Created with Sketch.
Susana Pinto

À conversa com: Lounge Fotografia – fotografia de casamento

Hoje converso com o Luis Mateus e a Marta Barata, que assinam como Lounge Fotografia, sobre fotografia de casamento e a importância, valor e poder deste registo para a família que se constrói todos os dias e para a memória futura, um pequeno imenso detalhe que se calhar raramente consideramos… que especial que isso é!

Uma curiosidade sobre a Lounge Fotografia: são, oficialmente, os primeiros clientes Simplesmente Branco, após ficarmos online com o grupo inicial de 19, que acompanhou o nascimento do site, em Maio. A Marta e o Luís juntaram-se a nós em em Dezembro, e desde o primeiro momento foram nossos parceiros em todas as aventuras, sem hesitar, sempre com imensa paciência, disponibilidade e óptima atitude: juntos, fizémos styled shoots (quando não se fazia nada disto nem havia Pinterest!), as primeiras edições da S Magazine, os primeiros showcases, os primeiros jantares e encontros. Éramos todos estreantes entusiastas neste universo das publicações digitais, fresquíssimos players no mercado de casamento, mas cheios de energia, ideias e vontade de colaborar, fazer, experimentar. É um passado recente, mas parece já outro tempo.

Tem sido um prazer acompanhá-los, ver o trabalho evoluir e ganhar corpo e nome próprio, vê-los construir a sua própria família e a forma como escolhem registar os momentos bonitos. Posso dizer que são um clássico intemporal: sempre fiáveis, sempre disponíveis, sempre com trabalho bonito. E isso, queridos noivos, não é uma moda, é um luxo!

Fiquem a conhecê-los, e a o seu trabalho, em detalhe. Merecem!

 

Gostamos de famílias calorosas, que se abraçam, que se beijam, que riem juntas ou que choram de felicidade! Depois do nosso casamento, percebemos ainda mais a importância das pessoas à nossa volta, e o quão importante são estes registos. As fotografias de casamento devem ser algo mais do que detalhes bonitos, vestidos pendurados ou a marca dos sapatos. Ver a cara de um pai orgulhoso que leva a sua filha ao altar é,  para nós, muito mais significativo, muito emocionante. Dessa forma esforçamo-nos por fazer um registo que inclua estes momentos únicos e espontâneos, que, muito tempo depois, continuam a transportar o casal para aqueles instantes, com o mesmo poder gerador de emoções.

 

 

Contem-nos um pouco da vossa viagem profissional até aqui, à fotografia de casamento.

Eu, Luis, comecei no curso de fotografia do Instituto Português de Fotografia, pólo portuense, em 2000. A fotografia sempre foi uma das minhas paixões e depois de um curso superior que nada tinha nada a ver, achei melhor seguir esta paixão. Trabalhei ainda com o formato analógico e fiz diversos casamentos para outros estúdios. Estagiei e trabalhei oito anos, num estúdio de moda, com o fotógrafo Cassiano Ferraz. Durante este período fui desenvolvendo o meu estilo e, em 2006, decidi fundar a Lounge Fotografia. Nessa altura, também depois de ter terminado o seu curso superior, a Marta juntou-se a mim e foi contagiada pelo bichinho dos casamentos e da fotografia de pessoas.

 

Há quanto tempo fotografam? E porquê casamentos?

O Luis, desde 2000, e a Marta, desde 2006. Juntos, há 11 anos sem parar!

Gostamos muito e sentimo-nos bem a fotografar casamentos. O nosso trabalho é apreciado e valorizado pelos noivos e pelas famílias, e sabemos que estamos a contribuir para a herança fotográfica das várias gerações. Na nossa opinião, as memórias e o seu registo não têm preço!

 

As selecções de imagens que me enviam para publicação, trazem, invariavelmente, um dos momentos icónicos do casamento: a entrada de pai e filha, de braço dado, na igreja. Esta inclusão na narrativa para publicação, é propositada ou inconsciente e natural? A família e a sua história e laços, são um assunto que vos atrai?

Para nós, a família e a interação entre os seus vários membros, é muito importante. Gostamos de famílias calorosas, que se abraçam, que se beijam, que riem juntas ou que choram de felicidade! Depois do nosso casamento, percebemos ainda mais a importância das pessoas à nossa volta, e o quão importante são estes registos. As fotografias de casamento devem ser algo mais do que detalhes bonitos, vestidos pendurados ou a marca dos sapatos. Ver a cara de um pai orgulhoso que leva a sua filha ao altar é,  para nós, muito mais significativo, muito emocionante. Dessa forma esforçamo-nos por fazer um registo que inclua estes momentos únicos e espontâneos, que, muito tempo depois, continuam a transportar o casal para aqueles instantes, com o mesmo poder gerador de emoções.

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Nestes tempos globais, em que as imagens circulam a uma velocidade vertiginosa e todos temos acesso a tudo, a qualquer hora, onde vão buscar inspiração?

