Created with Sketch.
Marta Ramos

Girl power, por My Frame

Quando recebi estas fotos da My Frame, veio-me à memória um artigo publicado há uns tempos no New York Times (fui pesquisar e já lá vai mais de um ano!). A temática interessa-me, como me interessam todas as histórias em que se ponham em causa os papéis de género estereotipados. Perguntava, então, a jornalista Alix Strauss: «Porque é ainda é tão raro serem as mulheres a fazer o pedido de casamento?» E uma das mulheres referidas no artigo contava:

Women always believe in the fairy tale, that prince charming is coming to sweep you off your feet. That still happened to me. I still had the white dress, the destination wedding, the great honeymoon. I had what any person would have had if he had asked me first. The fact that asking him took his breath away, and that I was the one to do that, was an amazing feeling.

Ora bem, estas palavras podiam ter sido ditas pela Marta, que pediu o Renato em casamento. Ele disse que sim e escolheram a Ângela e a Flávia para registar esta bonita fase das suas vidas – começando por uma e-session nos magníficos Jardins Românticos do Palácio de Cristal. «Em cada imagem sentimos o romantismo e a cumplicidade que os une», dizem-nos as fotógrafas.

Conhecem este lugar? São oito hectares em pleno centro da cidade do Porto, desenhados no séc. XIX. Uma maravilha. Do projecto original, ainda existem hoje o Jardim Émille David, a Avenida das Tílias, o bosque e as varandas sobre o Douro. E, como se não bastasse, há miradouros estrategicamente colocados para que apreciemos diferentes perspectivas do rio e da cidade.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Vejam também outros trabalhos da My Frame já publicados por nós e contem a vossa história à Ângela e à Flávia. Elas terão muito gosto em traduzi-la para imagens.

Susana Pinto

Sejam muito bem-vindos ao novíssimo Simplesmente Branco

E abrimos oficialmente a porta para o novíssimo Simplesmente Branco: uma casa espaçosa e bem arrumada, cheia de luz e cor, à medida do nosso lema “menos é mais” e da nossa missão: juntar as caras-metades fornecedores/noivos.

Para festejarmos e agradecermos a quem de direito, escrevemos este post inaugural a duas mãos, partilhado entre mim e a Marta Ramos.

 

Começo eu!

Não foi fácil chegar aqui. Foi penoso, foi complexo e foi muito mais demorado do que o desejado. O processo matou muita da alegria da chegada, que acabou trocada por uma imensa sensação de alívio – não é pior, é apenas diferente-, e assim que tudo assentar e entrarmos na nossa rotina normal, o imenso orgulho que tenho por esta casa será contagiante. É ainda o cansaço a falar, por isso, não se preocupem!

Fechámos de facto uma porta, um ciclo, uma vida. Com esta mudança, tão desejada, não é apenas a casa que toma outra forma, serão também os conteúdos e a nossa forma de abordar o assunto “casamento”. Saímos do nosso caminho que estava a perder horizonte e passamos para um outro menos trilhado, mais contemplativo, às arrecuas do momento, até. Slow editing for slow reading. Encolhemos a agenda e optámos por ter conteúdos mais longos, assentes nos bons conselhos que a experiência nos dá. Eu passarei a escrever um artigo de opinião às quartas-feiras, intercalado com boas entrevistas aos nossos fornecedores, e as sextas-feiras continuarão com os belíssimos casamentos que publicamos desde o primeiro dia online. Sábados e domingos continuam dedicados as nossos prazeres pessoais: poesia, para a Marta, sapatos, flores e bolo, para mim.

Temos muitas outras novidades, a Marta irá comentar algumas e, durante a semana, falaremos com detalhe das ideias que implementámos e que acreditamos que serão pilares num futuro próximo: queremos muito saber a vossa opinião sobre elas!

 

Termino com os agradecimentos ao girl power que nos proporcionou esta casa tão maravilhosa, tão à nossa medida, tão aquilo que eu tinha na cabeça e que tão bem foi interpretado por este conjunto de mulheres.

Começámos pelo telhado: o logotipo. Como ponto de partida, decidi regressar à paleta de cores inicial (regressa sempre onde foste feliz, certo?): rosa blush e todas as variantes do tom até ao vermelho cereja, passando pelo coral, uma combinação vibrante e feliz. Juntei um descritivo e deixei nas mãos da Filipa Simões Freitas, da Lance Collective, que cumpriu o objectivo soberbamente.

