Created with Sketch.
Marta Ramos

Bolo dos noivos eco-friendly, por Edelweiss Wedding Cakes

A Susana Pinto e a Maria Silva, da EDELWEISS WEDDING CAKES, falaram-nos de algumas questões que os noivos que as contactam costumam colocar, no sentido de garantir que o bolo do seu casamento é o mais saudável e sustentável possível. Se partilham destas dúvidas, então leiam com atenção.

«No topo da preocupação de cada vez mais casais, a ecologia… Mas fazer escolhas eco-friendly não significa de modo algum comprometer a beleza, ou sabor, de um bolo de casamento. Afinal de contas, o bolo de casamento continua a ser um dos principais elementos desta festa»

Para as cake designers, são vários são os aspectos a ter em consideração. Um dos principais prende-se com o sabor. A melhor decisão: optar por produtores locais, de preferência com produção orgânica. Beneficiarão de produtos muito mais frescos, mais duráveis e com muito mais sabor! Estarão a contribuir para um movimento crescente em direccão a uma alimentação mais consciente, mais preocupada com a saúde e o com o meio ambiente. Paralelamente, estarão a reduzir o impacto dos combustíveis no ambiente, uma vez que comprando localmente os produtos não necessitam de ser transportados por longas distâncias. E reduzem ainda as embalagens, já que os produtos locais não precisam de tanto acondicionamento: «Para os produtos sem produção local (o chocolate e café serão dois bons exemplos) a escolha deverá sempre recair sobre produtos de comércio justo.»

 

Outra escolha consciente é a opção por um bolo vegan, sugerem a Susana e a Maria: «Todos sabemos dos malefícios do consumo de produtos de origem animal quer a nível de saúde, quer a nível de impacto ambiental. Em qualquer uma destas escolhas estamos, sem sombra de dúvida, a impulsionar a economia local, a nacional por acréscimo, e a global! Já pensaram nisto?»
Importante será não abdicarem do design, nunca. Segundo a dupla da Edelweiss Wedding Gakes, caso escolham uma cobertura em creme de manteiga, optem por uma decoração com plantas herbáceas como a oliveira, hortelã, alecrim, alfazema. As frutas da época, ou mesmo flores naturais comestíveis de produção biológica, são outras opções a ter em conta. Caso pretendam algo mais elaborado, não desanimem: a pasta de açúcar, bem como a pasta de flores, pode ser sempre produzida no próprio local. Minimiza o efeito do embalamento, neste caso não necessário, bem como assim do transporte deste tipo de bens. Na decoração do bolo, escolham flores não aramadas, nem feitas com recurso a esferovite. Os cake toppers também podem ser um elemento elegante e divertido: neste caso, prefiram materiais mais orgânicos, como a madeira.

 

Edelweiss Wedding Cake

Há ainda escolhas que não se vêem, como a da estrutura interior dos bolos em altura, que habitualmente é feita de plástico. «Os bolos podem sempre ser estruturados com madeira reciclada, devidamente protegida, ou em material de longa duração, reutilizável e que no final de vida seja aptos a ser reciclado e gerar novo valor na economia. O mesmo acontece com o transporte dos bolos. Optem por caixas reutilizáveis e recicláveis, em detrimento das tradicionais caixas de cartão, ou mesmo das de plástico.»

E que tal planear o momento do corte do bolo ao ar livre e durante o dia? Estarão a poupar energia!

A quantidade é outra das áreas em que a vossa intervenção pode fazer a diferença. Falem com o vosso fornecedor de bolo detalhadamente sobre isto, transmitindo-lhe o máximo de informações, como, por exemplo, o momento do corte do bolo e o número de crianças presentes na festa, que serão fulcrais na determinação da quantidade de bolo ideal, não gerando sobras.
Para esclarecer quaisquer dúvidas, falem com a Susana: ela e a Maria estão à vossa espera para «levar-vos felicidade em forma de bolo». E não deixem de acompanhar os nossos posts acerca do trabalho da Edelweiss Wedding Cakes: são sempre muito elucidativos e deliciosos.

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.