um filme com imagens nossas e dos convidados, em que recordámos momentos especiais com eles, antes de partirmos o bolo dos noivos e de baptizado .

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

E o pico de diversão?

Depois de partir o bolo, na pista de dança, é sempre o momento mais descontraído e divertido. O Rui fazia anos no dia seguinte, por isso, à meia-noite, tivemos mais um momento de celebração!

 

Um pormenor especial…

Os marcadores de lugares nas mesas eram macarons com o nome de cada um dos convidados, acho que funcionou como um pormenor bonito. Achamos importante personalizar alguns elementos para que os convidados saibam que queríamos que a festa fosse também de cada um deles.

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

O casamento começou às 15h, para todos terem tempo para se preparar e fazer tudo com calma, mas olhando para trás, sentimos que tudo passou tão rapidamente, que nos apetecia ter começado mais cedo, ter aproveitado mais, ter mais tempo para partilhar com cada convidado.

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Casamento rústico na Quinta do Hespanol, com fotografia de Adriana Morais

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Divirtam-se na organização sem grande stress, definam o que é essencial, concentrem a vossa atenção também nos convidados, é um dia de partilha, o dia é vosso mas será muito mais especial se virem a cara de felicidade das vossas famílias e amigos.

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites, materiais gráficos bouquet, topo de bolo e detalhes de decoração: Amor e Lima;

local, decoração, catering e bolo: Quinta do Hespanhol;

fato do noivo e acessórios: Hugo Boss;

vestido de noiva e sapatos: vestido Pureza Mello Breyner Atelier, sapatos Fátima Alves;

maquilhagem e cabelos: Sónia Camacho – Maquilhadora;

lembranças para os convidados: fotografias polaroids tiradas durante o dia com os noivos e  Santinhos Wishªcolor, do batizado da Carolina;

fotografia: Adriana Morais Fotografia;

luzes, som e Dj: Gonçalo Portela.

 

Susana Pinto

Catarina + Ricardo, um casamento romântico e muito inspirado!

A festa desta semana pertence à Catarina + RIcardo, fotografados pela dupla Momento Cativo. Aconteceu em Abril, na maravilhosa Quinta do Hespanhol, e foi um dia cheio de doçura.

A ajuda e disponibilidade da família e amigos foi fundamental e com o amor e talento de todos, o resultado foi um casamento à la Pinterest, como a Catarina imaginou.

Eles contam-nos como foi!

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Será demais dizer que o imaginámos tal como foi? Queríamos que fosse um casamento num ambiente descontraído, com muito foco nos pequenos pormenores, e queríamos que fosse num espaço bonito, cheio de flores e com uma decoração ao melhor estilo Pinterest. E conseguimos tudo isso com a ajuda da Quinta do Hespanhol!

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Sentíamo-nos razoavelmente preparados. Há sempre partes do percurso que nos deixam mais nervosos, especialmente em relação aos timings e à ida da Catarina para o Japão, cuja chegada seria apenas um mês e meio antes do grande dia. Assim sendo, tivemos de decidir algumas das coisas muito mais cedo do que a maior parte dos noivos, para garantir que a Catarina ainda estaria disponível para visitar os espaços, experimentar os vestidos e decidir outras coisas importantes. Quando a data se começou a aproximar, os nervos começaram a ficar mais à flor da pele, mas foi um caminho percorrido sem percalços e que nos deu imenso gozo!

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Quando visitámos o espaço que viria a ser aquele que escolhemos: a Quinta do Hespanhol. Depois de falarmos com a Ana Thomaz e começarmos a perceber que todas as ideias que estavam apenas na nossa imaginação poderiam ser uma realidade, ficámos incrivelmente felizes – e muito mais tranquilos – e sentimos verdadeiramente ‘É mesmo isto!’.

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

É muito fiel às nossas ideias! Contámos com a ajuda a maravilhosa dos profissionais que trabalharam connosco, que foram incansáveis e que nos fizeram sempre sentir à vontade para fazermos as nossas perguntas e sugestões e com a ajuda de alguns familiares, em particular da prima da Catarina, a Solange, que foi a responsável por toda a parte do casamento (convites, menus, marcadores de livros, etc.) e das nossas mães! A mãe do Ricardo foi a responsável por fazer o laço lindo que ele usou no casamento e a da Catarina responsável pela montagem dos envelopes dos convites, pela almofada das alianças e pelos lenços que iriam servir para enxugar as lágrimas no dia D. Claro que há muitas coisas que não se viram no dia final, mas para as quais os nossos pais contribuíram muito e tudo isso ajudou a que o caminho percorrido fosse muito mais descomplicado.