Seguiu-se a criação dos ícones, feitos à medida, pela ilustradora Rita Antunes: delicados, modernos, elegantes. Perfeitos.

A Carmen Dias juntou tudo e desenhou o mais bonito site de sempre. Para quem não sabe, é a Carmen que desenha as nossas revistas S Magazine e The Destination, criou o logotipo da conferência “The Destination – international wedding conference – Lisboa 2016” e paginou o livro “Queres casar comigo? – guia prático para um dia muito feliz”. É a minha alma gémea designer, com uma doçura, humildade e disponibilidade que já não se usam hoje em dia. E um talento imenso.

 

Cocktail de gin para casamento

 

Façam o favor de entrar, sejam muito bem-vindos, todos os dias: tchim tchim!

Gin tónico de laranja sanguínea, com receita incluída, via White on Rice Couple.

 

Agora eu:

Quando a Susana me falou na ideia dela para a remodelação do SB, em Outubro do ano passado, eu fiquei super entusiasmada. Tinha voltado a trabalhar nesta casa após um ano sabático e começava logo da melhor maneira, com novidades que representam ideias vanguardistas, como sempre foram as ideias da Susana. Vanguardistas no sentido de resultarem de uma reflexão cuidada acerca do status quo; de se traduzirem na delineação de um caminho cuja linha de partida é muito lá mais à frente. Para onde é que queremos ir? De que é que precisamos para lá chegar?

Passado este tempo (muito mais do que desejaríamos) conseguimos agora ver plasmado no ecrã o resultado, com ajudas preciosas de muita gente cheia de talento. E a primeira coisa que vos saltará à vista será a mudança na nossa ‘porta da frente’: porque somos muito mais do que apenas um blog, queremos que tenham uma visão completa sobre a totalidade dos nossos conteúdos assim que chegam a www.simplesmentebranco.com.

Mas as novidades não ficam por aqui. Reforçámos a presença nas redes sociais, para vos acompanharmos não só no Facebook mas também no Pinterest, no Instagram e no Spotify. É verdade, até música vos damos! Também acrescentámos uma área destinada a parcerias de carácter solidário, com o objectivo de vos ajudar a transformar as lembranças dos convidados em actos de bem-fazer. E destacamos as ofertas e as promoções especiais que os nossos fornecedores tenham pontualmente para vos comunicar. Ah, e quanto aos nossos fornecedores, reparem que abrimos uma nova janela aberta a talentos emergentes e tornámos as fichas individuais mais bonitas e mais completas.

Há uma realidade neste meio: são vários os fornecedores de serviços para casamentos que decidem abraçar a carreira após eles próprios terem dado o nó. Se for esse o vosso caso, se se divertiram tanto a criar o vosso dia feliz que querem fazê-lo para outros, então mantenham-se atentos à nossa bolsa de emprego – e usem-na também para se apresentarem a potenciais empregadores. As melhores oportunidades são aquelas que nós próprios criamos!

 

Por fim, reparem que adicionámos um slider à homepage com testemunhos vossos. Difícil foi escolhê-los! Temos muito orgulho no feedback que recebemos dos nossos leitores e trabalharemos sempre para isto, para sermos verdadeiramente úteis nesta fase das vossas vidas e para ficarmos a fazer parte das vossas leituras mesmo após o casamento, simplesmente porque vos faz bem regressar a este lugar que vos apresenta coisas bonitas e bem feitas e, sobretudo, que vos respeita.

Espero que gostem tanto das novidades quanto nós. E agora, venha de lá esse gin, Susana: tchim tchim!Save

Save

Susana Pinto

7 voltas ao sol, algumas reflexões e uma novidade: é dia de festa!

Hoje completamos a nossa 7ª volta ao sol, com mais um ano de vida online. E mais uma vez, a sensação é esta: é incrível onde chegámos!

O lastro que está para trás é de valor: 5+2 revistas (e ainda ontem folheei a primeira S Magazine, desenhada a celebrar o primeiro aniversário, e o que lá mostramos continua a ser on trend, muito bem feito e inovador, até mais do que vemos hoje em dia em tantas sessões fotográficas, onde tudo se duplica repetidamente, sem um rasgo de ousadia e transgressão bem pensada), 10 showcases, um livro, várias remodelações, várias entrevistas, uma conferência internacional, uma centena de clientes e um incrível número de 26 mil seguidores.