O mais importante para nós é fazermos sempre aquilo de que gostamos, não seguirmos tendências, semos fiéis ao nosso estilo. Conseguimos ir buscar inspiração a tudo o que fazemos, mas acho que a principal fonte são às palavras de satisfação dos nossos clientes!

E nos últimos anos, o Instagram tem sido nosso principal “palco” de inspiração, não só com fotografia de casamento, mas outras variantes também, fotografia de rua, moda, fotografia de viagem, documental etc…

 

O vosso trabalho é a duas mãos. Como o definem e como construíram a vossa assinatura?

Somos contadores de histórias e para isso é preciso muito trabalho, e dedicação e, acima de tudo, valorizar todos os momentos. Após vários anos a fotografar em conjunto, já sabemos o papel de cada um na dinâmica do dia e basta olharmos um para o outro, para sabermos o que o outro precisa. Gostamos de fotografar de uma forma documental e bastante descontraída ao longo do evento. Acima de tudo, gostamos de fotografar para pessoas felizes!

 

Quando precisam de fazer reset, para onde olham, o que fazem?

Até ao dia 23 Junho de 2017, era um para o outro, mas agora olhamos para os nossos gémeos e tudo passa. O cansaço desaparece e achamos sempre que vamos conseguir mais e melhor por eles!

Desligamos os computadores e a ligação às redes sociais e respiramos fundo.

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Estão instalados no Porto: o vosso trabalho é local ou claramente nacional?

Claramente nacional, vamos onde nos quiserem. O nosso País é tão pequeno, é tão fácil viajar para todo o lado.

 

Qual é o vosso processo de trabalho, como acontece a ligação com os vossos clientes?

Queremos sempre uma reunião presencial para nos conhecermos, ou no nosso escritório ou por skype, é muito importante esta primeira fase,  e, se correr bem, temos tudo para que o cliente saia satisfeito e nós, valorizados. Se vieram até nós, é porque gostam do nosso trabalho, mas também é necessário que haja uma certa química entre todos. Não somos os fotógrafos certos para todos os casais, nem todos os casais são “perfeitos” para nós. Esta ligação é importante no resultado final.

Após a reunião e confirmação do interesse nos nossos serviços, aconselhamos os noivos a fazerem uma sessão de noivado. Esta sessão é muito importante porque ficamos a conhecer-nos ainda melhor, quebramos o gelo, sabemos como funcionam enquanto casal e qual a linguagem corporal, ficamos a saber do que gostam, o que os move… por outro lado, o casal fica a saber o que pretendemos deles (como actores principais da narrativa do dia), como funcionamos e o que esperar da pessoa atrás da câmera! Ao encontramos a nossa dinâmica de grupo e zona de conforto, teremos um dia bem mais descontraído e calmo.

 

Casamentos grandes ou pequeninos, nacionais ou estrangeiros, cerimónias emotivas, festas de arromba – qual é o tipo de festa que mais gostam de fotografar?

Normalmente gostamos de casamentos mais pequenos, intimistas e descontraídos, sem grandes formalismos. É importante que o casal desfrute do dia e que esteja feliz. São importantes os sorrisos verdadeiros, assim como as lágrimas de felicidade! Já fotografámos todo o tipo de casamentos, mas os melhores são aqueles em que os noivos vivem o dia com emoção, sem estarem demasiado preocupados. O lado emocional é muito importante para nós.

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento

 

Qual é a melhor parte de ser um fotógrafo de casamento? E o mais desafiante e difícil?

Claramente, registar todos os momentos que poderãoser revividos, um dia mais tarde, pelo casal, pela família e até pelos filhos que ainda não nasceram, é muito especial, são memórias eternas aquelas que registamos. Temos a noção de que estamos por vezes a fotografar pessoas que mais tarde deixaram de estar entre nós, e o nosso papel é, também, documentar e registrar a presença dessas pessoas. O mais desafiante é estar à altura de todos os momentos… é preciso estar sempre alerta e atento a tudo o que nos rodeia.

 

Escolham uma imagem favorita do vosso portfolio e contem-nos porquê:

 

Lounge Fotografia - fotografia de casamento
Marta: é uma imagem que gosto bastante, o olhar de ternura do avô da Maria Edite, após a cerimónia e o cumprimento entre ambos! Acredito que será uma imagem que irá ficar para sempre no coração desta noiva.
 Lounge Fotografia - fotografia de casamento
Luis: além de casamentos, este ano comecei a fotografar partos, e esta é uma foto da primeira experiência neste campo. Assistir ao nascimento de um bebé é algo maravilhoso e tão marcante, que ficará para sempre na minha memória!

 

Os contactos detalhados da Lounge Fotografia estão na sua ficha de fornecedor. Espreitem a galeria, vejam as imagens bonitas e contactem directamente a Marta Barata e o Luís Mateus através do formulário: é só preencher com os vossos dados e mensagem, e na volta do correio, terão uma resposta simpática.

Acompanhem estas nossas conversas longas com fornecedores seleccionados Simplesmente Branco, sempre à quarta-feira!

 

Save

Save

Save

Comentar