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Fundamental, para nós, era que estivessem presentes todas as pessoas que convidámos, o que, infelizmente, não foi possível. Porque essas eram as pessoas que sentíamos que queríamos que partilhassem connosco aquele dia que foi tão feliz!

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

O mais fácil foi, sem dúvida, decidir o espaço! O mais difícil foi o Ricardo finalmente se decidir a comprar o fato!

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

Para além do momento em que a Catarina apareceu totalmente pronta ao pé do pai e o momento em que ambos nos vimos pela primeira vez, enquanto a Catarina caminhava para o altar, talvez o momento mais sentimental tenha sido a altura dos nossos votos feitos ao melhor estilo Love Actually, com os cartazes com uma narrativa que falava um bocadinho da nossa história! Isso e ver a cara de confusão, emoção e expectativa das pessoas quando pensaram que a novidade que íamos partilhar era a vinda de um bebé. Foi hilariante para nós vermos todas as expressões!

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

E o pico de diversão?

A flash mob que fizémos com a primeira dança! Foram duas tardes a ensaiar os passos e, quando chegou a altura, a Catarina estava super nervosa porque não se queria enganar e ela não é muito boa a decorar os passos! Mas correu tudo super bem e foi um momento muito divertido com toda a gente a dançar connosco!

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Um pormenor especial…

Não é um, são vários! Termos o nosso sobrinho como menino das alianças, os convites que foram feitos pela nossa prima, os brincos que a Catarina usou e eram da avó materna dela e termos presentes dois ursinhos feitos de propósito para a ocasião por uma amiga que a Catarina fez enquanto esteve no Japão.

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Acho que podemos dizer, com segurança, que não mudávamos nada! Só, talvez, ter lá o resto das pessoas que gostávamos mesmo que fossem.

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Escolham profissionais que tentem sempre compreender-vos, que sejam “descomplicados” e que tenham sempre um conselho ou ideia que melhore alguma que já tenham. O planeamento do casamento e o dia em si são momento stressantes e nada melhor para diminuir os nervos do que ter uma equipa de profissionais que sabe exatamente como as coisas funcionam e permite aos noivos no dia D simplesmente disfrutarem de todos os momentos.

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Casamento com decoração romântica e elegante na Quinta do Hespanhol

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: Solange Marques;

local, decoração, catering e bolo: Quinta do Hespanhol;

fato do noivo e acessórios: fato e botões de punho Massimo Dutti; sapatos Foreva; laço feito pela mãe do noivo;

vestido de noiva e sapatos: vestido Nova Noiva; sapatos Diana (marca japonesa); brincos da avó materna da noiva;

maquilhagem: Joana Moreira;

cabelos: Alice Trewinnard (Golden Locks);

bouquet: Romeira;

ofertas aos convidados: nariz da Operação Nariz Vermelho;

fotografia: Momento Cativo;

luzes, som e DJ: Gonçalo Portela (Quinta do Hespanhol).

 

Mónica Aragão

Quinta do Hespanhol, um fornecedor Simplesmente Branco

A Quinta do Hespanhol encerra o charme e o encanto próprio de seis séculos de história – sempre na posse da mesma família. A envolvê-la, mais de sessenta hectares, com frondosos arvoredos, matas seculares, parques, jardins e pátios.

 

Dentro de portas, três salas contíguas, bem decoradas e equipadas, e acima de tudo muito confortáveis, são o cenário perfeito para o vosso dia. A tudo isto junta-se um serviço dedicado, uma decoração personalizada, uma boa cozinha e uma animação divertida, para que cada festa seja única.

 

 

 

Conheça a Quinta do Hespanhol ao vivo e bem de perto: encontram toda a informação que precisam na sua ficha de fornecedor.

 

Susana Pinto

Patrícia + Ricardo, a perfeição passa por aqui!

Hoje trazemos o casamento da Patrícia + Ricardo, que é, logo à partida muito especial, já que é esta maravilhosa noiva que está na capa do nosso Queres casar comigo? – guia prático para um dia muito feliz.

Deliciem-se com todos os detalhes e com a fotografia da Cláudia Casal, da Hello Twiggs. Para este resultado final maravilhoso, contaram também a maquilhagem da Joana Moreira e com o fantástico espaço e serviço da Quinta do Hespanhol, tudo fornecedores recomendados pelo Simplesmente Branco!