São números bonitos, claro, e entusiasmantes: demonstram que não gostamos de zonas de conforto, que há sempre outro desafio a alcançar, outra ideia para pôr em prática, porque estas já estão fora da lista.

Não me vou alongar sobre o mercado – que este ano foi um assunto crítico e muito discutido entre nós-, falaremos sobre isso mais tarde. Mas vou falar sobre o futuro, que nos parece ser vagamente luminoso e interessante, moldado à nossa maneira.

Passo a explicar: celebramos este 7º aniversário com uma remodelação de fundo. Mudamos a casa Simplesmente Branco (pela 3ª vez) para um novo formato, mais amplo, com mais divisões, mais acessos. Voltamos às nossas cores de origem, esta magnífica e vibrante paleta que vai do nosso rosinha-blush-assinatura ao vermelho cereja, passando pelo coral, e adoptamos o conceito de slow reading: menos conteúdos, melhores conteúdos. Teremos conteúdos de leitura rápida, pensados para vos fazer companhia ao café, e teremos conteúdos longos, para ler e saborear, com uma chávena de chá: prestam-se a momentos diferentes e a funções diferentes e achamos que isso é bonito, adequado e o caminho certo.

 

 

 

Por estes dias, aconteceu cá em Lisboa, a Business of Luxury Summit, organizada pelo Finantial Times, no Hotel Ritz Four Seasons. Um dos oradores foi Axel Dumas, que representa a sexta geração à frente da casa Hermès, que fez este comentário, lido no Observador:

“o objetivo de uma marca não é satisfazer os clientes mas despertar neles os desejos de amanhã, tornar-se relevante no seu tempo”. Dumas, que parece muito mais voltado para apostar na tradição de fazer de cada objeto uma peça de arte, claramente assume que prefere investir na aura e na intemporalidade do que na velocidade e no desejo de conquistar o máximo de clientes possível. Faz notar que os produtos Hermès mudam pouco e também não cedem à velocidade imposta pelo mercado da moda. “Continuamos a trabalhar nos detalhes. Na construção de um estilo, e isso faz-se no fascínio pelos detalhes.”

 

 

 

É esta a nossa posição, que parece andar às arrecuas do momento: tornarmo-nos relevantes no tempo, investir na aura e na intemporalidade, no coração do Simplesmente Branco, aquilo que é a nossa missão:

Oferecer inspiração fresca e bonita, e informação fundamental e fidedigna aos leitores mais exigentes, que acreditam que o seu casamento pode e deve ser um dia único e inteiramente desenhado à sua medida; guiá-los no caminho até ao mais bonito dos dias; garantir que encontram os fornecedores que são a sua cara-metade.

Identificar o talento e promovê-lo; ajudar os profissionais mais criativos e consistentes a crescer com a projecção que merecem, e acompanhá-los nessa viagem; garantir que encontram os clientes que são a sua cara-metade.

Fazemos isto uma postura optimista, aventureira, discreta, séria e muito profissional.

Somos a casa para quem sonha com um casamento doce, repleto de estilo, à sua medida, partilhado com a família e amigos próximos. E somos, também, a casa para quem sabe fazer e o faz com gosto, com talento e competência.

Acreditamos neste rendez-vous feliz e a nossa casa é onde o fazemos acontecer. Sejam bem-vindos, todos os dias, ao Simplesmente Branco.

Sem desvendar mais sobre o que aí vem, porque a seu devido tempo faremos uma visita guiada, partilho a boa nova: estaremos online, com casa nova, arrumada e luminosa, na próxima semana!

Fechamos com um generoso obrigado e um abraço bom: aos nossos clientes, os pioneiros que acreditaram sem pestanejar e os recentes, que nos vêem como uma mais valia para o seu negócio; aos leitores, a nossa massa crítica, que nos vai deixando, através dos seus comentários e agradecimentos simpáticos, pistas aqui e ali com as quais nos guiamos nesta viagem longa, e a todos os outros, que não pertencendo a nenhuma das categorias anteriores, nos fazem uma companhia bestial todos os dias!

Tchim tchim!

Novo logotipo desenhado por Lance Collective. Novo selo de fornecedor seleccionado desenhado por Carmen Dias. Restantes imagens escolhidas a dedo na nossa pasta Pinterest favorita: Perfect match!

Susana Pinto

Menos é mais: quando um casamento urbano é cheio de emoção

Trago-vos um casamento urbano. Menos pode mesmo ser mais, de forma poderosa, desde que tudo faça sentido entre as partes envolvidas, esta podia ser a legenda do emocionante casamento de Eden+Joel, em Venice Beach.

