Created with Sketch.
Susana Pinto

Um vestido de noiva diferente e moderno para a Beatriz.

Há acasos assim: de repente passa-nos pelos olhos uma imagem que nos prende a atenção. Pode ser um detalhe, uma cor, umas flores, uns sapatos, um movimento de mãos.

Neste caso, foi o vestido de noiva da Beatriz. Com a sua capinha de tule, um laço de fitinhas a fechar, tão diferente, leve e etéreo, tão inesperado.

Averiguei junto de quem o tinha filmado e fotografado, e cheguei à doce Beatriz, a nossa noiva de hoje.

 

Vamos então falar deste vestido de noiva diferente e mágico!

 

Perguntei à Beatriz como é o que o tinha escolhido:

Sou apaixonada pela IMAUVE e soube imediatamente que queria que fosse a Inês de Oliveira a desenhar o meu vestido para este dia tão especial.
Não tinha nada muito concreto em mente, mas sabia que queria que fosse uma peça só minha e que reflectisse quem eu sou. Como a Inês diz, quis dar-lhe muita liberdade criativa. Sou designer e reconheço a importância de termos liberdade no processo de criação.

A Inês apresentou-me algumas propostas e houve uma que sabia que era para mim. Foi amor à primeira vista!

O que procurei foi um vestido elegante, confortável e único. E o resultado final foi mesmo esse.

 

À nossa conversa junta-se a Inês de Oliveira, diretora criativa e fundadora da IMAUVE, que nos conta como nasceu este vestido de noiva tão especial:

 

O vestido da Bea foi criado de raiz para ela. É um vestido IMAUVE Atelier, de design exclusivo, único no mundo… tal como a Bea.

Tive muita liberdade criativa e todo o processo de desenvolvimento do vestido correu de forma muito natural. Apresentei alguns croquis, dentro dos quais houve um que saltou aos nossos olhos mais que os outros e, emocionadas, decidimos por esse.

O vestido é composto por duas camadas. Uma base em cetim duchesse branco natural, com um decote profundo, traçado, uma tira a definir a cintura, a apertar com 3 botõezinhos forrados e alças que terminam em cordões muito finos, tornando-o vestido quase sem costas. Na parte de cima do body foram sobrepostas várias camadas drapeadas de musselina de seda natural, cosidas à mão e direccionadas para abraçar a silhueta, e ainda uma segunda saia de musselina esvoaçante para criar leveza e acrescentar uma segunda textura.

Sendo a Bea muito nova, extremamente bonita e com uma postura de extrema elegância, queria muito realçar a sua juventude e pureza, e assim criámos este vestido tão simples mas com materiais ricos e pormenores delicados.

Para a igreja, fizemos uma ”capa de princesa” a substituir o tradicional véu. Em tulle de seda, com pregas atrás, cobria os ombros, debruada com atilhos de seda, e escorria pelo comprimento do vestido ultrapassando-o em mais 2 metros de cauda adornada à mão com finas folhas bordadas em tulle.

A simbologia das folhas surge do nome dos noivos – Ramos de Oliveira – e foi transposta para o vestido também como um síbolo de paz e abundância: tudo aquilo que desejo para os noivos.

Criámos uma obra de arte para uma artista fabulosa que, acima de tudo, foi uma noiva deslumbrante, leve e muito, muito feliz.

 

Bouquet de noiva com ramos de oliveira Vestido de noiva diferente com capa bordada com folhas de oliveira Vestido de noiva diferente com capa longa bordada com ramos de oliveira. Vestido de noiva diferente com capa longa bordada com ramos de oliveira. Vestido de noiva diferente com capa em tule bordado com folhas de oliveira Vestido de noiva diferente com capa longa bordada com ramos de oliveira. Vestido de noiva diferente com capa em tule bordado com folhas de oliveira Vestido de noiva diferente com capa longa bordada com ramos de oliveira. Vestido de noiva diferente com capa em tule bordado. Vestido de noiva diferente com capa longa bordada com ramos de oliveira. Vestido d enoiva com capa bordada com ramos de oliveira Vestido de noiva diferente com capa longa bordada com ramos de oliveira.

 

Não é fantástico e poderoso? Este é um “daqueles” vestidos de noiva, os de princesa, os que ficam na memória, os que são épicos na sua singularidade.

