Created with Sketch.
Susana Pinto

Dicas para casar: vestidos de noiva plus size, como escolher?

Nas dicas para casar desta semana, falamos sobre vestidos de noiva plus size.

 

Seguimos o blogue The Paper and Ink, da Joana Cardoso, que é, entre outros talentos, fotógrafa de casamentos. No seu blogue, a Joana fala de vários assuntos, moda entre eles, com especial foco no estilo com formas generosas.

Por estas razões, achámos que era a pessoa ideal para nos acompanhar e guiar neste tema de vestidos de noiva plus size, e convidámo-la a juntar-se a nós.

 

«Penso que cada vez mais o mercado da moda responde às exigências da mulher real, ou seja, aquela que tanto veste um 34 como 54.

Claro que os modelos base são sempre pensados numa silhueta mais estreita, mais conforme os parâmetros dos desfiles de moda, mas quase todas as lojas e grande parte das marcas e estilistas acabam por, na área de vestidos de noiva, ter à disposição uma maior variedade de tamanhos. Há modelos que assentam melhor numa mulher mais magra, enquanto outros são escolhas mais seguras para mulheres com mais curvas – mas a verdade é que já encontramos uma boa variedade de vestidos de noiva plus size.»

 

Desafiámos a Joana a imaginar que estava de data de casamento marcada. Por onde começaria as suas pesquisas de vestidos de noiva?

«Acho que sou aquele tipo de mulher que já tem uma ideia bastante fixa do que quer usar e procurar, mas mesmo assim acredito que muitas vezes somos surpreendidas por aquele vestido ou corte que nunca nos passaria pela cabeça. Sem dúvida que o meu primeiro instinto seria procurar inspirações em sites do género do Pinterest ou até mesmo no Instagram. Faria pesquisa online nas lojas multimarca mais conhecidas e também por pequenas boutiques e designers independentes, algo que começa a ser bastante comum nos dias que correm. Acho que tudo depende do nosso gosto e orçamento, mas acredito que a pesquisa deve ser extensa para  termos a certeza do que estamos a comprar e de realmente escolhermos algo que nos faz feliz.

No Porto, onde resido, não perderia as lojas físicas da Rosa Clará, Pronovias, Jesus Peiró, Gio Rodrigues ou da Penhalta Novias.
É sempre mais difícil comprar um vestido de noiva online, mas ainda assim pesquisar também lá fora é uma óptima ideia para encontrar marcas e designers que trabalham com tamanhos grandes, sendo que há a possibilidade de algumas lojas em Portugal receberem vestidos de noiva plus size de marcas internacionais, como a Kenneth Winston ou a Laure de Sagazan

 

Retrato de noiva com vestido plus size Noiva com vestido plus size e as suas madrinhas com vestidos em tons pastel. A noiva sorridente, durante a cerimónia. Pormenor da manga em renda num vestido de noiva plus size.

Para a Joana, a regra número um será fugir aos cortes mais comuns: estilo princesa com grandes saias volumosas, vestidos com decotes cai-cai ou alças muito finas.

Muitas vezes os modelos mais justos e até estruturados acabam por cair muito melhor num corpo mais volumoso, fazendo sobressair um maravilhoso perfil de ampulheta. Cada pessoa tem as suas características e mesmo que duas mulheres vistam o mesmo tamanho, isso não significa que tenham a mesma forma: não há uma fórmula exacta para vestir todas as noivas plus size.

 

«Não tenham medo de experimentar um corte sereia, um corte fit and flare ou algo que nunca vos passaria pela cabeça. Pensem no tom do vestido, no tecido em si – eu adoro rendas e sedas ou cetins mais estruturados – e combinem todos os pormenores de modo a ter um vestido coeso, no qual se sintam bem e bonitas. Por vezes os vendedores têm a melhor intenção possível, mas acreditem que a decisão final deve ser sempre vossa e se se sentirem bem, é o que importa. De que vos vale todos dizerem que estão lindas, se não gostam do vestido, ou se o desconforto é permanente? O dia é vosso, é longo e quer-se muito feliz – nunca percam o foco!»

