Created with Sketch.
Marta Ramos

Wise words: receber convidados de quatro patas

Por esta altura, a maior parte dos vossos convidados já confirmou a sua presença no vosso casamento, a data aproxima-se e tudo parece estar a compor-se para que o grande dia seja perfeito. E no entanto há ainda uma questão por resolver que vos preocupa: o que fazer em relação aos vossos melhores amigos de quatro patas? Custa-vos excluí-los de um dia tão especial, afinal são membros de pleno direito da vossa família! Mas como gerir as necessidades e os temperamentos de um ou mais cães num dia tão carregado de emoções?

Hoje vimos aliviar-vos desta preocupação. Falámos com o Tiago Simões, da Sóanimarte, e com a ajuda da experiência dele e da sua equipa compusemos estas wise words dedicadas aos vossos convidados caninos. Isto porque a Sóanimarte dispõe de um inovador serviço de DogSitting:

Sim! Wedding DogSitting, ou seja, babysitting de cães. Os patudos são cada vez mais os filhos da relação e queremos que se sintam assim no dia mais feliz das vossas vidas. Agora já podem levar o vosso amigo mais fiel para a festa do vosso casamento. – Tiago Simões

Como é que isto se processa? O serviço da Sóanimarte é sobretudo direccionado para os cães dos noivos – mas pode ser aberta uma excepção para algum patudo demasiado próximo da família para ser deixado de fora num dia tão importante: «Tivemos, por exemplo, um DogSitting no Clube Universitário do Porto com quatro cães», conta-nos o Tiago. «Os dois cães dos noivos mais dois da mãe da noiva. Como já se conheciam todos, foi super tranquilo.»

Para que as coisas corram bem, há uma série de regras a cumprir e de precauções a tomar. O objectivo é garantir o bem-estar dos ‘patudos’, pelo que a Sóanimarte disponibiliza uma ou duas pessoas responsáveis e capazes de acompanhar os cães, garantindo que estes estejam atentos aos momentos-chave do grande dia. Mas o trabalho de casa começa antes do casamento propriamente dito. «É muito importante, e por isso obrigatório, conhecermos o cão antes do dia (e o cão conhecer-nos a nós!), para avaliarmos o seu nível de stress e para nos podermos todos acostumar uns aos outros, claro.» No caso de os vossos bichinhos estranharem sítios novos, sempre que possível deverão levá-los também a conhecer previamente o espaço onde decorrerá a festa. «Não excluímos nenhuma raça à partida, mas reforçamos sempre junto dos noivos, que conhecem o seu patudo como ninguém, que é importante manter toda a gente em segurança (convidados, o Dogsitter e o próprio cão). Se um cão demonstrar algum índice de agressividade, um tipo de evento desta envergadura só poderá potenciar essa tendência, pelo que aconselhamos os noivos a ponderar bem a sua presença.»

Cumpridos estes passos, chega a hora de preparar o cenário. Antes de mais nada, certifiquem-se sempre, junto dos responsáveis dos espaços onde decorrerá o vosso dia, se vos é dada permissão para levar cães convosco. No espaço da festa, será preparado um cantinho especial onde os animais se sintam mais do que em casa e ultra-mimados. Para tal, é importante que os donos levem os objectos pessoais dos cães: a cama ou manta preferidas, um ou outro brinquedo e a sua comida habitual.

Este serviço é disponibilizado num pacote de dez horas (que pode ser prolongado, mediante ajuste no orçamento, caso necessário). Podemos ir buscar o patudo a casa e devolvê-lo também a casa ou a um hotel, no final do dia. Ou podemos começar a nossa intervenção apenas na igreja ou no local da festa. Tudo isso será ajustado de acordo com a vontade dos noivos.