São cool e são casual – e assim foi o dia que prepararam. Muito amor, lágrimas, e good vibes foi o que aconteceu, porque foi nisso que investiram.

Voltamos a confirmar: o casamento perfeito é aquele que é a vossa cara, e o orçamento certo é qualquer um que sirva esse propósito: pode ser generoso ou pode ser frugal, não é isso que guia o coração do dia. A escolha de profissionais impecáveis, sejam os estrictamente fundamentais ou uma equipa mais alargada, é um factor de sucesso – e leveza! – para o dia perfeito!

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

“The most important part of our wedding was to have our family experience something new and be surrounded in a background that represented one of our favorite places to be. Venice Beach embodies all of the botanical goodness I am obsessed with & the beach is where Joel feels is a second home. While living in LA, our apartment was in Koreatown, but one of our favorite escapes was going to the beach

The biggest wedding day surprise was the location of where we shared our nuptials. We were pretty laid back about this. We knew we didn’t want to be on the windy beach & we loved the idea of going to the canals. Our biggest obstacle was it had to be easily accessible for a newborn, a four year old, and my gram & beating the 6pmAbbott Kinney traffic. We ended up doing the ceremony in the alley behind my parent’s rental house. It had these huge rocks for the ground & a wall full of greenery. My step-dad, Nolan, officiated the wedding and his words brought everyone to tears. Joel and I wrote our own vows and we both could barely get the words out. After the ceremony, we looked up and saw an entire family watching from the window clapping & crying too.”

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

“Since our wedding was a destination to a place we had already fallen in love with, we knew that it would be special to share that space with our loved ones. What we did not expect was how amazing and personal our officiant Nolan made our ceremony. He picked all of the right words, told our love story to everyone who attended, and made us feel like our decision to get married made the most sense for the next chapter in that story. It was the best part of the ceremony and most memorable part of the day.

At a certain part, everyone watching us started to cry. We could hear the girls just gasping for air like when you cry really hard & we knew we couldn’t look out or we would cry just as hard. This moment of everyone really feeling and sharing our love for each other was our favorite part. That is exactly why we wanted this part of our celebration to be intimate so we could really be involved in the words we shared with each other. The promise that we made to each other to be more than just words.”

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

Casamento urbano e muito cool em Venice Beach

 

“My wedding planning advice would be to make sure that everything you are doing is to make you both happy. Do not spend more than you can afford & do not plan more than you can handle alone. Stick to your budget. A lot of the extras get lost in the magic of the day. Book a responsible wedding planner & an experienced photographer. They will make your day go smoothly & will help take care of some of the things you will not be able to. I am a planner myself and perfectionist. It was difficult to let go, but it was nice to know the workload was shared.”

 

Só bons conselhos…!

Via Junebug Weddings, com fotografia de Yaro Photography.

Passem por aqui para ver as imagens todas, que são tão bonitas!

 

Save

Susana Pinto

Sandra + Filipe, tanto amor e um bonito casamento vintage

O Outono acaba de chegar, mas demos um passo atrás e megulhámos numa festa de Verão com o mais bonito casamento vintage dos últimos tempos… Em equipa que ganha não se mexe, e aqui estão três fornecedores seleccionados Simplesmente Branco a concretizar o dia e as memórias da Sandra + Filipe.

PortoFesta tratou da iluminação (tão importante para criar o ambiente certo assim que anoitece, nunca se esqueçam!), os rapazes da FullCut registaram em filme tudo o que aconteceu (vejam o link no fim do artigo e passem por lá!) e tudo o resto teve mão cheia da dupla (e equipa) Cara Lavada, ou não fosse a nossa querida noiva de hoje, uma das metades deste belo projecto!

Planeamento, organização, vários braços direitos e foco no que é mais importante: a partilha do amor com as nossas pessoas… Este é o resumo do dia, e que sábias palavras estas!

Toda a festa está recheada de pormenores com graça, o vestido de noiva com inspiração vintage e feito à medida é delicadíssimo, o penteado perfeito com as flores naturais, os sapatos, o laço do noivo que combina com o vestido da menina das alianças que combina com a camisa, tudo em chita de alcobaça tradicional, tanto por onde olhar e apreciar, que decidimos, propositadamente, deixar de fora os detalhes da decoração. Mas não fiquem tristes, que reservámos espaço na próxima semana para mostrar tudinho porque, como diria o Lengendary Tigerman, é bonito e bom!