 

Quanto a acessórios, a preferência da Jona recai sobre os toucados, embora reconheça que os véus têm um efeito fotogénico muito especial. Uma bonita pulseira, um anel de família ou uns brincos simples são as suas apostas em termos de jóias, sobretudo em vestidos muito elaborados ou com decotes altos.

Quanto aos sapatos, elegância, claro, mas sobretudo conforto. Se não resistem a uns saltos altíssimos para arrasar, considerem um segundo par menos desafiante para as horas mais agitadas da festa. Ficar sentada porque os pés já não aguentam é que não vale!

 

Retrato dos noivos. Retrato dos noivos com os padrinhos e madrinhas. Retrato dos noivos. Noiva com vestido de noiva plus size e mangas de renda.

No mais bonito dos dias, a noiva é o centro das atenções: também sobre isto, a Joana tem bons conselhos para dar, agora como profissional.

 

«O modo como nos vemos é sempre diferente daquele que é retratado, temos tendência a ver coisas a mais ou a menos, a fazer poses que resultam bem ao espelho, mas que são impossíveis de replicar fotograficamente. Também o ângulo da fotografia nunca será o mesmo de quem se olha a si mesma num espelho. Enquanto que eu olho de cima para baixo num espelho, com a altura dos meus olhos a cerca de 1,60m do chão, já a partir de uma lente o ângulo é posicionado mais abaixo ou mais acima, e a própria abertura angular da lente faz com que pequenas deformações existam, o que leva a que acabemos por parecer ou mais gordinhas ou mais magras.»

 

Um bom fotógrafo, quer seja no casamento ou numa sessão, guia-vos para, ou encontra, o ângulo certo, especialmente se já vos conhecer e tiver trabalhado convosco – uma enorme vantagem. Daqui resultam belas fotos que vos mostrarão o quão bonitas realmente são, algo que nem sempre conseguimos apreciar em nós mesmas.

 

Dicas finais da Joana:

«Se não gostam de ver os braços nus, optem por um vestido com manga. Se não querem realçar a barriguinha, usem uma cinta modeladora ou um vestido em que o corte não evidencie a zona abdominal. A verdade é que, como mulher e fotógrafa, ouço clientes dizerem que não gostam disto ou daquilo nas suas silhuetas e, no dia do casamento, o que vestem evidencia todas essas partes que menos apreciam. Pedem-nos “milagres”, pedem-nos Photoshop para ver uns braços mais magros, uma barriga mais definida. Não faz sentido nem deve ser uma angústia presente. Como fotógrafa e como mulher plus size, conheço os pequenos grandes truques que a roupa nos permite fazer. Basta ser estratégico e escolher bem.»

 

A confiança é, também, um ponto importante. Se uma mulher se sente bonita, sem medos, sem preocupações estéticas face ao seu corpo e ao que veste, isso transparece. A confiança é uma base importante da beleza.

«Para as pessoas mais tímidas, acreditem que nós – fotógrafos – temos a nossa maneira de vos deixar mais à vontade. Eu, pessoalmente, adoro conhecer os meus clientes antes, talvez até fotografar com eles antes do casamento para entender toda a nossa dinâmica. Não tenham medo de dizer aquilo de que gostam, não gostam, o que querem e o que não querem. Da minha parte, eu vou tentar fazer-vos rir, pedir para olharem um para o outro e dizerem o motivo que vos levou a amar, que vos levou àquele dia, e é a partir desses momentos que os olhos brilham, os abraços surgem, os beijos acontecem e eu consigo captar a essência do vosso amor, de modo muito natural, puro e sem grandes poses. O amor torna tudo mais bonito, incluindo as pessoas.»

 

Está tudo dito, verdade? Cabeça disponível para seguir os conselhos dos profissionais, estratégia na escolha do que favorece e do que não queremos que sobressaia, confiança e auto-estima em alta e trabalhar com óptimos profissionais. No fundo, são também conselhos para todos os dias, e um sorriso, daqueles que vem de dentro e nos ilumina, é o melhor acessório que podemos usar!

 

Imagens via Love my dress. Passem por lá para este casamento bonito!

Susana Pinto

Dicas para casar: como escolher os profissionais de fotografia e vídeo?

Hoje continuamos a nossa série de dicas para casar, e vamos falar sobre as imagens que ficam, essa memória para as gerações futuras.