Este é, de facto, um vestido de noiva diferente: de uma elegância intemporal, sem nunca perder a sua leveza e importância.

 

Na sexta-feira vamos mostrar mais detalhes deste casamento, passem por cá para ver o mais bonito dos dias da Beatriz + Rui!

As imagens felizes são da dupla D10Photo.

 

Susana Pinto

Um elopement em Nova York, chic a valer!

Neste novo ano decidimos fazer umas pequeninas mudanças nos nossos posts de sexta-feira, em que publicamos regularmente casamentos bonitos e especiais.

 

Mais do que nunca, o confronto com a diversidade é um bem essencial e, ao contrário dos maus hábitos trazidos pelos algoritmos que nos entraram pela vida adentro todos os dias e decidem aquilo devemos ver e de que devemos gostar, achamos que a diferença (por oposição à afinidade) nos alimenta e desafia muito mais, nos expande os horizontes, nos ajuda a descobrir coisas novas dentro de nós próprios e, por cada vez que vemos algo completamente inesperado e desalinhado dos nossos hábitos, tradições, costumes e conhecimento, e escolhemos gostar ou nem por isso, ficamos mais ricos, mais humanos e mais capazes de empatia.

 

Partilhar histórias de amor, diferentes no seu formato e dimensão, sempre foi um dos nossos critérios editoriais. Continua a ser um prazer navegar pelos quatro cantos da internet em busca do mais bonito dos dias, perfeito nos seus detalhes e diferenças inspiradas. O nosso querido Agosto, onde, sob a rúbrica 31 days of summer, publicamos um casamento por dia, no total de trinta e um seguidos, é uma generosa  amostra daquilo que valorizamos, que achamos genial e nos faz suspirar (há ali vários momentos “casava-me assim!”).

Este ano editorial vamos insistir neste diálogo saudável de estilos e tradições. Vamos partilhar os nossos casamentos (os vossos!), os da casa, os nacionais, os dos nossos noivos, os dos nossos fornecedores, e também os dos outros, lá de fora, da Austrália à Toscânia, de Las Vegas a Paris, de forma intencional: porque são bonitos, porque espelham a diversidade de que é feito o mundo e porque são histórias de amor.

 

Vamos a isto? Abrimos este novo capítulo com o mais bonito dos dias de Jodie + Jonathan, um elopement super chic na City Hall de Nova York, onde, precisamente, todos podemos vestir o que quisermos, sem estranheza ou constrangimentos – how cool is that?

 

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

Elopement em Nova York

 

O conselho da Jodie?

“Simply do what feels right and authentic to you and that should always be your guiding star.”

 

Simples e certo.

O mais bonito dos dias deste casal é de um bom gosto apuradíssimo, ou não fossem ambos profissionais de meios onde a sofisticação é rainha (moda e hotelaria): a noiva veste um fato e sapatos Altuzarra, o noivo está de Paul Smith, com sapatos Saint Laurent e as alianças são Cartier.
O bouquet de noiva e as flores das amigas e família foram feitas por Jodie, e à saída do registo, na companhia de Alfie, o seu patudo de estimação, tinham à sua espera o “confetti committee” – o pequeno grupo de amigos próximos e família, armados de bonitos cofetttis de papel de seda branco, às bolinhas.

 

Num dia de Fevereiro, inesperadamente ameno e radioso, impecavelmente vestidos, e na companhia dos seus, Jodie + Jonathan deram o nó na icónica City Hall de Manhattan, seguido de um passeio pelo parque.

Este foi o formato do mais bonito dos seus dias. Perfeito, claro! Passem por aqui para ver o resto das imagens, é impossível não sorrir com eles!

Bom fim-de-semana!

 

Fotografia de Mist of Morning Photography, via Bridal Musings.

 

Susana Pinto

Um casamento sustentável no countryside inglês: uma delícia!

Hoje mostramos o mais bonito dos dias de Steph + Jordan, no countryside inglês.

 

É engraçado que, ao fim de quase dez anos a escolher e publicar real weddings à sexta-feira, sejam notórias as diferenças de geografia.

Explico melhor: os casamentos americanos são os mais sofisticados e os mais certinhos, seguros, expectáveis e muito elegantes.