Por norma, o serviço inclui uma pessoa – apenas nos casos de mais do que um cão de porte médio ou grande é que a Sóanimarte sugere que estejam duas pessoas sempre presentes. E os DogSitters estarão sempre atentos às necessidades dos animais, quer seja protegendo-os do ‘assédio’ dos convidados, para que não se enervem, quer seja proporcionando-lhes momentos de passeio e mudanças de ambiente, sempre que sintam que há necessidade disso.

 

Wedding dog sitting: um serviço Sóanimarte (2)Wedding dog sitting: um serviço Sóanimarte (4)Wedding dog sitting: um serviço Sóanimarte (6)

Há ainda alguns detalhes com uma graça extra: podem disponibilizar a trela e a coleira dos vossos amiguinhos à Sóanimarte para que sejam personalizadas, de acordo com as cores ou o tema da vossa festa; e existe também a possibilidade de, através de uma câmara GoPro, obterem um registo do vosso casamento como se fosse pelo olhar do vosso bichinho de estimação. Esta última oferta ainda está em fase de testes, mas estamos desejosos de ver os primeiros resultados.

Se se inscrevem na categoria de donos de patudos incapazes de deixá-los de fora de um momento tão marcante nas vossas vidas, falem com a Sóanimarte e combinem com eles todos os pormenores. Com a correcta preparação prévia e a articulação de todos, a vossa festa poderá ficar ainda mais completa – ainda mais feliz!

 

Sobram dúvidas? Falem connosco, têm a caixa dos comentários inteiramente à vossa disposição. E não deixem de acompanhar todos os artigos de wise words que vamos publicando, sempre à segunda-feira.

Susana Pinto

À conversa com: Sóanimarte – animação para casamentos

Hoje conversamos com o Tiago Simões, da Sóanimarte – animação para casamentos.

Começo por dar os parabéns, bem alto, a esta equipa – ontem celebraram duas mãos cheias de anos de actividade! Uma década de trabalho é coisa de gente valente e representa muito sangue, suor e lágrimas, e muitas alegrias também. É mais do que merecida esta festa e um belo abraço!

De seguida, falamos sobre o percurso deste grupo, a forma como procuram inspiração e como constroem os seus serviços e, sobretudo, sobre a importância da animação num casamento. No meio está a virtude e o Tiago explica porquê e como se prepara a animação perfeita para o mais bonito dos dias – o vosso!

Estudamos o casal com quem estamos a trabalhar, idealizamos o tipo de animação que pretendem e como podemos dar o nosso cunho à mesma. Seja levando um bocadinho do circo (do bom circo, entenda-se!), seja tornando o dia o mais simples e elegante de todos, sem nunca descurar a animação que ele merece.

 

Contem-nos um pouco da vossa viagem profissional até ao universo dos casamentos.

A nossa viagem profissional começa por ser uma viagem apenas, sem nenhum objetivo profissional. Sendo nós uma equipa de animação, a arte circense está sempre presente e foi por aí que começámos. Ainda novos, na escola, e por sermos de uma terra riquíssima em artes de rua, com o é Santa Maria da Feira, fomos tomando o gosto por manipular objectos e criar performances. Algum tempo depois, não muito, começámos a levar para os palcos (quer de anfiteatros, quer de rua) as nossas criações. Daqui até ir fazer a festa de aniversário do filho de uma amiga e começar a fazer casamentos, foi um pulo. Um pulo daqueles que damos na adolescência e nos apercebemos que rapidamente passamos a ser adultos.

 

Há quanto tempo trabalham neste mercado? E porque escolheram trabalhar em casamentos?

Eu, Tiago, trabalho na área desde 2004. A Joana, minha companheira, desde 2007. A empresa (ou equipa, como lhe gosto de chamar) começou em 2009 e fazemos 10 anos precisamente este mês de Maio. Trabalhar em casamentos nunca foi uma escolha ao início do projeto. Tinhamos tantas ideias na cabeça que criámos quatro grandes áreas de intervenção: infantil – para aniversários; noite – para discotecas e clubes; performance de rua – onde podíamos ser mais criativos, e, claro, casamentos. Mas ao longo dos tempos começámos a apercebermo-nos de que os casamentos eram realmente o palco onde nos sentíamos bem. Mais próximos das pessoas e mais envolvidos na emoção que dias como esse acarretam.

