Inspiração Arquivos -  Simplesmente Branco 

0 Comentários

Bridal shoot, via Harper’s Bazaar

Viajar é uma arte, e bom gosto, um assunto sério.

Nos séculos XVI e XVII, os pequenos e preciosos gabinetes de curiosidades reuniam objectos trazidos de sítios longínquos, das grandes viagens exploratórias. Eram itens dos reinos animal, vegetal e mineral, quase sempre exóticos na sua estranheza e raridade, olhados e guardados como verdadeiros tesouros.

A Harper’s Bazaar Bridal pegou neste imaginário espectacular e tendo como fio condutor o processo que é encontrar o vestido certo, essa pérola escondida e o prazer que é fazer a viagem à sua procura, concebeu esta styled shoot absolutamente épica!

Os vestidos são todos couture de grandes casas, e fazem a vez de vestidos de noiva grandiosos, combinados com a melhor selecção de objectos de coleccionadores e antiquários muito especiais.

Diz a Harper’s Bazaar: “if you’re lost in your hunt because of bridal’s array of options, widen your scope.”

 

 

“Welcome to BAZAAR Bridal’s cabinet of curiosities–expect the unexpected.”

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Bridal shoot com vestidos de noiva couture, via Harper's Bazaar

 

Esta é, sem dúvida, a melhor sytled shoot de vestidos de noiva, de sempre, com tudo o que é preciso para o essencial: fazer-nos sonhar!

Essa é a função primordial de uma sessão fotográfica com esta tipologia: explorar ao máximo, ser over the top, para que os horizontes se expandam e as ideias fluam – não é representativo da realidade, não deve ser encarada como tal, nem replicada junto do cliente. É um exercício estético, onírico, criativo, agora que vimos mais, que sabemos mais, que somos capazes de mais, que nos testámos, estamos mais preparados para começar a construir o vosso dia de sonho, com know-how e com seriedade.

 

Saibam todos detalhes de cada imagem (vestido, jóias, flores, décor) aqui.

 

0 Comentários

Rachel + Johnathan: um casamento à prova dos elementos!

O que fazer quando temos uma visão para o nosso grande dia, e o mau tempo choca de frente com o que imaginámos?

O bom senso manda que se tenha um plano B e que o ponhamos em prática, mas no caso da Rachel + Johnathan, a cedência aos elementos, durante a cerimónia ao ar livre, não se deu.

Aguentaram estoicamente – e a chuva abrandou durante alguns momentos, mas o copo-de-água teve de ser forçosamente mudado para um local próximo, à pressa, bastante impessoal e uma incógnita total.

Poderia ser um cenário de horror – tinha tudo para ser, chão de linóleo, ventoinhas no tecto, um cheiro esquisito – , mas quando se tem uma equipa profissional verdadeiramente competente e uma família e amigos generosos e disponíveis, a magia toma forma e o dia de sonho acontece! Talvez não como previsto, ou como sonhado na sua totalidade, mas como esperado, no que toca a emoções e partilha de amor – e isso é o mais importante, sempre!

Comprovem, nas bonitas imagens abaixo, e nos sorrisos contagiantes, que tudo o que acabámos de dizer é a mais pura verdade!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Este é um casamento judeu, com um protocolo a que estamos menos habituados – e tão bonito. Mas o que gosto mesmo muito, é o grupo dos mais pequenos, que anunciam a chegada da noiva e dos seus pais com balões coloridos, bandeirolas e flores de papel gigantes – que prenúncio de festa, que alegria!

As fotografias são dos americanos One Love Photo.

 

0 Comentários

Um trio perfeito…

Esta semana decidimos combater esta primavera cinzenta e chuvosa com uma lufada de cores vibrantes!

Escolhemos uns sapatinhos de cetim, dignos de uma princesa, na inesperada (ou talvez não!) cora da estação, rosa fúcsia. Pareceram-nos apropriadíssimos, com o seu saltinho baixo e preço simpático, a espreitar por baixo de um monte de rendas delicadas ou até de um belo e sumptuoso mikado de seda. Para dar consistência à escolha, juntámos um belo bouquet de noiva em tons de rosa (e com umas espectaculares rosas farfalhudas e opulentas) e um bolo dos noivos, branco puro e cremoso, adornado de forma vibrante com rosas, túlipas e ervilhas-de-cheiro.

 

Que alegria!