 

A fotografia e o vídeo registam o mais bonito dos dias e a escolha dos seus guardiões deve ser feita com ponderação. Percebe-se porquê: as imagens que daí resultarem serão as memórias palpáveis que ficarão para reviver o dia, ano após ano, para partilhar com gerações futuras, para construir a história da vossa família e poder contá-la a quem não tenha assistido a todos os episódios.

Quando decidem o vosso orçamento e contemplam todos os detalhes com que sonharam para um dia tão bonito e especial, é natural que os queiram guardar e relembrar também nas imagens que ficarão. Recomendamos, então, que escolham com o coração e a razão.

 

E como escolher os profissionais de fotografia e vídeo para o vosso casamento?

Temos um mercado bem recheado de óptimos profissionais e com uma certa amplitude de preços: há estilos e serviços para todos os bolsos e personalidades. As nossas listas de fornecedores seleccionados de fotografia e video contam com mais de quarenta profissionais com trabalho bonito, e convido-vos desde já a percorrer estas galerias feitas de sorrisos, lágrimas, abraços e gente bonita, porque quando estamos felizes, irradiamos amor.

 

Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia

Pedimos ajuda ao Luís Mateus e à Marta Barata, da Lounge Fotografia,  para este diálogo de bons conselhos.

 

Começamos com a antecedência: os melhores profissionais são, naturalmente, os mais concorridos, e no caso dos fornecedores cujo serviço implica a sua presença no dia do casamento, isso significa que quem confirma a data primeiro, fica servido.

O ideal é iniciar esta busca com bastante antecedência, na sequência que já falámos antes – depois do sim, fazem-se as contas, esclarecem-se as legalidades da cerimónia, se religiosa ou civil, procura-se o espaço e a sua decoração e segue-se a fotografia e o vídeo.

Seis meses é um bom timming, mas se a vossa data é um dos fins-de-semana mais cobiçados do ano, como o primeiro de Setembro, um ano dá-vos mais folga para escolher. Comecem por analisar os vossos sites de referência com descontracção. Vão listando os nomes que vos agradam e tomem notas para cada um deles. Lembrem-se de que a palavra-chave aqui é afunilar, por isso qualquer coisa que vos desagrade deve empurrar o nome correspondente para o fim da lista.

 

A Lounge diz-nos que «muitas vezes as pessoas acham que os fotógrafos são todos iguais, e não são! Há estilos muito próprios, posturas diferentes, níveis de experiência diferentes e ofertas diferentes.»

Consultem os trabalhos dos vossos favoritos online e façam uma lista de preferências, peguem nos cinco primeiros nomes de fotografia e de vídeo e ponham de lado os restantes. Contactem o top 3 – com um email personalizado, simpático e já com informação relevante, para agilizar o processo. As respostas que receberem vão ajudar a fazer escolhas, e, a seguir, é o momento de agendar reuniões presenciais.

 

Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia

Estes encontros presenciais servem para afinar a empatia – ou existe ou nem por isso, eventualmente pode ser conquistada. Levem uma lista de assuntos essenciais convosco, e atentem nestas recomendações da Lounge Fotografia:

 

1. consultem dois ou três álbuns ou galerias completas: há uma grande diferença entre uma dúzia de fotografias editadas para brilhar num site ou numa publicação, e o registo completo do vosso dia;

2. clarifiquem em que consiste exactamente o serviço (o que inclui, em termos de produtos, e quem o executa) e o respectivo preço;

3. definam de forma clara os prazos de entrega dos vários produtos (preview, galerias, fotografias em papel, álbuns, etc.);

4. consultem o contrato de prestação de serviços e certifiquem-se de que é equilibrado para ambas as partes;

5. acertem preferências e necessidades: listem as fotografias ou pessoas que não podem faltar e nomeiem um mestre de cerimónias da vossa confiança (um irmão, uma madrinha) que, no dia, ajudará os fotógrafos e videógrafos a encontrá-las para as fotografias solicitadas, sem que tenham que ser vocês a preocupar-se com isso;

6. definam os graus de interferência no dia que são confortáveis para ambas as partes (pausas para sessões a dois, fotografias de grupo, etc.);

 

Se acham que se identificam com o trabalho apresentado mas resta ainda alguma dúvida, ou o vosso desconforto perante a fotografia está muito presente, agendem uma sessão de noivado. É a melhor ocasião para quebrar o gelo e verem a forma de estar dos fotógrafos/videógrafos: se são descontraídos, afáveis, divertidos, se vos fazem rir, se vos dirigem muito ou pouco.

