Created with Sketch.
Susana Pinto

Dicas para casar: como escolher a decoração do casamento

Nas nossas dicas para casar, todas as segundas-feiras, temos falado, de forma vagamente cronológica, dos vários assuntos relevantes para quem vai casar.

Depois de uma mão cheia de boas sugestões para encontrar o espaço ideal, hoje falamos do seu complemento: a decoração do casamento.

 

Ora a decoração de casamento é sempre um assunto pouco compreendido como tendo direito a existência e autonomia próprias. Vamos lá esclarecer alguns mitos!

Um decorador não é um wedding planner, um wedding planner não é um decorador. Uma quinta pode ter decoração incluída, mas raramente isso é um serviço de decoração. Um conjunto de centros de mesa e umas florinhas ali no canto não substituem o serviço de um decorador.

 

Então o que é, afinal, a decoração de um casamento?

A decoração de um casamento é a criação de um ambiente.

Quando se contrata um decorador, contrata-se mais do que apenas o serviço de execução e a logística; são ideias, conceitos e criatividade, é experiência, é conhecimento e capacidade de execução para vos levar do ponto A (um espaço “qualquer”) ao ponto B (um dia mágico), de modo feliz e eficaz.

 

Seja qual for o ambiente e o tipo de espaço escolhido, contratar um profissional é fundamental: a decoração está presente em todos os detalhes e cenários, cria um ambiente, define dinâmicas e deixa toda a gente feliz.

Um bom profissional olha para o espaço que escolheram como uma tela em branco e tem a capacidade de o transformar no cenário com que sonham. Vai pensar nos vários momentos do dia, vai criar espaços de lounge, vai estar atento ao sol e às sombras, aos detalhes de construção menos bonitos e a forma de os fazer desaparecer do olhar, vai descobrir recantos com graça e vesti-los para que fiquem ainda mais especiais, vai definir dinâmicas de circulação dos convidados, vai acentuar o que é bestial e tirar o foco ao que está menos bem.

Vai criar um ambiente e com isso uma história: a vossa história!

 

Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte. Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte. Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte.

Agora que as diferenças ficaram mais claras, podem ter chegado a várias conclusões diferentes, todas elas correctas: a oferta disponibilizada pelo espaço agrada-vos (na sua forma e preço) e não precisam de um decorador; o espaço é muito espectacular e não pede nada extra, vale por si; o espaço é perfeito, mas não inclui nada para além disso mesmo; o espaço é óptimo (e até tem alguma oferta decorativa), mas têm em mente algo específico e precisam de ajuda profissional.

 

Se chegaram a uma das duas últimas conclusões, então está na altura de encontrar o decorador do vosso casamento!

Avaliar o portefólio e experiência do fornecedor são fundamentais, assim como o feedback de outros clientes. Seleccionem três fornecedores para contactar, cujo portefólio vos tenha agradado, e preparem um simpático email. Se possível, mencionem já o espaço escolhido, incluindo o endereço do site, para que o fornecedor se possa situar, e, claro, a data. Não esperem receber orçamentos na volta do correio – este é um assunto que requer e merece uma conversa prévia – mas sim um pedido de marcação de reunião.

Façam o vosso trabalho de casa – os boards do Pinterest, as anotações da visita ao espaço e a folha de orçamento – e reúnam, com tempo e disponibilidade. Conversem sobre a festa que querem ter, o tipo de convidados que esperam (e as suas necessidades), o que é fundamental, o que é acessório, ideias que gostariam de pôr em prática, e deixem que o fornecedor inicie o seu processo criativo.

 

Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte. Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte. Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte.

Quer tenham uma visão bem definida ou uma ideia vaga, confiem no profissional, não o considerem um mero executante, mas um criativo capaz, que toma decisões e cujo objectivo é prestar-vos o melhor serviço possível. Se sentirem que há imposição de gostos ou modelos (a importância da empatia, de que falamos tantas vezes), desistam e passem ao próximo contacto.

É provável que não obtenham uma proposta completa e detalhada no fim deste primeiro encontro. Criar um projecto de decoração de raiz e orçamentá-lo é um processo criativo e aritmético, é necessário tempo para pensar, pesquisar e orçamentar, e esse investimento por parte do fornecedor espera um compromisso da parte do cliente, por isso, o mais natural é uma proposta simplificada e uma baliza de valores.