 

Bolo dos noivos branco com decoração em flores naturais cor-de-rosa

 

Sapatos de noiva em cetim cor-de-rosa fúcsia

 

Sapatos de noiva em cetim cor-de-rosa fúcsia

 

Bouquet de noiva com rosas cor-de-rosa

 

De cima para baixo, um bonito bolo dos noivos, via Chic Vintage Brides, sapatos de noiva em cetim rosa fúcsia na Zara (por 29,95 euros), e bouquet de noiva feito de rosas maravilhosas, via Burnett’s Boards, feito por Sincerely, Ginger Weddings & Events, com fotografia de Brittany and Devin Photo Co..

0 Comentários

Um elopement em Nova York

Gosto sempre do trabalho da fotógrafa australiana Samm Blake. Há uma energia magnética que atravessa as imagens que é quase palpável, e o amor entre os visados, seja um casamento a dois no registo ou uma festa épica com uma centena de convidados é algo presente em todas as fotografias.

Para mim, um casamento é sobre isso: o que nos une e como celebramos essa vontade, decisão e alegria incomparável, a dois ou com as nossas pessoas.

Para ilustrar o que acabei de escrever, fiquem com este casamento civil em Nova York: épico, relevante, intemporal!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Que estilaço!

 

 

0 Comentários

Vai uma bebida?

Há pouco falámos sobre cocktails de casamento, agora falamos do bar e de como comunicamos esse luxo festivo que é ter uma  (ou mais) bebida adulta a glamorosa – sim, porque se foi feito o esforço de pensar e criar algo tão especial para surpreender os vossos convidados, há que mostrá-lo, de forma claríssima e vistosa!

Ora espreitem:

 

 

 

 

 

 

 

Bonito e cumpre o propósito: informar, gerar conversa e facilitar o serviço de bar.

Fiquem a saber que tanto a Love Stories como a In Love Unique Weddings, dois dos nossos fornecedores seleccionados, são capazes de fazer umas placas assim de bonitas e estilosas para o vosso serviço de bar, só têm de escolher os cocktails de casamento com que vão surpreender os vossos convidados!

 

Imagens via Green wedding shoes, Mulberry Market Design, (uma loja Etsy), Paper Tangent (outra loja Etsy), Almost makes perfect (um DIY), Rocky Mountain Bride e Whimsical Wonderland Weddings.

 

0 Comentários

Cocktails para casamento: tchim tchim!

Depois do assomo de primavera da semana passada (e diz que regressa no próximo fim-de-semana!), apeteceu-me falar de cocktails para casamento, alcoólicos ou não, mas totalmente modernos na sua apresentação e muito apetecíveis. A ideia de um – ou dois, dele e dela – signature cocktail representa, para mim, todo um universo de sofisticação que se pode somar à festa, e também uma forma de personalizar e tornar singular o vosso casamento.

Já há uns meses que construímos, todos os dias um bocadinho, o nosso board no Pinterest, dedicado a este assunto, cheio de bebidas bonitas, inspiradas, umas com álcool e outras sem.

Chama-se, muito adequadamente, Tchim tchim! e é brinde ao amor, à celebração, à família e aos amigos, aos românticos deste mundo que fazem dele um lugar mais bonito.

 

Cocktails para casamento com gin

 

Cocktails para casamento com fruta

 

Cocktails para casamento com sumo de frutas

 

Eu sou fã de sabores cítricos e ligeiramente ásperos, como toranja, lima, gengibre, pepino, se forem bebidas claramente frescas, porque são sabores que primeiro se estranham, e depois se entranham, o que levará a que sejam consumidas mais devagar (o que é um factor positivo!). Acho sempre que doçura e álcool é uma má combinação e um rápido caminho para o desalinho, sem sequer nos apercebermos!

E se falamos em sabores e aromas, imaginem estes para cocktails de casamento: toranja e erva-princípe, com rum e basílico… ou shrub de ameixa (uma versão ligeiramente avinagrada do sumo, com um sabor mais espevitado) com água com gás e fruta fresca – eu já experimentei uma versão de maçã, e era bem interessante -, ou infusão de hibisco, com sumo de ananás, tomilho e rum, para uma versão moderna de um Mai Tai… já estão virtualmente em modo festa ou à beira da piscina?

De cima para baixo, via Swooned, (com receita incluída); via Now, forager (com receita incluída) e via With food & love (com receita incluída).

Se ficaram a pensar neste assunto, sigam esta pista: #DRINKTHESUMMER