Os casamentos australianos, são, neste momento, os meus favoritos: os mais fantásticos e modernos vestidos de noiva, uns cenários sempre giros e umas flores fantásticas, meio exóticas e totalmente surpreendentes.

Os franceses são descontraídos quanto baste (talvez os mais parecidos connosco), os espanhóis estão com uma pinta incrível, sempre com um apuradíssimo sentido de moda, fincas fantásticas e uns ambientes rústicos modernos que nos deixam a suspirar…

E os ingleses, como este, têm duas componentes adoráveis: invariavelmente a cerimónia religiosa é numa pequena capela gótica de aldeia, linda, com um ambiente e dimensão muito especiais, e umas flores, à jardim inglês, que são sempre lindas, com o seu ar campestre ligeiramente domesticado.

 

O casamento da Steph + Jordan, ela ilustradora e designer, ele animador, é exactamente isso.

Está cheio de detalhes bonitos e tem uma forte componente sustentável, a propósito do que falámos no início da semana.

Foi um evento pequeno e intimista, para cinquenta convivas, entre família e amigos. Todo o design gráfico, convites, estacionário, sinalética e pequenos detalhes foram criados pela noiva e são uma delícia.

A deslocação da pequena igreja para o local do copo de água foi feita a pé, o vestido de noiva, lindo, foi comprado em segunda mão no E-Bay (e toda a sua história tem muita graça), o espaço do evento fica na localidade onde a noiva cresceu, e o carro pertencia a amigos da família. As flores, todas espécies tradicionais britânicas, foram escolhidas em função do que estava disponível na estação – e que glorioso é o bouquet da Steph!

As alianças, diferentes, foram encomendadas a artesãos independentes e a comida veio do farmer’s market local: tudo escolhas intencionais, especiais e singulares, que definem as memórias deste dia.

 

 

 

“Jordan was waiting at the church, dressed smartly in a deep grey suit from Hugo Boss and rusty bow-tie and leather brogues. Steph entered the church with her dad, as ‘Air à Danser’ by Penguin Café Orchestra played. I love these ‘first glance’ photos; they are so emotional and romantic.”

 

Durante meses a família reuniu frascos e frasquinhos que foram pintados e serviram para colocar as flores no salão, a refeição servida, um fantástico pequeno-almoço e um barbecue, tudo produzido localmente pela própria quinta e a escolha do bolo dos noivos, his (chocolate e caramelo salgado com praliné de frutos secos) and hers (limão e pistachio com recheio de mascarpone), fizeram as delícias do grupo.

 

Não é exactamente assim que imaginam o mais bonito dos dias? Há aqui tantos detalhes bonitos e tanto amor!

 

Imagens de Megan Elle Photography, via Love my Dress.

Susana Pinto

Penteados para noiva – uma boa dose de inspiração!

Vamos falar sobre inspiração?

Um dos meus sítios favoritos para ver coisas bonitas, quer esteja à procura delas ou apenas a relaxar depois do jantar, é, obviamente o Pinterest.

Tenho conta nesta plataforma desde a sua versão Beta, em 2010 (uma década!), e sou fã desde o primeiro momento: é uma excelente ferramenta de trabalho, uma imensa fonte de inspiração e um arquivo sem fim de imagens bonitas.

 

Ora ao longo destes anos temos construído, todos os dias um bocadinho, um belo arquivo de inspiração para casamentos, na nossa conta Simplesmente Branco do Pinterest.

Aproveito desde já para vos convidar a segui-la, porque é aqui que arquivamos todas as imagens bonitas que nos enchem os dias: entre pura inspiração, para suspirar, e trabalho fantástico de fornecedores seleccionados que é possível contratar, temos muito por onde passear!

 

Hoje vou destacar o arquivo de inspiração para penteados de noiva: aqui estão só ideias boas, seja para cabelos compridos ou médios, apanhados ou soltos, louros ou morenos, lisos ou encaracolados, com flores ou com ganchos, clássicos ou arrojados.

 

Apanhado de noiva clássico com madeixa solta Inspiração para noiva com cabelo apanhado Inspiração para noiva com coroa de flores Penteado de noiva apanhado sem estrutura  Noiva com cabelo solto com ondas

Estas imagens são apenas uma pequena amostra – vão encontrar por lá alguns looks mais modernos, muitos ganchos e travessões – os meus acessórios favoritos, e também muito penteado de noiva com um ar natural e confortável, sem deixarem de ser especiais para a ocasião a que se destinam.