 

Qual é a vossa assinatura, o trabalho que mais vos define e separa da concorrência?

No seguimento da história que vos contava na pergunta anterior, percebemos cedo que para sermos quem sempre sonhámos ser – aquela equipa criativa e cheia de ideias –, tínhamos de levar um bocadinho dessa génese para os casamentos e essa é a nossa assinatura. Estudamos o casal com quem estamos a trabalhar, idealizamos o tipo de animação que pretendem e como podemos dar o nosso cunho à mesma. Seja levando um bocadinho do circo (do bom circo, entenda-se!), seja tornando o dia o mais simples e elegante de todos, sem nunca descurar a animação que ele merece.

 

Sóanimarte - animação para casamentos Sóanimarte - animação para casamentos
Animação para casamentos no Porto: Só Animarte

Existem fórmulas vencedoras que aplicam, ou cada evento é pensado totalmente de raiz?

É comum achar-se que existe essa fórmula vencedora e muitos trabalham arduamente para a encontrar e a poder aplicar nos eventos seguintes, tornando assim tudo mais fácil. Mas, na verdade, que piada tem se isto for tudo mais fácil? Para nós, os eventos devem ser sempre pensados de raíz e para aquele casal em particular. Não quer isto dizer que a nossa experiência não nos sirva como base para sugerir aos noivos o que consideramos mais eficaz para um resultado ultra-positivo, mas não queremos confundir experiência com fórmula vencedora.

 

Onde buscam inspiração para cada nova temporada de trabalho?

Sempre na temporada actual ou anterior. As tendências mudam e baseiam-se em paletas de cores, tipos de letra, cenários específicos. No nosso caso, na animação, há uma barreira que nos impede de aproveitar esse sumo para ser criativo, porque sejamos sinceros, apenas na música as tendências são evidentes, no resto das acções de animação temos sempre a tela em branco para poder criar, logo, durante as temporadas passadas estivemos atentos ao que nos dizia o mercado, o convidado, o noivo e, do nada, vão surgindo novas ideias. É um bocadinho como as bandas que andam na estrada em tour com um novo álbum, mas a aproveitar essa experiência para escrever um álbum novo que sairá dois anos depois.

 

Quando precisam de fazer reset, para onde olham, o que fazem?

Fazemos uma pequena introspecção. Tentamos perceber se nos sentimos bem a fazer o que fazemos nesse momento ou se precisamos de mudar. Somos um equipa numerosa, com ideias vincadas e onde todos temos uma opinião valiosa: colocamos essas opiniões em cima da mesa e de forma descontraída, estudamos o que devemos fazer. Se o resultado tiver de ser uma mudança radical, viajamos e, no regresso, metemos mãos à obra.

 

Sóanimarte - animação para casamentos Animação de casamentos no Porto: Só Animarte Animação de casamentos no Porto: Só Animarte

Qual é a importância da animação na grande lista de itens e tarefas que compõem o casamento?

Logicamente, para nós, tem sempre uma importância acrescida, mas de forma genérica consideramos que há três grandes itens que fazem toda a diferença no casamento: o local/catering, os fotógrafos/videógrafos e a animação. Se alguns deste itens falha, torna-se logo um marco nesse casamento. Contudo, a animação está a passar por um processo de difícil entendimento no mercado nos casamentos, isto na minha modesta opinião. Existem, felizmente, inúmeras empresas de animação, de diversos estilos diferentes, mas se bem analisarmos os casamentos em Portugal (e não só), há dois pólos: os que têm animação do início ao fim, o que se torna massacrante; e os que têm apenas DJ (ou banda) porque não querem correr o risco de aborrecer o casamento. O meio-termo não existe, é logo excluído. O nosso trabalho tem sido mostrar a todos que esse meio-termo é talvez a melhor opção de todas: animação, q.b.