 

 

 

 

 

Como foi o teu pedido de casamento?

Após 11 anos de namoro, obviamente o tema casamento que já tinha surgido em conversa e sabíamos que era algo que ambos queríamos. No entanto, o noivo tentou que fosse o mais inesperado possível. No dia em que íamos de férias, sem eu suspeitar de nada, o Ricardo fez um desvio para um fim de semana romântico em Mafra, onde nos conhecemos. Foi um momento bastante íntimo e nostálgico, recordando esses tempos e tudo o que vivemos juntos desde então.

 

 

 

 

Como te organizaste? Por onde começaste, com que antecedência?

Começamos a organizar tudo com mais ou menos um ano de antecedência. Como tínhamos muitos convidados e uma ideia muito concreta do que queríamos, o mais importante foi escolher a quinta e o fotógrafo. Com esses dois pontos-base definidos, só começámos a tratar do resto cerca de 6 meses antes do casamento.

 

 

 

 

 

 

Que ambiente quiseste criar? Como o fizeste?

Quisemos criar um ambiente rústico, romântico e descontraído. Algo com que nos identificássemos e as outras pessoas nos reconhecessem. Para isso tivemos a ajuda de pessoas espetaculares, que nos ajudaram imenso e perceberam exatamente o que queríamos.

 

A opção “feito por ti” surgiu porquê?

Por ser mais em conta e ao mesmo tempo mais personalizado.

 

 

 

 

 

Tiveste ajuda?

Muita! Família, amigos e o melhor de tudo, profissionais que eram amigos

 

O que era o mais importante para ti?

O mais importante era celebrarmos o nosso amor e proporcionar um dia fantástico e especial a todos os que amamos.

 

 

 

 

 

E secundário?

Nada!

 

Onde gastaste mais dinheiro?

Na quinta.

 

 

 

 

 

Onde gastaste menos?

No material gráfico e vídeo.

 

O que foi mais fácil?

Escolher a quinta. Foi a primeira que fomos visitar e foi amor à primeira vista. Fomos ver outra a seguir, mas achamos que não valia a pena ver mais nada, já estávamos conquistados.

 

 

 

 

 

 

 

O que foi mais difícil?

Os últimos dias antes do casamento. Muitos pormenores para terminar e o relógio não pára.

 

O que te deu mais prazer criar?

A cortina de tsurus, que estava no painel atrás da mesa dos noivos, e a montagem dos convites e lembranças.

 

 

 

 

 

 

 

O casamento que planeaste, é a vossa cara, ou foste fazendo cedências pelo caminho?

Completamente a nossa cara.

 

Um pormenor especial?

Para os noivos é sempre tudo especial. Cada pormenor que idealizámos tinha uma mensagem e valor pessoal. No entanto, para mim dois pormenores fundamentais foram: a medalha no bouquet, que a minha irmã me ofereceu, com uma fotografia minha e do meu pai, e os nossos noivos personalizados (dois meninos fardados, simbolizando uma etapa muito importante da nossa vida e durante a qual nos conhecemos).

 

 

 

 

 

 

Agora que já aconteceu, mudavas alguma coisa?

Não mudava nada. No dia choveu e a quinta teve de por em prática o plano b para a recepção aos convidados. Na altura fiquei um bocadinho desanimada, mas, olhando em retrospectiva, acho que nem isso mudava… como diz o ditado: “Casamento molhado, casamento abençoado”!

 

 

 

 

 

Algumas words of advice para as próximas noivas?

Escolham os profissionais com quem mais se identificam e nos quais confiam. Assim, poderão relaxar e aproveitar a viagem. No final, tudo irá ao encontro do que imaginaram.

 

 

 

 

 

Os nossos fornecedores:

 

convites e materiais gráficos: os nossos amigos Eurico Fernandes e Carina Sousa, responsáveis também pelo cake topper personalizado

local, catering e bolo: Quinta do Hespanhol

fato do noivo e acessórios: fato Sacoor, sapatos Aldo, gravata Giovanni Galli

vestido de noiva e sapatos: vestido Penhalta (com alterações idealizadas pela noiva), sapatos SoftGrey

maquilhagem: Joana Moreira

cabelos: Ana Rita Vicente

flores: Flow, Flower Design (bouquet e coroa de flores)

ofertas aos convidados: bolo típico da terra do noivo

fotografia: Cláudia Casal, Hello Twiggs

video: Os nossos amigos Francisco Brandão e Sandra Fernando

luzes, som e Dj: Banda e Dj da Quinta do Hespanhol

 

Marta Ramos

Quinta do Hespanhol, um fornecedor Simplesmente Branco

A Quinta do Hespanhol encerra o charme e o encanto próprio de seis séculos de história – sempre na posse da mesma família. A envolvê-la, mais de sessenta hectares, com frondosos arvoredos, matas seculares, parques, jardins e pátios.