 

Se estiver dentro do que têm em mente (ideias e custos), é sinal para avançar. Contactem os outros fornecedores não seleccionados e informem-nos da vossa decisão, libertando-lhes a data, previamente acautelada com o primeiro contacto.

Façam uma visita conjunta ao espaço (as deslocações do fornecedor deverão estar por vossa conta), aproveitem a oportunidade para apresentar ambas as partes envolvidas, avaliem as várias intervenções necessárias e estejam disponíveis para algumas sugestões.

Daqui sairão os dados que faltavam para um projecto e orçamento detalhados e é altura de assinar o contrato. Contem com uma adjudicação ou sinal (pelo menos 20%), que dá início ao processo de trabalho, e com possíveis alterações de última hora, desde que aconteçam com o vosso acordo.

 

Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte. Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte. Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte. Decoração para clássica para um casamento ao ar livre no Porto com assinatura de Susana Abreu, da Inspirarte.

No processo logístico, estará incluída uma lista de todo o material fornecido (do qual passam vocês a ser os responsáveis), que deverão partilhar com os profissionais do catering e do espaço, para que tudo retorne a quem de direito, e um valor de caução, para as peças que se extraviarem, que forem levadas por convidados mais entusiasmados ou simplesmente que se estraguem.

Atempadamente, peçam uma prova da mesa completa, se possível já no local – é uma boa oportunidade de analisar a qualidade dos têxteis, o estado das cadeiras, a categoria da loiça.

Para o restante ambiente, confiem no portefólio que viram, nas conversas que tiveram e na empatia criada, são garantia suficiente de um bom trabalho!

 

A fechar, reforçamos o ponto inicial: um decorador não é um wedding planner. Não esperem dele competências organizacionais, de gestão de equipas, de resolução de problemas maiores ou fora do restrito âmbito da decoração. Se concluírem que vos faz falta esse apoio profissional, muito além das funções de um chefe de sala, contratem-no. Há quem disponha de ambos os serviços e essa especificação deverá estar devidamente mencionada e contratualizada, e terá o seu custo adicional.

No próprio dia, desfrutem. Haverá sempre alguma coisa que não ficou exactamente como se pensou, mas também algumas surpresas boas, cortesia de um bom profissional com brio no que faz, atento ao detalhe e especialista em criar cenários especiais para o mais bonito dos dias!

 

Sobram dúvidas? Falem connosco, têm a caixa dos comentários inteiramente à vossa disposição. E não deixem de acompanhar todas as dicas para casar que vamos publicando, sempre à segunda-feira.

 

Estas imagens bonitas são da Inspirarte, sempre com a assinatura da talentosa Susana Abreu, especialista na criação de ambientes especiais e que respiram qualidade (na selecção floral, no mobiliário, nos têxteis e nos acessórios). Espreitem a sua ficha de fornecedor e marquem uma visita!

Marta Ramos

Um cheirinho a verão, por Inspirarte

Já apetece tanto o verão, não apetece? E hoje o apetite fica ainda mais aguçado com este casamento intimista na praia, decorado pela Inspirarte e fotografado por Menino conhece Menina.
Contou-nos a Susana Abreu que o processo de organização do casamento foi um pouco atípico, uma vez que foi tudo tratado com a noiva e com a sua mãe. Correu tudo muito bem, o entendimento foi perfeito e o resultado cumpriu todas as expectativas. O início era auspicioso, já que a noiva tinha ideias muito definidas em torno daquilo que pretendia, e que era «um ambiente simples e elegante». Quem conhece a Susana sabe que isto é “a cara” da Inspirarte!
O perfil do cenário pretendido apontava para um clássico leve, com uma “pitada” de campestre. Em termos de decoração floral, o pedido foi no sentido de se utilizarem flores brancas de pequena dimensão, assim como de se conjugarem flores mais elegantes com flores campestres. Traço a traço, cor a cor, pormenor a pormenor, a Susana Abreu construiu o dia de sonho do casal, criando o lugar perfeito para acolhê-los e aos seus familiares e amigos nesta celebração tão importante.