 

Qual é o vosso processo de trabalho, como acontece a ligação ao cliente?

Do mais simples que pode existir, sem barreiras linguísticas, burocráticas ou sociais. O casamento é uma festa que envolve um grupo de pessoas próximas do casal, que nós não conhecemos ou com quem não temos qualquer relação. O nosso processo de trabalho é conhecer os noivos, de forma a podermos estar incluídos nesse grupo e esse grupo aceitar a nossa adição. Só assim os podemos animar a todos, de forma simples, personalizada e eficaz. Não queremos nunca que os noivos sintam que não nos conhecem.

 

Qual é a melhor parte de trabalhar em casamentos? E o mais desafiante e difícil?

A melhor parte é, sem dúvida, conhecer pessoas, viver e experienciar essa emoção e partilhá-la num dia que é sempre vivido intensamente. De tal forma que se constroem amizades que duram uma vida (há uma bela percentagem do nosso grupo de amigos, que foram em tempos nossos noivos). A mais difícil é combater por um mercado mais justo, quer aos olhos dos noivos quer aos olhos das restantes empresas. Fazer entender a nossa posição/visão sem parecer presunçoso torna-se desafiante!

 

Escolham um momento ou serviço favorito, e contem-nos porquê :

 

Existem tantos momentos favoritos que é difícil escolher um, mas se há história que gosto de contar é aquela que melhor se identifica com quem nós somos e como gostamos de estar. Em 2013 decidimos organizar um desfile de moda performativo, a convite de uma colega do grupo. Nesse mesmo desfile tratámos da produção toda, incluído castings de manequins e afins. Após 3 meses de preparativos, a colega que nos convidou para organizar apaixonou-se por um dos manequins. Cinco anos depois decidem casar, organizámos a festa e está estampada na minha cara (como podem ver na foto, o barbudo), a felicidade de tal momento. Como fica sempre, de evento para evento, de casal para casal, de amigos para amigos. Resumindo: o nosso momento favorito é sempre que vemos todos assim: emocionalmente sorridentes!

 

 

Contactem a Só Animarte, através da sua ficha de fornecedor. Espreitem as galerias e entrem em contacto com o Tiago Simões, directamente através do formulário: é só preencher com os vossos dados e mensagem e, na volta do correio, terão uma resposta simpática.

 

 

Acompanhem estas nossas conversas longas com fornecedores seleccionados Simplesmente Branco, sempre à quarta-feira!

 

Susana Pinto

Casamento elegante na Quinta de Prata: Claudia + Michal

Hoje temos para vos mostrar um casamento elegante na Quinta de Prata: o mais bonito dos dias da Claudia + Michal.

Com eles, uma bela equipa de fornecedores Simplesmente Branco: Edgar Félix, que filmou o belo vídeo que vos mostramos, Dj Nuno Rodrigues, que pôs toda a gente a dançar e a equipa de animação da Sóanimarte.

A leitura é curtinha, o que vos deixa os 5 minutos necessários para se deleitarem com o filme de casamento deste bonito casal.

Bom fim-de-semana!

 

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Elegante , sofisticado e romântico.

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Sempre muito calmos, pensámos em todos os pormenores com muito cuidado. Todas as decisões foram tomadas pelos dois.

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Quando escolhemos o espaço , tudo começou a fazer sentido , depois a igreja dos nossos sonhos.

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

Muito fiel, nós sabíamos exatamente o que queríamos, desde o começo. Não fizémos tudo sozinhos.

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

O design do casamento e a decoração eram muito importantes. Tudo foi importante.

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

O mais difícil foi escolher o fotógrafo e o videógrafo, as nossas expectativas eram enormes e não foi fácil encontrar alguém em quem confiássemos. O mais fácil foi escolher a cor dos vestidos das damas. Cinzento era e sempre foi a cor perfeita.