Estas sessões prévias são um factor muito importante neste processo. Mesmo que já tenham decidido, não saltem essa parte. Para além de serem memórias acrescidas, é uma oportunidade de ouro para interagirem com os fotógrafos e videógrafos que estarão encarregues de registar o dia do vosso casamento. Ganha-se à vontade e descontracção, que serão essenciais no grande dia; afinam-se vontades e expectativas; e, de repente, já vocês tratam as câmaras por tu e já elas vos conhecem de cor, de modo que tudo flui com muito mais naturalidade.

 

Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia Fotografia de casamento no Porto: Lounge Fotografia

Este é o vosso dia. Gravem-no nos sentidos, da forma mais doce; e em imagens, da forma mais profissional.

 

Analisem a oferta com antecedência e, na hora do aperto de mão, não descurem o contrato – leiam e confirmem cada detalhe. Desistam de quem não vos responde em tempo útil, ou o faz de modo pouco profissional, evasivo ou invasivo – e confiem no vosso instinto, dêem relevância à empatia, já que no dia do casamento vocês vão precisar de sentir que estão todos na mesma equipa. Certifiquem-se de que o profissional que estará presente no vosso casamento é mesmo aquele que vocês preferem, quando se trata de empresas com equipas grandes. Confiem nas dicas dos profissionais mas não se esqueçam de que a última palavra tem que ser a vossa. Se sentirem que de lado de lá vos estão a puxar para uma direcção que vai contra a vossa natureza, acreditem, não vai correr bem e será visível no resultado. A qualidade do trabalho dos fotógrafos e videógrafos que vocês escolherem deve ser, claro, um argumento de topo; mas valorizem igualmente a qualidade humana do atendimento. Se se sentirem acarinhados, certamente que o vosso casamento será filmado e fotografado na mesma medida.

Posto isto, a palavra final é… descontraiam! Sim, é possível. Vivam o vosso dia plenamente, sintam cada instante, saboreiem cada emoção, cada gargalhada. E depois deleitem-se com as imagens.

 

Equipados com toda esta informação, comecem já a pôr em prática as nossas dicas para casar, passando a pente fino a nossa selecção de fornecedores de fotografia e de vídeo. Têm algum trabalho pela frente, é verdade: mas o resultado final será garantidamente espectacular.

 

Estas imagens bonitas são da dupla Lounge Fotografia: relatam o mais bonito dos dias da Ariana + Bruno, que publicámos aqui. Espreitem esta festa tão bonita (e este vestidaço, que é uma blusa e uma saia, da Ariana!).

Se gostarem tanto quanto nós, não deixem de passar pela ficha de fornecedor da Lounge Fotografia, visitar a galeria e entrar em contacto com o Luís Mateus através do formulário. Vão gostar de os conhecer, temos a certeza!

 

Sobram dúvidas? Falem connosco, têm a caixa dos comentários inteiramente à vossa disposição. E não deixem de acompanhar todas as dicas para casar que vamos publicando, sempre à segunda-feira.

Susana Pinto

Hugo Coelho Fotografia: nova galeria

O Hugo Coelho Fotografia tem novas imagens na sua galeria… e que imagens bonitas estas!

 

Deste lado, aguardamos sempre o fim da época de casamentos com imensa expectativa. Sabemos que passado o cansaço acumulado durante os duros meses de verão, a nossa caixa de correio se vai encher de dezenas de fotografias belíssimas.

 

E são belas, não apenas porque o trabalho dos profissionais que cuidadosamente seleccionamos e recomendamos aqui todos os dias é realmente bom, mas também porque são registos do mais bonito dos dias, cheios de amor palpável, de sorrisos contagiantes, de abraços apertados, de algumas lágrimas felizes e de uma imensa alegria que transparece em todas as imagens.

A soma destes dois factores é imbatível e o trabalho do Hugo Coelho demonstra isso mesmo.