O espaço é fantástico, não fosse ele na praia. Tem muita madeira em tom claro, assim como todos os restantes elementos são em tons neutros, tons de areia. Escolhi combinar rosas, rosas de Sta. Teresinha, eustomas, margaridas, entre outras flores brancas, que contrastavam com elementos decorativos em ouro velho, tentando, sempre, ao encontro do estilo e do ambiente do próprio espaço.

Vamos, então, até à praia? Não deixem de espreitar outros “passeios” Inspirarte já aqui publicados: valem sempre a pena.

 

Créditos:

 

espaço: Praia da Luz – Porto
fotografia: Menino conhece Menina
decoração: Inspirarte
bouquet da noiva: Inspirarte

Marta Ramos

Casamento rústico e elegante, por Inspirarte

Já há algum tempo que não vos mostrávamos trabalhos da Inspirarte, e é sempre um prazer fazê-lo, pois o toque da Susana Abreu transforma todas as ideias em coisas bonitas. Hoje damos a salto a Vila do Conde e a um espaço belíssimo, profusamente verde, que pertence à família do noivo em questão. E foi esse verde que o casal elegeu para o seu dia, preferindo o exterior ao tradicional salão para eventos. Assim, foi colocado um magnífico estrado de madeira onde, em tempos, existira um court de ténis, e protegeu-se a área com uma tenda transparente, para que não se perdesse a paisagem ao redor.

O ambiente que os noivos desejavam criar ia muito ao encontro daquilo que é o meu trabalho. Creio que logo na primeira reunião percebi o que os noivos pretendiam — e eles identificaram-se com as minhas sugestões de materiais e com os elementos decorativos disponíveis no meu atelier.

A Susana contou-nos também que muito do mobiliário utilizado pertencia ao espaço, tendo-lhe a decoradora acrescentado alguns elementos escolhidos a dedo. Como o noivo é um habilidoso handyman, também pensou (e concretizou) várias das etapas do projecto: «O espaço era maravilhoso e pretendia-se criar um ambiente que fosse rústico, chique, campestre, botânico, natural, mas sobretudo elegante. A madeira reinava em absoluto e eu apostei em materiais que produzissem algum contraste, principalmente o vidro e o metal, para complementos. Quanto às flores, optei por arranjos desestruturados, uma mistura de flores clássicas com espécies mais exóticas, dentro dos tons de branco e verde, com um apontamento ‘something blue’.»

Vamos passear por todo este verde? Não se esqueçam de prolongar o passeio por outros trabalhos da Inspirarte já aqui publicados: só coisas impecáveis.

 

Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por InspirarteCasamento decorado por InspirarteCasamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por InspirarteCasamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte Casamento decorado por Inspirarte

Créditos:

espaço: Quinta do Alferes – Vila do Conde;
fotografia: João Cardoso Pereira;
decoração: Inspirarte

Susana Pinto

Open day na Quinta da Casa Grande: estão todos convidados!

É já este sábado, entre as 15h e as 21h, que a Quinta da Casa Grande, em Melres, Gondomar, abre as suas portas e dá as boas vindas à Primavera e a todos os noivos de casamento marcado.

Este open day irá apresentar os novos menus do Palace Catering, dar a conhecer o espaço, com design de interiores de Paulo Lobo, e mostrar o trabalho bonito dos parceiros habituais.

Das 15h às 21h, vão poder degustar algumas das especialidades do Palace Catering, conhecer o seu serviço e ver propostas de decoração dos fornecedores seleccionados Simplesmente Branco, como a Inspirarte, Por Magia, Romã Eventos e Jardin d’Époque, o trabalho fotográfico da dupla Lounge Fotografia e o fantástico serviço de iluminação de ambientes da Porto Festa.

Também vão estar presentes a Pilar Eventos, Crachá Wedding Agency, Saiotes, Sweet Soul, Music Beats, Jesus Peiro, Alecrim Flores e 50:50 Partytecture.

Resumindo, uma oferta de qualidade top num espaço a descobrir, com vista para o rio Douro. Prevê-se um dia cheio de sol, a entrada é livre, por isso, não deixem de passar por lá – vai ser óptimo!

 

casamento na QUinta da Casa Grande, em Gondomar.

 

Susana Pinto

Stock Off Inspirarte: 8 e 9 de Fevereiro

Todos os anos a Inspirarte dá uma volta ao seu armazém e inicia a sua limpeza de primavera: selecciona o que já não vai usar e dá lugar às novas peças que estão a chegar.