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

Os discursos, muita emoção e muitas lágrimas.

 

E o pico de diversão?

O jogo icebreaker no início do casamento, envolveu toda a gente e o ambiente era perfeito.

 

Um pormenor especial…

Só um ? Para nós todos os pormenores no casamento foram especiais. O tema em si, “momentos”.

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Nada!

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Cada dia da organização do casamento deve ser uma diversão, porque o dia propriamente dito dura mesmo poucas horas. Ser noiva é uma fase linda, aproveitem!

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

espaço e bolo dos noivos: Quinta de Prata;

decoração: Maria de Lurdes Weddings;

convites e materiais gráficos: todos feitos por nós;

fato do noivo e acessórios: Versace e Ted Baker;

vestido de noiva e sapatos: Rosa Clara;

maquilhagem: Julia Mota;

cabelo: Fátima Castro Cabeleireiro;

fotografia: Pedro Lopes;

video: Edgar Félix;

animação: Sóanimarte;

Dj: Nuno Rodrigues.

 

Susana Pinto

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis: Ana Rita + Ricardo

Regressamos para mais uma temporada de casamentos bonitos e autênticos, que são reflexo da natureza e personalidade de cada casal que, gentilmente, decide partilhar o mais bonito dos seus dias connosco.

Ano após ano, continua a ser uma honra sermos fiéis depositários destas emoções, abraços apertados e histórias doces!

Hoje, o dia é da Ana Rita + Ricardo, que regressaram a Portugal para casar.

Com eles, família e amigos próximos, o patudo de estimação e fornecedores seleccionados Simplesmente Branco: Sóanimarte e Torga Emotion & Films.

Venham ver como foi!

 

Casamento em Oliveira de Azeméis. Retrato do noivo, por Parallax Fotografia.

 

Casamento em Oliveira de Azeméis. Retrato do noivo, por Parallax Fotografia.

 

Casamento em Oliveira de Azeméis. Retrato do noivo, por Parallax Fotografia.

 

Casamento em Oliveira de Azeméis. Retrato do noivo, por Parallax Fotografia.

 

Casamento em Oliveira de Azeméis. Retrato do noivo, por Parallax Fotografia.

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Imaginámos que seria um dia de pura diversão, muito partilhado com família e amigos, visto que os momentos que passamos com eles são escassos (somos emigrantes).

 

Casamento em Oliveira de Azeméis - retrato da noiva, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis - retrato da noiva, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis - retrato da noiva, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis - retrato da noiva, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis - retrato da noiva, por Parallax Fotografia

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Sentíamo-nos preparados, pois já morávamos juntos e tínhamos tudo muito bem delineado, sabíamos bem o que queríamos.

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Quando escolhemos o espaço para o copo d’água, tudo o resto desenrolou-se a partir daí, desde o aspecto das mesas, ao tema e até o tipo de roupa que iríamos usar.

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

O resultado foi praticamente o que idealizámos desde início, tivemos sempre ideias muito definidas. Contámos com algumas ajudas, dos nossos pais principalmente, por vivermos fora não conseguimos estar tão presentes na organização.

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

Casamento em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Era fundamental que os nossos convidados gostassem do espaço, comida e etc., pois era importante a opinião dos nossos mais queridos e que mais tarde relembrassem o nosso dia como tendo sido mágico. O que para nós não teria nenhuma importância, seria o facto de as coisas serem caras ou ditas “chiques”, desde que fizessem sentido, por mais simples e barato que fosse…

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

O mais difícil foi a construção das mesas e a cerimónia na igreja –  que o padre que nos casou colocou alguns entraves às nossas escolhas musicais, e o facto de sermos emigrantes, exigiu mais burocracia. O mais fácil de tudo foi escolher a roupa para o grande dia, ambos já sabíamos o que queríamos vestir.