 

Naveguem por aqui, piquem imagens para as vossas colecções – se ainda não têm um inspiration board para o vosso penteado de noiva, é uma óptima altura para começarem um belo arquivo. Se procuram alguma ideia em especial, partilhem-na comigo, irei certamente à procura de imagens exemplares para vos inspirar, ou não fosse navegar no Pinterest uma das minhas ocupações favoritas!

 

Estas imagens estão todas no nosso arquivo, juntamente com mais de centena de outras imagens de penteados de noiva, igualmente inspiradoras. Passem por lá e digam-nos quais são as vossas favoritas!

Susana Pinto

Dicas para casar: pequenos passos para um casamento sustentável

A propósito da recente passagem da jovem Greta Thunberg por Lisboa, e pegando no assunto do momento, juntamos algumas sugestões para pensar um casamento sustentável e mais eco-friendly.

Não alinho em opiniões ortodoxas, em que tudo apenas pode ser  ou preto ou branco. Dessa forma extremada não chegamos a lado nenhum e levamos a vida zangados com tudo e com todos: não é forma de estar, pois não?

 

Cada um de nós tem o poder de iniciar a mudança e ao começarmos de forma consciente e confortável, com aquilo que está na nossa mão, algo bom vai acontecer. Esqueçam os grandes gestos, que não são compatíveis com a vida moderna que queremos ter – não vamos deixar de andar de avião, não vamos deixar de andar de carro, não vamos passar a ser todos vegetarianos, certo? Mas podemos andar a pé ou de transportes públicos quando isso é possível, implementar uma dieta mediterrânica que alterna carne, peixe e proteína vegetal, recusar os sacos de plástico em tantas pequenas coisas que trazemos do supermercado, etc., etc..

 

O mais bonito dos dias é um evento (como todos) com imenso potencial de desperdício – vamos assumi-lo. Da decoração à comida, passando pelo vestido de noiva, muitos dos seus elementos são de uso único.

Mas não vale a pena ficarmos radicais, renegar tudo o que faz este dia ser tão especial e transformarmo-nos em forretas miseráveis que não consomem nada – se assim é, fazer uma festa com este simbolismo não faz sentido, sequer. É outra coisa e não há problema nenhum com isso.

 

Há muitas formas de pensarmos a festa com consciência ecológica e de forma sustentada, que não têm impacto na sua fruição e beleza, e é disso que vamos falar hoje, de forma pontual, nas nossas dicas para casar.

 

Inspiração para casamento sustentável com flores desidratadas no bouquet de noiva. Bouquet de noiva com flores de algodão desidratadas para um casamento mais ecológico.

Começamos pelo óbvio – eliminar o plástico e desperdícios de maior. Aqui, apontamos o dedo aos balões, com e sem led luminoso, e às palhinhas.

 

Dois elementos que não são essenciais, mas que pelo seu consumo às centenas têm um impacto imenso no ambiente.

O efeito visual de uma leva de balões iluminados a subir pelos ares é mágico, sim, mas mesmo os balões em latex, que são biodegradáveis, demoram seis meses a desaparecer e entretanto deixam o rasto impressionante de estragos, sobretudo quando chegam ao mar.

Quanto às palhinhas, até a Bacardi já as baniu dos seus eventos em 2016! Existem opções, como a marca Sorbos, versões em bambu ou, simplesmente, podemos eliminá-las da lista, porque não são essenciais para saborear um fantástico e delicioso cocktail.

 

Passamos a outro grande assunto: o transporte.

Todas as deslocações de carro que possam ser evitadas, devem mesmo sê-lo. Não só cortam nas emissões de CO2 para a atmosfera, como trazem conforto acrescido aos vossos convidados. A solução ideal para este simpático compromisso é celebrar a cerimónia e a festa no mesmo local. No caso de casamento civil, isso é mais fácil. Se falamos de casamento pela Igreja, será certamente mais desafiante, mas não é, de todo, impossível – há vários espaços para casamento com capela própria ou muito próximos de igrejas. Falem com o vosso pároco atempadamente e avaliem as possibilidades.