 

celeiro para casamento vintage

 

quinta rural para casamento em Penafiel

 

Como foi o teu pedido de casamento?
Depois de 8 anos a viver juntos, sentimos que não podíamos adiar muito mais tempo algo que sempre foi uma vontade de ambos. No inicio de 2015, decidimos começar a procurar o sitio ideal, tínhamos uma ideia muito específica e sabíamos que provavelmente não seria uma tarefa fácil. Em Fevereiro, por mero acaso, encontramos o lugar perfeito e, desde então, tudo começou a desenrolar-se normalmente… O conceito já estava muito bem idealizado na nossa cabeça, por isso todo o resto tornou-se fácil de concretizar. Após estas decisões estarem tomadas, o pedido de casamento oficial surgiu da forma mais surpreendente possível. Rodeados de amigos (cúmplices do noivo!), no meio de uma multidão de gente mas ainda assim num ambiente muito familiar, o pedido surgiu ao som d’A bela portuguesa pela voz do Bruno Nogueira. O concerto “Deixem o pimba em paz” ganhou outro encanto!

 

vestido de noiva curto vintage

 

noiva com vestido vintage e bouquet colorido

 

vestido de noiva vintage

 

Como te organizaste? Por onde começaste, com que antecedência?
O tempo foi muito escasso, decidimos casar em Fevereiro e a cerimónia teve lugar a 4 Julho, ou seja, tivemos 4 meses para conseguir preparar tudo! Na realidade foi uma loucura que nos levou à exaustão. Tivemos grandes amigos e família que puseram mãos à obra e que fizeram com que este dia ficasse perfeito.

 

noivo hipster

 

noivo com bow tie em chita de alcobaça

 

Que ambiente quiseste criar? Como o fizeste?
Todos os detalhes foram pensados ao pormenor, queríamos algo que tivesse a nossa cara, que retratasse a nossa personalidade e a naturalidade com que encarávamos esta etapa. Acima de tudo, queríamos um ambiente descontraído, onde a família e os amigos se pudessem divertir, sem grandes formalidades, com jogos tradicionais à mistura, numa atmosfera campestre, rodeada por vinhas e por animais do campo – póneis, cavalos, cabrinhas anãs, ovelhas malhadas, vacas um pouco loucas, etc., tudo o que uma verdadeira quinta de campo tem direito!

 

noivo hipster com bow tie

 

menina das alianças com vestido de chita de alcobaça

 

detalhes de decoração vintage em cerimónia civil

 

A opção “feito por ti” surgiu porquê?
Adoro decoração, organização de eventos, criação de ambientes únicos e especiais. A Cara Lavada é um projecto que adoro e que me enche a alma. O nosso lema é proporcionar aos casais um dia de sonho, por isso, o meu casamento não podia ser excepção… teria que ser perfeito, teria que ser o tal…!

 

decoração vintage de casamento

 

 

detalhe de missal com capa

 

Tiveste ajuda?
Sim, tive a ajuda de toda a equipa da Cara Lavada que foi incansável até ao ultimo minuto, da minha sócia e grande amiga que foi a minha wedding planner, que me deu a resposta certa quando me senti com dúvidas, para além da ajuda de grandes amigos que nos proporcionaram uma das melhores surpresas da nossa vida e que nos tocou profundamente, e da melhor família do mundo que demonstrou sempre total disponibilidade e apoio em todos os nossos devaneios.

 

cerimónia civil com decoração vintage

 

cerimónia civil com detalhe vintage

 

retrato dos noivos com inspiração vintage

 

O que era o mais importante para ti?
O mais importante para nós foi encontrar um espaço que albergasse todos os nossos convidados e onde estes pudessem desfrutar em pleno do dia. Não queríamos, de todo, que a distância ou a viagem de regresso fosse um obstáculo para desfrutarem do dia ao máximo. Assim, na Quinta de Eira pudemos proporcionar a todos um fim-de-semana diferente que iria para além de um casamento, um fim-de-semana de convívio entre família e amigos. Sem dúvida, esta foi a palavra-chave deste dia.

 

retrato dos noivos em cerimónia vintage

 

cerimónia civil vintage

 

 

E secundário?
Nada, tudo foi tratado na primeira pessoa e com o máximo de cuidado.