Quem conhece o trabalho de decoração da Susana Abreu, conhece bem a qualidade das peças de decoração que apresenta. Pois são mesmo essas que vão estar à venda no Stock Off Inspirarte, amanhã e sábado: almofadas, jarras, mesas, toalhas, tabuleiros, candelabros, abajurs, etc. Tudo bonito e de extremo bom gosto!

Este Stock Off vai ser no Sensy Wellness Center, na Rua Costa Cabral, 501/503, no Porto.
No dia 8, sexta-feira, das 14.30h às 19h e dia 9, sábado, das 10h às 19h.
Podem levar as vossas peças na hora ou, caso vejam alguma coisa na sexta-feira que não consigam recolher, podem fazê-lo no sábado.
Algumas peças existem em quantidades variadas (às dezenas!), como toalhas, jarras, tealights e para quem está interessado nas quantidades totais, pode recolher no atelier da Inspirarte durante a semana seguinte.
São peças em excelente estado de conservação, algumas delas nunca foram utilizadas, outras foram adquiridas para sessões fotográficas e como são quantidades reduzidas, não voltaram a ser utilizadas.

Passem por lá e boas compras!

 

Stock off Inspirarte

Susana Pinto

Simplesmente Branco & White Wedding Weekend

No próximo sábado, 10 de Novembro, às 16.30h, a convite da White Wedding Weekend, vou estar à conversa convosco, juntamente com a Maria João Soares, da Design Events, e a Susana Abreu, da Inspirarte.

Dito o desejado “sim!”, quando o turbilhão de emoções assenta, marcamos uma data e contamos os meses que faltam. E agora, por onde começar?
É exactamente sobre isto que vamos conversar.

 

Com a ajuda da Maria João Soares, wedding planner, e da Susana Abreu, decoradora, vamos dar-vos algumas ferramentas, esclarecer mitos, sugerir boas práticas e algumas ideias para que a vossa viagem até ao grande dia seja descomplicada, informada e muito feliz.

Se, por timidez, vos faltarem as perguntas, estarei lá eu para as fazer.

Wedding planning e decoração são a mesma coisa ou dois assuntos e actividades totalmente distintas?

Porque é importante marcar uma primeira reunião para falar de orçamentos? Há valor acrescido numa conversa presencial, em vez de um e-mail impessoal? É tempo ganho ou tempo perdido?
Como se constrói um orçamento?

Como se gerem as tensões e as cedências? E a assertividade, quando toda a gente tem uma opinião?

Estas e outras questões – as vossas! – serão respondidas por nós: estão todos convidados para esta bela conversa.

 

DJ Nuno Rodrigues - DJ para acsamento e animação para casamento

 

E já que nos vêm visitar, aproveitem também para conversar e ficar a conhecer melhor o DJ Nuno Rodrigues, fornecedor seleccionado Simplesmente Branco, que também lá vai estar, pronto para vos receber e mostrar a sua arte.

White Wedding Weekend, na Alfândega do Porto, sábado, 10 de Novembro, às 16.30h.

Vemo-nos lá?

 

Susana Pinto

À conversa com: Inspirarte – decoração e styling para casamentos

Esta semana, a conversa é com a Susana Abreu, da Inspirarte – decoração e styling para casamentos.

Acompanho o trabalho da Susana há mais de uma década – ainda o Simplesmente Branco nem estava no horizonte, já tínhamos trocado uns emails simpáticos, a propósito de um DIY coleccionável que eu fazia na altura, e a consistência que atravessa estes 10 aos de trabalho é, de facto, a sua melhor assinatura.

O trabalho da Susana é sempre, indiscutívelmente, bonito, mas não é apenas isso – é actual, é completo (há sofás, há candeeiros e abat-jours, há mesinhas de apoio, molduras e almofadas, plantas, pontos de luz) e é impecavelmente profissional, sem nunca deixar de ser elegante, confortável e apelativo ao olhar. A visão que tem para o vosso evento não se reduz à mesa dos noivos e restantes convidados, mas sim ao espaço total do evento, ao ambiente de toda a festa. Isso é um feito, e a linha que de facto separa um verdadeiro profissional do resto dos fornecedores, nunca duvidem.