Se a deslocação for inevitável, há sempre a hipótese de proporcionar transporte colectivo aos convidados e, se possível, eléctrico!

 

Inspiração para casamento com flores de algodão desidratadas. Inspiração para casamento com flores de algodão desidratadas. Decoração de casamento sustentável com flores desidratadas.

Passamos à decoração e agarramos na tendência da estação com entusiasmo: já pensaram em flores desidratadas?

Ultimamente temos sido inundados de imagens maravilhosas e muito inspiradoras dos novos bouquets e centros de mesa que mistura flores naturais com flores desidratadas. Tudo começou com a chegada repentina da erva-das-pampas há cerca de dois verões e na sua companhia vieram as restantes espécies. Hoje co-habitam alegremente com as espécies frescas e os resultados são maravilhosos.

 

As flores desidratadas consomem menos recursos à posteriori e a sua duração é longa, tanto em stock e armazém como no próprio evento, podendo ser reaproveitadas de muitas formas. Se a maior parte da inspiração que vemos por aqui e por ali continua a ser estrangeira, tomem nota que em Portugal temos óptimos profissionais que já exploram esta tendência com resultados muito, muito bonito – espreitem o trabalho da Isabel Castro Freitas, de O Bosque ou da KcKliko.

 

Decoração de casamento sustentável com flores desidratadas. Decoração de casamento sustentável com flores desidratadas. Decoração de casamento sustentável com centro de mesa feito com flores desidratadas.

E fechamos com o mote essencial – pensar global, agir local.

Manifestem aos vossos fornecedores a preocupação com a origem dos produtos a usar – novamente, com as flores frescas, mas também com a comida. Reforcem a ideia de sazonalidade, do consumo de produtos locais e regionais e de toda uma selecção de menu mais simples na sua confecção mas igualmente deliciosa. Menos quantidade, muita qualidade e tudo muito saboroso. Isso fará a diferença entre uma festa normal e um casamento sustentável.

Confirmem com o vosso serviço de catering o destino das sobras – se não há (o que, felizmente, já é raro hoje em dia), façam o vosso trabalho de casa e proponham algumas opções como a ReFood ou uma associação  local próxima.

 

E rematem com chave de ouro, agradecendo a presença dos vossos convidados no vosso dia com uma oferta solidária. Já falámos nisto muitas vezes por aqui. Seleccionámos um conjunto de instituições cujo trabalho admiramos e que vos recomendamos para que transformem as lembranças para os convidados do casamento em contribuições para o bem-estar das pessoas que os nossos parceiros apoiam.

Acabam com a pegada ecológica, facilitam alguma logística, ajudam quem precisa, na medida da vossa generosidade, sensibilizam os vossos convidados e amigos e podem, com isso, gerar toda uma cadeia de partilha de conhecimento e valor para com a instituição que escolheram, de forma pública, informada e, com uma dose de optimismo, viral (e que bonito que isso pode ser…!).  Esta pequena lista parte de escolhas pessoais porque conhecemos pessoas envolvidas de ambos os lados (quem lá trabalha e quem foi ajudado), e de contactos profissionais que vamos tendo –  estes projectos são valiosos e muito importantes nas comunidades que servem, e revemo-nos neles.  Vocês terão os vossos, os que vos são próximos do coração – não há argumento melhor do que esse quando é altura de escolher quem ajudar!

Um por cento do vosso orçamento é quanto basta para causar verdadeiro impacto na vida de algumas pessoas. Façam um discurso fofo que explique o vosso gesto, um brinde saboroso e pronto! Sem pegada, é mais um elemento para um casamento sustentável e com muito, muito amor.

 

Falámos de meia dúzia de assuntos e ao de leve. Ainda assim, tudo conta para tornar o vosso casamento sustentável, a soma dos pequenos gestos resulta num impacto considerável. É assim que mudamos o mundo!

 

Imagens bonitas via Magnolia Rouge.

 

Não percam as nossas dicas para casar, sempre à segunda-feira!

Susana Pinto

Inspiração para um casamento na passagem de ano

E que tal um casamento na passagem de ano?

Pode parecer uma ideia amalucada, mas uma coisa garantimos – e já mostrámos aqui – um casamento na passagem de ano é sinónimo de uma festaça!