 

Fotógrafo de casamento em Lisboa: Hugo Coelho Fotografia Fotógrafo de casamento em Lisboa: Hugo Coelho Fotografia Fotógrafo de casamento em Lisboa: Hugo Coelho Fotografia Fotógrafo de casamento em Lisboa: Hugo Coelho Fotografia Fotógrafo de casamento em Lisboa: Hugo Coelho Fotografia

Estão de casamento marcado? São de Lisboa – ou de qualquer parte do mundo, na verdade -? Procuram o vosso fotógrafo de casamento?

Então a minha sugestão é que vão espreitar a novíssima galeria do Hugo Coelho Fotografia e deixem-se emocionar. Passem os olhos pelas publicações do seu trabalho e, a seguir, contactem-no.

Garanto que vão gostar de o conhecer!

Marta Ramos

A vossa história, por Deambulando

A Deambulando é a casa da Elisa e do Paulo – e o que eles fazem é contar a vossa história. Fazem-no de uma forma natural e genuína. Adoram emoções, histórias de amor e, sobretudo, a forma como cada história ganha forma através das suas câmaras e do seu olhar. «Porque as melhores histórias são as de amor, nós deambulamos de imagem em imagem para contar a vossa.»
Escolheram trabalhar na área dos casamentos porque se sentem atraídos pela ideia de estarem a marcar a vida das pessoas: «Estamos a criar memórias que vão passar de geração em geração.»

Orgulham-se de criar uma relação com os noivos, de sentir o feedback positivo depois da entrega final, de perceber que no final de cada trabalho cumpriram o seu objectivo de documentar o dia mais especial da vida daquele casal.
Procuram inspiração junto de outros fotógrafos e videógrafos de casamento, e também noutras áreas da fotografia e do cinema, de forma a tornarem o seu trabalho mais rico e inovador.
E onde se vêem a Elisa e o Paulo daqui a cinco anos? «A fazer aquilo que já fazemos mas ainda melhor!»

 

Deambulando - Fotografia de CasamentoDeambulando - Fotografia de Casamento

Acompanhem os nossos posts acerca do trabalho da dupla Deambulando, e não deixem de consultar a sua ficha de fornecedor seleccionado para ficarem a conhecer melhor o seu trabalho. E falem com a Elisa e o Paulo, eles estão à vossa espera para contar a vossa história.

Marta Ramos

Um casamento no Jardim Botânico, por Alex Tome

Para Alex Tome, fotografia significa o mesmo que o basketball significa para Michael Jordan: ele vive-a e respira-a:  «Adoro captar os momentos únicos da vida e esforçar-me por realçar a personalidade do noivo, não só da noiva. Também adoro capturar os momentos animados e despreocupados, como a festa de despedida de solteira. Finalmente, acho que a coisa mais importante a mencionar é que amo o que faço e divirto-me a trabalhar – acredito que isso é fundamental.»

Desta vez, foi desafiado para fotografar um casamento da Camille e do Nicolas na Estufa Real, no coração do Jardim Botânico da Ajuda, em Lisboa. O casal é de nacionalidade francesa mas vive na capital e são ambos apaixonados pela cidade — Nicolas é chef no Bohemian, na Costa da Caparica (um espaço fantástico).

A Camille e o Lucas escolheram este espaço para casar porque adoram passear pelos jardins e admirar a vista sobre a ponte 25 de Abril.

O casamento foi compartilhado com os familiares e amigos dos noivos, vindos de diferentes países, verdadeiramente felizes por estarem ali, e todo o dia se desenrolou numa atmosfera descontraída e divertida.

 

Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex TomeCasamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex TomeCasamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Casamento na Estufa Real, fotografado por Alex Tome Créditos:

fotografia: Alex Tome
maquilhagem: Cati Beauty
espaço: Estufa Real

 

Acompanhem os nossos posts acerca do trabalho de Alex Tome e visitem a sua ficha de fornecedor seleccionado Sb para ficarem a conhecê-lo melhor e para verem mais imagens bonitas. Utilizem o formulário de contacto para falar com ele – para já, em inglês ou francês, mas, com o tempo, certamente que a nossa língua portuguesa tenderá a tornar-se, também, um pouco dele!