Dentro de portas, três salas contíguas, bem decoradas e equipadas, e acima de tudo muito confortáveis, são o cenário perfeito para o vosso dia.

A tudo isto junta-se um serviço dedicado, uma decoração personalizada, uma boa cozinha e uma animação divertida, para que cada festa seja única.

 

Quinta do Hespanhol_SB aprova

 

Para conhecer melhor os serviços da Quinta do Hespanhol e falar com a Ana Fernandes Thomaz, basta enviar-lhe um email ou ligar para 961 699 330 ou  910 148 830.

A Quinta do Hespanhol é fornecedor seleccionado Simplesmente Branco. Para mais detalhes, consulte a ficha de fornecedor, arquivada em Catering, Decoração e Espaços.

 

Susana Pinto

Nádia + Pedro, e os seus!

Hoje trazemos a doce e oh so very special festa da Nádia + Pedro, na bonita Quinta do Hespanhol, com fotografias do Pedro Taborda.

 

É só amor e carinho em doses industriais, venham ver…!

 

 

 

 

Como foi o teu pedido de casamento?

Foi no dia em que fizemos 4 anos de namoro, depois de um jantar incrível, bem no meio do Miradouro de São Pedro de Alcântara, num dia de chuva miudinha.

 

Como te organizaste? Por onde começaste, com que antecedência?

Penso que começámos a pensar no sítio logo na semana a seguir ao pedido de casamento… Tínhamos sete meses para preparar tudo, por isso pusemos logo mãos-à-obra. Eu sou muito organizada, por isso pensei no que queria que fosse o dia e fui criando pastas de imagens com ideias para o vestido, para o ambiente, para os pormenores especiais…

 

 

 

 

Que ambiente quiseste criar? Como o fizeste?

Queríamos um ambiente romântico e rústico, mas também muito divertido, descontraído e, essencialmente, que fosse a nossa cara. A cor que escolhemos, o verde água, ajudou a dar o ar fresco que queríamos.

Eu sei que a maior parte das pessoas pensa nisto – em criar algo à sua medida – mas o que nós queríamos, além disso e mais ainda, era que todas as pessoas se sentissem parte do dia, que todos se sentissem especiais e incluídos.

 

A opção “feito por ti” surgiu porquê?

Era um imperativo. Tenho um gostinho especial por pôr as mãos na massa e organizar eventos e festas, por isso o nosso casamento tinha de combinar as duas componentes – deixar-me fazer e ser um reflexo de nós.

 

 

 

 

 

O que era o mais importante para ti?

Penso que o mais importante era tornar uma cerimónia de quase 200 pessoas num evento íntimo, participativo, nosso. Que tivéssemos recordações incríveis (fotográficas – e, nessa medida, o fotógrafo era obviamente importante – e da participação de todos), que pudéssemos ter a oportunidade de mostrar às pessoas de quem gostamos e que gostam de nós o que sentimos por elas e um pelo outro, que tivéssemos oportunidade de nos celebrarmos e a nossa relação de uma maneira única e inesquecível.

Havia um milhão de pormenores que queria tornar realidade e para isso tive a ajuda especial de uma amiga (criadora, em conjunto comigo, dos convites e do resto dos elementos gráficos do casamento) e ajudas de outras amigas que têm uma imaginação que não acaba e que me enviavam imagens inspiradoras que ajudavam a concretizar o que tinha imaginado.

 

 

 

 

 

E secundário?

Secundário era que tudo corresse exatamente como planeado, tim tim por tim tim. Não estivemos preocupados com as horas e com a programação ao minuto, embora este sentimento tenha resultado de um exercício de preparação (muitas horas a pensar: “não stressar, não stressar”).

 

Onde gastaste mais dinheiro?

No local da festa, definitivamente.

 

 

 

 

 

Onde gastaste menos?

Não sei exatamente… Era preciso um sem número de páginas para descrever a quantidade de pequenas coisas que havia no nosso casamento (pequenos apontamentos especiais que criámos) e alguns deles foram inteiramente criados por nós e impressos em casa – logo, sem nenhum custo.

 

O que foi mais fácil?