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

O pico sentimental foi quando a família e amigos, combinados entre si, mostraram um vídeo feito com muito carinho para nós. Fez-nos relembrar a infância, a altura em que nos conhecemos e todas as pessoas especiais que temos a nossa volta.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

E o pico de diversão?

O pico de diversão foi quando fizemos a dança dos noivos, organizámos uma dança engraçada para seguimento da valsa.

 

Um pormenor especial…

Todo o tipo de animação foi feita por amigos, a cantora é uma grande amiga, e todo o resto da animação, pela empresa de grandes amigos, a Soanimarte. Um pequeno grande pormenor especial e que nos deixou tao à-vontade e com a sensacao que correria tudo bem.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, retrato dos noivos por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, retrato dos noivos por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, retrato dos noivos por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, retrato dos noivos por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, retrato dos noivos por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, retrato dos noivos por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, retrato dos noivos por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Não mudávamos nada, foi especial do jeito que foi, mesmo com pequenas falhas que possam ter acontecido, faz parte.

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Organização, é a chave de tudo, sem ela vão sentir-se perdidas e ainda mais nervosas.

Escolham algo confortável, pois o dia é para se sentirem felizes e bem, não para andarem desconfortáveis e com dores de pés!

Sejam fiéis a vocês próprios, pois se forem pelos gostos dos outros, vão chegar ao fim com a sensação que não correu como queriam.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

Casamento campestre em Oliveira de Azeméis, por Parallax Fotografia de Casamento.

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: Optimalprint;

espaço e catering: Quinta do Caima, em Palmaz, Oliveira de Azeméis;

bolo dos noivos: Doces e Travessuras, em São João da Madeira;

fato do noivo e acessórios: comprado em Paris, sapatos da Dielmar;

vestido de noiva e sapatos: vestido  de noiva feito à medida na costureira Carla Silva, em Cabeçais, sapatos Aldo;

maquilhagem: Vania Freitas Makeup Artist;

cabelos: Carla Cabeleireiros, em São João da Madeira;

bouquet de noiva: Florista Jasmim;

decoração: Mundinho das Lembranças, em Oliveira de Azeméis;

ofertas aos convidados: pequenas suculentas, da Brindes4you;

fotografia: Parallax Photography;

vídeo: Torga Emotion & Films;

luzes, som, Dj e animação: Sóanimarte.

 

Marta Ramos

Hospitalidade a toda a prova, com a I Go Travel – Luxury Services

A I Go Travel tem uma equipa jovem, dedicada e totalmente focada em proporcionar aos noivos uma viagem de lua-de-mel única e inesquecível. Destinos paradisíacos ou grandes metrópoles, a vossa experiência começa aqui, com uma viagem criada à medida dos vossos sonhos e orçamento, com o maior profissionalismo. Já conhecem bem este nosso fornecedor seleccionado, que nos ajudou a compor um artigo de wise words muito útil para vos apoiar na preparação da viagem de lua-de-mel. Ainda não leram? Então, está na altura de o fazer!
Para além disso, podem também contar com os serviços da I Go Travel para vos ajudar na organização do casamento, nomeadamente no que diz respeito a tours, transfers e alojamento para noivos e convidados. Para serem anfitriões de primeira linha e também para o vosso próprio conforto, a equipa experiente da I Go Travel – Luxury Services trata de todos os detalhes para que não haja pontas soltas. Se têm convidados que vêm de longe, alojem-nos confortavelmente, prevejam transporte disponível para todas as deslocações necessárias e programem ainda alguns passeios turísticos para que a viagem seja ainda mais inesquecível.