 

Não será a data mais escolhida – esse lugar está reservado para o primeiro sábado de Setembro -, mas tem a sua procura e pode ser muitíssimo divertido.

Se são o tipo de casal que adora sair, que adora festas e para quem a noite de 31 de Dezembro é um dos pontos altos do ano, um casamento na passagem de ano tem todo o potencial para ser a vossa data. E se por acaso não vos passou pela cabeça, depois de vos mostrarmos esta decoração inspiradora, acho que vão ficar a pensar nisso!

 

Bolas de espelho, decorações festivas e cheias de brilho e belas flores, claro, são os elementos deste cenário giríssimo, e a graça toda é mesmo essa: não é uma festa “temática” marcadamente de fim-de-ano, mas um casamento elegante, com uma decoração inesperada e festiva. Esse ajuste ao contexto é essencial para que tudo faça sentido e sintamos que estamos num casamento, intimista, focado e rodeados das nossas pessoas e de muito amor. Celebrada a cerimónia, segue-se a festa e aí, sim, é dar-lhe tudo, bolas de espelhos, cenário metalizado e música para dançar até o nascer do sol!

 

Decoração de casamento na passagem de ano: o altar civil. Decoração floral para casamento na passagem de ano Casamento com decoração retro. Cerimónia civil na passagem de nao. Decoração de casamento com bolas de espelho e flores

Decoração floral com painéis de acrílico e bolas de espelho. Decoração de casamento na passagem de ano.

O vídeo é delicioso, dá vontade de dançar, não é? Não é exactamente isto que se quer para um casamento na passagem de ano?

 

 

Preparados para um casamento assim?

Uma coisa é certa – há toda uma predisposição festiva nestes dias, há também mais tempo livre, a família e os amigos estão por cá, porque certamente quem está longe regressa para o Natal. É um alinhar de factores com uma energia muito própria, que torna a vossa festa absolutamente memorável!

 

Via Green Wedding Shoes, com fotografia de Lauren Miles Photo, video de Gavin Brown Media, decoração de Sea of Roses e flores de Sea of Roses.

Susana Pinto

Presentes para as madrinhas? Sim, claro!

Escolher um presente para a madrinha e acompanhá-lo de um cartão bonito que põe, precisamente, a pergunta à nossa melhor amiga pode, e deve, ser um prazer.

A madrinha é um braço direito e a vossa companheira nesta aventura: está lá, ao vosso lado, para ajudar nas decisões, para facilitar o processo, para dar abraços e secar as lágrimas (e para aparvalhar convosco, também). No mais bonito dos dias, zela, com o coração, pela sua melhor amiga que vai casar, para que tudo corra como deve e sem solavancos visíveis.

É um cargo importante, cheio de responsabilidade e cumprido com muito amor. E se o ditado diz  (e muito bem) que “amor com amor se paga“, não o façamos por menos, certo?

 

Hoje encontrei este colar singelo e tão delicado, verdadeiramente feito de amor pela Joana Pedroso, da Trincar Uvas (que só tem coisas bonitas!)

É feito à mão, em linho bordado, com um palpitante coração vermelho – há mensagem mais bonita do que esta?

 

Custa 16 euros e podem encomendá-lo na loja Etsy da Trincar Uvas (e espreitar todos os outros acessórios bonitos que lá estão).

 

Presente para a madrinha de casamento: colar Trincar Uvas, no Etsy Presente para a madrinha de casamento: colar Trincar Uvas, no Etsy Presente para a madrinha de casamento: colar Trincar Uvas, no Etsy Presente para a madrinha de casamento: colar Trincar Uvas, no Etsy Presente para a madrinha de casamento: colar Trincar Uvas, no Etsy

Todo o trabalho de bijuteria da Joana Pedroso é delicado e muito bonito, essencialmente brincos e colares. Tudo respira beleza e um compasso tranquilo de quem trabalha com as mãos. Do primeiro ponto do bordado ao último nó da embalagem, tudo é amor e trabalho bem feito.

Conseguem resistir? Eu não!

 

Contactem a Joana Pedroso através da sua loja Etsy e não deixem de acompanhar a conta do Instagram – que bonito que tudo isto é!