 

Onde gastaste mais dinheiro?
Como todos, no copo-de-água.

 

acessórios de photobooth para casamento vintage

 

acessórios vintage para photobooth

 

retrato dos noivos em sofá vintage

 

photobooth vintage

 

Onde gastaste menos?
No cabeleireiro, o noivo é proprietário de um salão de cabeleireiro, portanto tive o privilegio de ser mimada por toda a equipa que no dia se dedicou exclusivamente à noiva.

 

O que foi mais fácil?
O vestido! Sabia perfeitamente o que queria e tive a sorte de conhecer a pessoa ideal para o executar. Fiz 3 provas, pouco tive que alterar ou ceder perante a ideia que tinha em mente. Acho que ficou perfeito e que era, sem dúvida, a minha cara…

 

 

retrato intimista dos noivos ao ar livre

 

retrato intimista dos noivos ao ar livre

 

O que foi mais difícil?
Encontrar os meus sapatos! Sabia perfeitamente o que queria e tive que lutar muito para os conseguir ter no dia. Eram uns sapatos muito específicos de uma colecção antiga da Melissa Vivienne Westwood. Sabia que era a tarefa mais complicada de concretizar, mas também sabia que nada me iria agradar da mesma forma… Depois de tanto procurar e de quase desistir, recebi a maior prenda de sempre do meu noivo, recebi os MEUS sapatos! Foi sem dúvida a cereja no topo do bolo! Ele fez de tudo para os conseguir… fiquei tãooo feliz!

 

retrato intimista dos noivos ao ar livre

 

retrato intimista dos noivos ao ar livre

 

retrato intimista dos noivos ao ar livre

 

 

O que te deu mais prazer criar?
Eu tive várias coisas que me deram um enorme prazer, tudo foi conceptualmente criado na minha mente e desenvolvido pela minha equipa, mas uma das coisas que me ficou marcado foi a elaboração do convite ilustrado que me deu um enorme prazer desenhar…

 

O casamento que planeaste, é a vossa cara, ou foste fazendo cedências pelo caminho?
Completamente a nossa cara!

 

mesa dos noivos com letras iluminadas e decoração vintage

 

 

 

primeira dança dos noivos

 

Um pormenor especial?
Bem, esta pergunta é um pouco complicada… na realidade consigo descrever dois momentos muito especiais e que fizeram toda a diferença. Um dos momentos auge que marcou a nossa memória e que abrilhantou a cerimónia foi o coro surpresa realizado pelos nossos amigos; o segundo momento foram os votos dos nossos familiares que derramaram lágrimas de emoção.

 

Agora que já aconteceu, mudavas alguma coisa?
Foi tudo perfeito, não mudava rigorosamente nada. Se tivéssemos esse dom, teria parado o relógio para que cada minuto fosse eterno e para que pudéssemos saborear cada segundo. Infelizmente, neste dia, tudo passa a correr e há sempre momentos que acabam por nos passar ao lado…

 

noiva com vestido vintage e camisa de chita

 

cerimónia de corte do bolo com confettis

 

cenário de casamento com letras iluminadas

 

Algumas words of advice para as próximas noivas?
Não queiras que tudo seja perfeito, o importante é que criem um casamento à vossa imagem e que com ele tragam o melhor de vocês. Desfrutem em pleno dos bons momentos, deixem as coisas acontecer com naturalidade e coloquem os vossos convidados a par das vossas ideias, pois serão eles que irão dar alma ao vosso casamento.

 

Já publicámo o video bonito na nossa outra casa, vejam-no no The Destination!

 

 

Os nossos fornecedores:
convites, materiais gráficos, decoração total do espaço, flores, bouquet, alfinete de lapela, porta alianças e lembranças: Cara Lavada;
local, catering e bolo: Quinta da Eira, Penafiel;
vestido e sapatos da noiva: vestido feito à medida, sapatos Melissa Vivienne Westwood, sapatilhas Converse e brincos Pedra Dura;
fato, sapatos e acessórios do noivo: casco e camisa Zara, calças Carhartt, colete feito à medida por um alfaiate, sapatos Eureka, acessórios personalizados à medida pela Cara Lavada
cabelo e maquilhagem: Mendes Cabeleireiro
livro de memórias: Beija-flor (personalizado com o padrão utilizado na decoração)
fotografia: Dreamaker
vídeo: FullCut
luzes de arraial: PortoFesta
Dj: Halface Projecto DJ’s

 

Save

Save

Save