 

I Go Travel - Luxury Services | Um fornecedor seleccionado Simplesmente Branco

 

I Go Travel - Luxury Services | Um fornecedor seleccionado Simplesmente Branco

 

I Go Travel - Luxury Services | Um fornecedor seleccionado Simplesmente Branco

 

I Go Travel - Luxury Services | Um fornecedor seleccionado Simplesmente Branco

 

I Go Travel - Luxury Services | Um fornecedor seleccionado Simplesmente Branco

 

I Go Travel - Luxury Services | Um fornecedor seleccionado Simplesmente Branco

 

E já que estamos a falar de receber o melhor possível os convidados do vosso casamento, lembramos também que podem contar com os serviços especializados de um outro fornecedor seleccionado SB para serem os melhores anfitriões do mundo para os vossos convidados de quatro patas: a Sóanimarte dispõe de um inovador serviço de DogSitting:

Sim! Wedding DogSitting, ou seja, babysitting de cães. Os patudos são cada vez mais os filhos da relação e queremos que se sintam assim no dia mais feliz das vossas vidas. Agora já podem levar o vosso amigo mais fiel para a festa do vosso casamento. – Tiago Simões

Leiam as nossas wise words sobre este serviço e deixem tudo nas mãos de quem sabe. Que descanso, verdade? É para isso que cá estamos!

Marta Ramos

Wise words: receber convidados de quatro patas

Já têm a lista de convidados fechada, a maior parte das pessoas até já confirmou a sua presença, a data aproxima-se e tudo parece estar a compor-se para que o grande dia seja perfeito. E no entanto há ainda uma questão por resolver que vos preocupa: o que fazer em relação aos vossos melhores amigos de quatro patas? Custa-vos excluí-los de um dia tão especial, afinal são membros de pleno direito da vossa família! Mas como gerir as necessidades e os temperamentos de um ou mais cães num dia tão carregado de emoções?

Hoje vimos aliviar-vos desta preocupação. Falámos com o Tiago Simões, da Sóanimarte, e com a ajuda da experiência dele e da sua equipa compusemos estas wise words dedicadas aos vossos convidados caninos. Isto porque a Sóanimarte dispõe de um inovador serviço de DogSitting:

Sim! Wedding DogSitting, ou seja, babysitting de cães. Os patudos são cada vez mais os filhos da relação e queremos que se sintam assim no dia mais feliz das vossas vidas. Agora já podem levar o vosso amigo mais fiel para a festa do vosso casamento. – Tiago Simões

Como é que isto se processa? O serviço da Sóanimarte é sobretudo direccionado para os cães dos noivos – mas pode ser aberta uma excepção para algum patudo demasiado próximo da família para ser deixado de fora num dia tão importante: «Tivemos, por exemplo, um DogSitting no Clube Universitário do Porto com quatro cães», conta-nos o Tiago. «Os dois cães dos noivos mais dois da mãe da noiva. Como já se conheciam todos, foi super tranquilo.»

Para que as coisas corram bem, há uma série de regras a cumprir e de precauções a tomar. O objectivo é garantir o bem-estar dos ‘patudos’, pelo que a Sóanimarte disponibiliza uma ou duas pessoas responsáveis e capazes de acompanhar os cães, garantindo que estes estejam atentos aos momentos-chave do grande dia. Mas o trabalho de casa começa antes do casamento propriamente dito. «É muito importante, e por isso obrigatório, conhecermos o cão antes do dia (e o cão conhecer-nos a nós!), para avaliarmos o seu nível de stress e para nos podermos todos acostumar uns aos outros, claro.» No caso de os vossos bichinhos estranharem sítios novos, sempre que possível deverão levá-los também a conhecer previamente o espaço onde decorrerá a festa. «Não excluímos nenhuma raça à partida, mas reforçamos sempre junto dos noivos, que conhecem o seu patudo como ninguém, que é importante manter toda a gente em segurança (convidados, o Dogsitter e o próprio cão). Se um cão demonstrar algum índice de agressividade, um tipo de evento desta envergadura só poderá potenciar essa tendência, pelo que aconselhamos os noivos a ponderar bem a sua presença.»