 

Hoje comunica-se demasiado através do email e de outras plataformas digitais. Por vezes contactam-me apenas para pedir um orçamento sem querer agendar uma reunião presencial. Na minha opinião, é uma forma bastante redutora de fazer uma triagem. Tem que haver empatia, tem que se “captar” a essência do projeto que está a ser proposto, tem que se gostar dos materiais que o profissional tem disponíveis… Acima de tudo, tem que se perceber o que é que realmente esse profissional poderá oferecer. E isso não se consegue por email.

 

Como é que nasceu a Inspirarte?

A Inspirarte nasceu da identificação de várias oportunidades, sendo que a principal foi mesmo a de dar uma resposta às necessidades que existiam no mercado da decoração de eventos e dos casamentos em particular. Há 10 anos a oferta era insuficiente, tanto em quantidade como em qualidade. Tinha nessa altura uma loja de decoração de interiores e algumas das minhas clientes, que começavam a tratar dos pormenores do seu casamento, pediam-me frequentemente sugestões. Comecei a interessar-me por esta área, fiz algumas formações essenciais para quem quer ser profissional e avancei. Surgiu a Inspirarte!

 

Como defines a assinatura da Inspirarte?

Os meus projetos de decoração são pensados e personalizados ao pormenor. Se tivesse de escolher duas características, diria que simplicidade e elegância são, sem dúvida, a assinatura da Inspirarte. O lema “menos é mais” enquadra-se em tudo que faço! Alguém dizia que o maior sinal de qualidade era a inexistência de sinais de não qualidade. Esse é, do princípio ao fim de tudo o que faço, o meu maior objectivo. A delicadeza dos pormenores faz parte da essência da Inspirarte e assina claramente todos os projetos.

 

Esse estilo faz parte do ADN da marca ou é algo que escolheste como tendência e tema para este ano? Porquê?

A simplicidade e a elegância são intemporais! As tendências são importantes e inevitáveis, acabando muitas vezes por dar o tom à inspiração para novos projetos. Pensando em cores e tons, e utilizando um exemplo básico, recordo-me que há 10 anos os dourados raramente eram utilizados – e quando o eram serviam essencialmente para ilustrar uma decoração de gosto duvidoso… Imaginem só nos dias de hoje, gostando-se mais ou menos do tom, as decorações maravilhosas que se fazem com dourados!

 

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

As tendências da estação… são um assunto de trabalho ou apenas fait divers?

Noivos audazes querem propostas novas, diferentes, inovadoras… vão a0 encontro das tendências e modas, e gostam de surpreender no seu casamento. Como na moda, há quem só vista básicos e há quem esteja sempre em cima da última coleção. As tendências da estação, geralmente mais breves e passageiras, refletem a necessidade de apresentar alternativas para consumo imediato. Tal como a moda, a indústria dos casamentos não está imune a esse fenómeno. Ter flexibilidade para dar resposta a estas tendências, diferencia-nos enquanto profissionais.

 

Ter o controle das decisões é importante? Tens uma perspectiva perfeccionista e específica sobre o resultado e a forma como queres que o teu trabalho seja mostrado e vivido ou é o prazer discutir ideias, de criar e acompanhar o processo, que te interessa mais na relação com cada projecto, cada cliente?

Ter uma “linha” definida e mais ou menos rígida para a decoração de um casamento é essencial. Essa é para mim a essência do styling – a coerência. Mas para funcionar, e porque é para os noivos que tem que funcionar, só discutindo, simulando, formulando e reformulando é que as coisas farão sentido.