Marta Ramos

Ela disse «sim», por Thisisyourday | Denis Erroyaux

Quando o Jack telefonou a Denis Erroyaux, no final de Junho, muito entusiasmado, o fotógrafo ficou encantado com o que ouviu: Jack queria que Denis o acompanhasse num passeio em Belém e fotografasse o pedido de casamento que estava, secretamente, a preparar… Depois de alguma pesquisa, Denis encontrou um trajecto mais livre de turistas para que o casal pudesse fazer a sua sessão tranquilamente e, claro, viver o grande momento com o máximo de privacidade possível:

E então, a magia aconteceu diante dos meus olhos! Vou lembrar-me toda a minha vida da voz de Grace a perguntar «isto é a sério, Jack, é a sério, mesmo a sério?» Sinto-me abençoada por ter feito parte disto, enquanto tentava ser o mais invisível possível.

 

Pedido de casamento em Lisboa - Foto de Thisisyourday by Denis Erroyaux

Denis Erroyaux nasceu em Charleroi, Bélgica, e divide o seu tempo entre Lisboa e Bruxelas. Gosta de ver os filhos a brincar, de fazer palhaçadas com Aurélie, a sua mulher, e de fotografar casamentos. Para isso, criou a marca Thisisyourday, que apresenta assim: «É estar em todo o lado e ser invisível ao mesmo tempo, ser empático mas manter a distância, capturar o efémero. Acima de tudo, é possibilitar o reviver o infinito de momentos felizes. É o meu trabalho, a minha paixão, o que me define.» 

Não deixem de consultar a sua ficha de fornecedor seleccionado para ficarem a conhecer melhor o seu trabalho. E falem com o Denis, ele gostava de saber mais sobre o vosso dia especial: o casamento, um grande momento, ou algo que queiram guardar para sempre.

Marta Ramos

Felizes, nós e o mar, por Little Joy Photography

A costa de Vila Nova de Gaia já tem sido várias vezes cenário de fotografias mostradas por nós, aqui no SB. É, de facto, uma zona bastante fotogénica, com rochas dramáticas, areais extensos, um mar muito vivo, e peculiaridades, como a capela do Senhor da Pedra, na praia de Miramar, que conferem uma personalidade muito própria às imagens. Diana Nobre tem uma predilecção especial por esta costa, o que, naturalmente, se estende à equipa da Little Joy Photography, um projecto criado por si.

 

Convido-vos, então, para um passeio até à costa de Gaia, pela lente da Little Joy. Vamos acompanhar a Rita e o Catarino, um casal muito tranquilo e despreocupado, que deu o nó no passado mês de Julho e, dois dias antes do casamento, subiu às rochas da beira-mar para registar alguns momentos de felicidade e de partilha. Contam os fotógrafos que foi um bocado muito bem passado, com muita conversa, muita boa disposição, e que o casal mostrou (tanto na e-session como no casamento) estar, sobretudo, descontraído, focado apenas na alegria de viver esta fase das suas vidas, e de poder partilhá-la com as pessoas mais próximas.

Vamos ver o mar?

 

Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography Sessão de noivado à beira-mar, por Little Joy Photography

Little Joy Photography é uma marca da fotógrafa Diana Nobre, que já há bastante tempo nos acompanha com a sua visão muito interessante e muito poética da fotografia. Ao longo de mais de 5 anos, Diana Nobre moldou a sua equipa à sua visão e ensinou-lhes tudo o que, na sua opinião, a fotografia deve expressar: todas as emoções, os sentimentos, os estados de espírito. Agora, e empenhada em fazer chegar a sua visão a cada vez mais casais, criou a marca Little Joy para dar asas à equipa que tão bem formou. Na Little Joy, a Diana não fotografa, mas edita as fotografias no final. Contem com a mesma produção, a mesma visão, a mesma faísca. O objectivo é poder oferecer fotografia com a qualidade e a alma Diana Nobre a valores um pouco mais acessíveis. Digam lá se não é uma excelente notícia?

Acompanhem os nossos posts acerca do trabalho da Little Joy Photography e não deixem de consultar sua ficha de fornecedor seleccionado para ficarem a conhecer melhor o seu trabalho. E falem com a Diana: ela tem toda uma equipa preparadíssima para registar o dia do vosso casamento com a sua visão.