Cumpridos estes passos, chega a hora de preparar o cenário. Antes de mais nada, certifiquem-se sempre, junto dos responsáveis dos espaços onde decorrerá o vosso dia, se vos é dada permissão para levar cães convosco. No espaço da festa, será preparado um cantinho especial onde os animais se sintam mais do que em casa e ultra-mimados. Para tal, é importante que os donos levem os objectos pessoais dos cães: a cama ou manta preferidas, um ou outro brinquedo e a sua comida habitual.

Este serviço é disponibilizado num pacote de dez horas (que pode ser prolongado, mediante ajuste no orçamento, caso necessário). Podemos ir buscar o patudo a casa e devolvê-lo também a casa ou a um hotel, no final do dia. Ou podemos começar a nossa intervenção apenas na igreja ou no local da festa. Tudo isso será ajustado de acordo com a vontade dos noivos.

Por norma, o serviço inclui uma pessoa – apenas nos casos de mais do que um cão de porte médio ou grande é que a Sóanimarte sugere que estejam duas pessoas sempre presentes. E os DogSitters estarão sempre atentos às necessidades dos animais, quer seja protegendo-os do ‘assédio’ dos convidados, para que não se enervem, quer seja proporcionando-lhes momentos de passeio e mudanças de ambiente, sempre que sintam que há necessidade disso.

 

 

 

 

Há ainda alguns detalhes com uma graça extra: podem disponibilizar a trela e a coleira dos vossos amiguinhos à Sóanimarte para que sejam personalizadas, de acordo com as cores ou o tema da vossa festa; e existe também a possibilidade de, através de uma câmara GoPro, obterem um registo do vosso casamento como se fosse pelo olhar do vosso bichinho de estimação. Esta última oferta ainda está em fase de testes, mas estamos desejosos de ver os primeiros resultados.

Se se inscrevem na categoria de donos de patudos incapazes de deixá-los de fora de um momento tão marcante nas vossas vidas, falem com a Sóanimarte e combinem com eles todos os pormenores. Com a correcta preparação prévia e a articulação de todos, a vossa festa poderá ficar ainda mais completa – ainda mais feliz!

Marta Ramos

Nove anos de Sóanimarte!

A Sóanimarte completou nove anos no passado domingo e, para assinalar a data, inaugurou um site novinho em folha, cheio de boas ideias para tornar as vossas festas absolutamente inesquecíveis. Já aqui vos falámos do serviço de Wedding DogSitting – se não leram o artigo, ainda vão a tempo. É uma solução muito prática (e muito fofa) para quem não quer deixar os companheiros de quatro patas de fora da lista de convidados.

Mas há mais: a animação de eventos focada nas actividades performativas e circenses da Sóanimarte engloba um leque variadíssimo de personagens/serviços e uma equipa proveniente de diferentes áreas de formação. Destacam-se pela sua irreverência, originalidade e personalidade, e oferecem soluções muito originais e muito interessantes. A equipa de Tiago Simões escolheu trabalhar na área dos casamentos porque considera que a celebração do amor deve ser uma festa memorável e para a qual a animação tem um papel preponderante. Orgulham-se muito de  corresponder à expectativa dos clientes. E vão procurar inspiração «aos nossos noivos. Como achamos que cada casamento deve ser pensado de forma individual, não há melhor inspiração que o casal que vamos celebrar.»

Vale a pena explorar o novo site para ficarem a conhecer o Wedding Spa, o Postman of Love, o DogSitting (que referi lá atrás) e outras propostas que criam festas verdadeiramente mágicas. E divirtam-se com o vídeo que aqui partilhamos, assinado pelos Torga Emotion & Films, com uma bela mensagem que só nos faz bem ter sempre presente.

Parabéns, Sóanimarte!

 

nove anos de Sóanimarte

 

 

Não deixem de consultar a ficha de fornecedor seleccionado Sóanimarte, para ficarem a conhecer melhor o seu trabalho. E falem com eles – peçam-lhes que vos enviem o catálogo de serviços para 2018, que está carregadinho de propostas muito tentadoras