Em jeito de desabafo, entristece-me que por vezes esse esforço não seja compreendido, não seja valorizado. São dias que se investem neste “fine tunning” para que o resultado seja maravilhoso, e por vezes percebes que o “modelito”, a “chapa 5” vista neste ou naquele blog teriam chegado. Recuso-me, desde o primeiro dia, a copiar ou a adaptar trabalhos de outros. O que me move é criar. Não é, nem nunca será, replicar. Felizmente que a grande maioria dos noivos que me procura sabe que esta é a minha postura e porque quase todos estão a casar pela primeira vez e não têm noção do que resulta ou não resulta, acabo por ter uma grande liberdade criativa. Ao fim de umas centenas de casamentos, o know how que tenho soluciona-me muitos problemas e dissipa muitas dúvidas e receios. Fazer os meus noivos entenderem que por vezes as ideias que têm em mente não resultam, e demonstrar-lhes isso, é dos desafios mais interessantes do meu trabalho. Digo-lhes sempre que quando procuram um verdadeiro profissional desta área têm de se sentir confiantes – porque 1) sabemos o que estamos a fazer e porque 2) mais do que ninguém, queremos que o resultado do nosso trabalho seja fantástico aos olhos de todos! Discutir ideias é ótimo e enriquecedor para ambas as partes, criar um projeto a partir das ideias discutidas e ver o resultado final é o auge de tantas horas de trabalho!

 

Existem fórmulas vencedoras ou cada projecto de decoração é pensado totalmente de raiz?

Todos os projetos são pensados de raiz. Por vezes sou procurada por noivos a dizerem-me que viram um casamento meu publicado aqui ou ali e que querem um igualzinho… Explico-lhes que é impossível, que tal como a decoração não existem casais nem circunstâncias iguais. Não temos “packs”, aliás muitas das vezes, de um ano para o outro, já nem tenho determinado material ou acessório porque já o usei de variadíssimas formas e chego à conclusão que a sua substituição é necessária.

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

Onde buscas inspiração para cada nova temporada de trabalho?

Basicamente em tudo que me rodeia! Preciso e gosto de ter noção das tendências. Começo sempre pela decoração de interiores e tento aplicá-las nos eventos. Mas consulto blogs, como todas as profissionais da área, vejo revistas, viajo, passeio e observo.

 

E nos momentos de fadiga criativa, como refrescas a mente e o olhar?

Acho que criar faz parte de mim. O meu dia devia ter 48 horas para poder criar mais do que consigo, criar tudo o que tenho alinhavado nos meus esboços. Mas quando estou sem ideias basta um passeio pela cidade, visitar certas lojas de decoração, conversar com pessoas que me inspiram… a minha cabeça já vem a fervilhar para o atelier!

 

Como é o teu processo de trabalho, como crias uma ligação com os vossos clientes?

Sobretudo através da comunicação presencial. Hoje comunica-se demasiado através do email e outras plataformas digitais! Por vezes contatam-me apenas para obter um orçamento sem querer agendar uma reunião presencial. Na minha opinião, é uma forma bastante redutora de fazer uma triagem. Tem que haver empatia, tem que se “captar” a essência do projeto que está a ser proposto, tem que se gostar dos materiais que o profissional tem disponíveis… Acima de tudo, tem que se perceber o que é que realmente esse profissional lhes poderá oferecer! E isso não se consegue por email!

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

Inspirarte - decoração de casamento

 

Qual é a melhor parte de decorar um casamento? E o mais desafiante e difícil?

Chegar a um espaço que não tem nada e transformá-lo num ambiente perfeito é qualquer coisa de fenomenal! O desafio é mesmo esse, que às vezes é muito difícil de conseguir!

 

Qual foi o casamento em que mais gostaste de trabalhar? Porquê?

Para quem faz o que gosta, esta pergunta é muito difícil de responder. Saio sempre de um evento com a sensação de “missão cumprida”. Empenho-me em todos os projetos da mesma maneira e acreditem que o friozinho na barriga não é só para os noivos! Mas é extremamente gratificante, no dia seguinte, os noivos telefonarem-me a dizer que adoraram, que estava maravilhoso! É, sem dúvida, uma das coisas que me dá vontade de fazer mais e ainda melhor…

 

Escolhe uma imagem favorita do teu portfolio e conta-nos porquê:

Inspirarte - decoração de casamentos

 

A reacção da noiva quando entrou no espaço! São momentos espontâneos como este que me fazem adorar o que faço!

 

 

Os contactos detalhados de Inspirarte estão na sua ficha de fornecedor. Espreitem a galeria, feita de imagens maravilhosas, e contactem a Susana Abreu directamente através do formulário: é só preencher com os vossos dados e mensagem, e na volta do correio, terão uma resposta simpática.

 

Acompanhem estas nossas conversas longas com fornecedores seleccionados Simplesmente Branco, sempre à quarta-feira!