Escolher o noivo! O mais fácil foi saber que o espaço era aquele, que a decoração era aquela, e que queríamos que todo o casamento fosse cheio de surpresas e animação. Saber que queríamos que fosse sobre nós e com os nossos.

 

 

 

 

O que foi mais difícil?

Conseguir fazer tudo no tempo que tínhamos – não é fácil gerir fornecedores, ideias, gráfica, a expectativa dos familiares, a nossa própria expectativa e ainda continuar a trabalhar e a viver nos intervalos!

 

O que te deu mais prazer criar?

Deu-me muito prazer preparar a minha surpresa para o Pedro (cantei para ele). Os ensaios tiveram sempre o nervoso miudinho de imaginar como ia ser no próprio dia. E adorei escrever, à mão, um postal personalizado para cada um dos meus convidados – loucura, eu sei – que ficaram a identificar os lugares nas mesas. Foram bons momentos de pausa, a pensar no que cada pessoa significa para mim e a imaginar a cara dessa pessoa enquanto o lia. Foi especial.

 

 

 

 

 

O casamento que planeaste, é a vossa cara, ou foste fazendo cedências pelo caminho?

Totalmente. Nós somos pessoas dinâmicas e animadas e não me lembro de ter visto tanto dinamismo num casamento. Houve tanta gente a querer participar – discursos, músicas, vídeos – que aqueles que não tinham preparado nada quiseram também levantar-se e dizer alguma coisa. Foi melhor do que alguma vez podíamos ter imaginado.

 

Um pormenor especial?

A nível material, os postais personalizados e os noivos de cartão em tamanho real. E apresentarmos o vídeo do dia (feito incrivelmente e no local pela equipa do Pedro Taborda) antes de abrirmos a pista foi ótimo – é um momento em que todos paramos para ver o que já aconteceu e em que ainda estamos ali, presentes. É mesmo incrível, aconselho a qualquer pessoa.

A nível sentimental, os discursos dos nossos pais. E dos amigos. E dos chefes. E nós a cantar (onde parar? Foi tudo especial!)!

 

 

 

 

 

Agora que já aconteceu, mudavas alguma coisa?

Acho que só mudava uma coisa: fazia com que o noivo se virasse mais cedo na igreja do que se virou. Não o avisaram que eu já ia a entrar e ele acabou por não ver toda a minha entrada. Sem ser isso (que agora vamos corrigir vendo o vídeo até à eternidade), não mudava uma vírgula.

 

 

 

Algumas words of advice para as próximas noivas?

Deixem-se ir; parem de vez em quando para ver, para observar, para absorver todo o processo; estejam com as pessoas que mais vos dizem; se precisarem de ajuda, peçam ajuda; aproveitem os bocadinhos para abraçar o maridão; se for um casamento católico, escolham bem o Padre (vai ser uma peça essencial); escolham bem o fotógrafo; e pensem naquilo que é mesmo importante para vocês no dia, naquele pormenor ou momento que vos deixaria mesmo felizes. Mas, acima de tudo, nunca nunca nunca se preocupem em excesso, não tentem controlar o incontrolável. Deleguem as preocupações do dia (se tiverem uma wedding planner que possa lá estar no dia, melhor). Não há nada como olhar para trás e ver que não houve uma chatice e que todas as pessoas se sentiram parte da nossa união. Rir muito, esquecer que há fotógrafo, aproveitar as pessoas que vos adoram todas reunidas num espaço. Vão ver que, como eu, repetiam aquele dia todos os dias.

 

 

 

 

 

Os nossos fornecedores:

 

convites e materiais gráficos: Constança Soromenho

local, catering e bolo: Quinta do Hespanhol

decoração: pensada pelos noivos, concretizada pela Quinta do Hespanhol

fato do noivo e acessórios: fraque Dielmar, lapela Loja das Meias, cinto e meias Hugo Boss, botões de punho Carolina Herrera, gravata El Corte Inglès,

vestido de noiva e sapatos: véu e vestido pensado por mim e feito em costureira (Elitza Ivanova), acessório da cabeça do casamento dos pais (usado pela mãe), sapatos New Look, brincos da bisavó, pulseira da sogra to be

maquilhagem: Sónia Godinho

cabelos: Dora Mendes

bouquet e coroa de flores: Graça O’Neill

ofertas aos convidados: Narizes da Operação Nariz Vermelho, raspadinhas e charutos

fotografia  e video: Pedro Taborda

luzes, som e Dj: DJ Gonçalo Portela